Cuiabá

Amor, respeito, dedicação e alegria, Joelma é servidora pública municipal há 30 anos

Publicado

 

Em comemoração ao Dia do Servidor Público, a Prefeitura de Cuiabá homenageia uma representante da categoria, a servidora Joelma de Souza Siqueira em nome de todos os mais de 18 mil servidores.

O amor dedicado às pessoas e pela profissão vem ao encontro do foco principal da gestão atual, que se preocupa com seus colaboradores e tem como destaque o conceito de valorização e humanização do servidor.

Joelma, trabalha no Município desde 1987 quando decidiu fazer estágio e foi lotada no Programa “Terra da Gente”. Na época com 22 anos ela fazia o curso de edificações pela Escola Técnica Federal. Como estagiária ficou por dois anos e foi a partir daí que o amor pela topografia e pelo trabalho começaram.

O ano era 1990 quando o prefeito da época Frederico Campos, autorizou um concurso público, Joelma não pensou duas vezes, fez a prova e passou, começando aí sua carreira e história por Cuiabá.

Ela conta que foram 15 anos atuando como agente administrativo. No início trabalhava junto com um engenheiro civil, fazendo serviços de campo, ia para os bairros, fazia a identificação dos lotes e quadras. Depois chegava na Secretaria e fazia à mão um memorial descritivo, o caminhamento de lote que seriam os números, distâncias, marcos e por fim, as escrituras. “Todos os bairros da baixada cuiabana eu tenho conhecimento. Os bairros Santa Isabel, Planalto, Novo Horizonte, até hoje tem no processo a minha letra. Atualmente temos GPS, drone, tudo moderno, tem programa no computador que você só coloca os pontos e o computador já calcula os marcos, antigamente não era assim”, explica.

Com 30 anos de casa e com um sorriso estampado no rosto, o orgulho de ser servidora pública não cabe no peito de Joelma, as histórias e a gratidão chegam a emocionar. Como está há muitos anos trabalhando na mesma área, ela conhece muitos colegas que atuam em diversas áreas e setores da Prefeitura e isso faz com que Joelma ajude pessoas que precisam de outros serviços que não estão ligados à habitação. Ela se recorda de um senhor que procurou a Secretaria de Habitação e Regularização Fundiária para solucionar um problema, em meio a conversa Joelma descobriu que não era a ali que resolveria a situação e gentilmente o orientou de qual seria a melhor solução para o caso. Com o passar do tempo foi em uma audiência pública, o mesmo senhor estava presente e pediu para o cerimonialista fazer um agradecimento ao microfone. “Ele disse que eu era um anjo que só foi na audiência porque sabia que eu estaria lá e que tinha resolvido o problema dele. Eu nem lembrava mas daquele senhor”, relata. 

Leia mais:  Setor V do bairro CPA III recebe serviços do Mutirão da Limpeza

Atualmente Joelma é diretora técnica de Regularização Fundiária, ela acredita que tirou um pouco da imagem ruim que alguns servidores públicos passam para a população. Ela observa que infelizmente ainda existem funcionários que trabalham com a cara fechada, mas que isso está mudando. “As pessoas humildes veem no poder público a imagem que o funcionário não dá muita importância, atenção para as pessoas e para os problemas. Antiga no setor e na Prefeitura, conhece a maioria dos servidores e sabe onde ficam as coordenações, com isso orienta os cidadão da forma correta a procurar seus direitos ou ir atrás das necessidades. Antigamente sabia o nome das pessoas, mas agora mudou, agora eu ligo pra alguém conhecido e peço pra pessoa procurar e resolver o problema daquele cidadão. Com isso ganho muitas orações, abraços, mimos, isso pra mim já vale mais do que meu próprio salário”, afirma.

Em um dos momentos mais emocionantes da entrevista, a servidora relembrou de uma história que aconteceu ainda na antiga gestão. Ela narra que foi escalada para ir em uma área no Bairro Dr. Fábio que seria desapropriada, chegando no local se deparou com aquele caos, pessoas chorando, outras brigando, gritaria e uma senhora lhe chamou muita atenção. De acordo com Joelma a senhora dizia que havia perdido o esposo há três dias e não poderia perder a casa também. A reação dela foi abraçar aquela mulher e perguntar se ela acreditava em Deus, respondendo que sim apenas disse pra ela confiar que Deus jamais abandonaria o seu filho. Quatro meses depois ela voltou no mesmo bairro para fazer um trabalho e chegando lá viu a mulher que a reconheceu, “na hora que ela me viu se ajoelhou no chão e agradeceu a Deus e me disse, aquele dia eu estava tão desesperada você me abraçou e me deu esperança e hoje em oração eu pedi a Deus pra que no dia da entrevista fosse você que viesse na minha casa”, finaliza emocionada.

Leia mais:  Meninas do Siminina ganham dia de lazer no Sesi Park em comemoração ao Dia das Crianças

Faltando 2 anos para se aposentar, Joelma descarta o fato de “pendurar a caneta” e afirma que não vai parar de trabalhar tão cedo. Pra ela não existe coisa mais importante na vida do que levantar todos os dias colocar um sorriso no rosto e saber que pode mudar e ajudar a vida de alguém.

Vale lembrar que cada servidor é importante para a instituição, cada trabalho executado é de grande valia. Por isso, é compromisso da Prefeitura de Cuiabá buscar sempre valorização do servidor.

Reconhece também o imenso valor de todos que fazem parte da administração do município. Um município não se administra sozinho, mas com a união de todos.

A todos os servidores que trabalharam e trabalham com empenho, honestidade e dedicação, Parabéns e muito obrigado!

Comentários Facebook
publicidade

Cuiabá

Cemitérios públicos estarão com os portões abertos desde as 6h no Dia de Finados

Publicado

por

Em decorrência a celebração do Dia de Finados, os cemitérios municipais terão seus horários de funcionamento alterados, no próximo sábado (02). Para receber os visitantes que procuram os locais para orar e homenagear em memória dos falecidos, os espaços estarão com as portas abertas desde as 6h e fecham às 17h. O período é válido aos seis cemitérios públicos do perímetro urbano, além dos outros cinco da zona rural.

Durante todo o dia, os munícipes serão recepcionados por funcionários, que entregarão flores, água e panfletos com orientações sobre como evitar a criação de focos do mosquito Aedes aegypti nos jazigos dos cemitérios. Na data, também estarão disponíveis a instalação de tendas, banheiros químicos e será ofertado um café da manhã. A programação terá também a celebração de missas.

Visando assegurar uma estrutura adequada para receber o público, a Prefeitura de Cuiabá está, desde segunda-feira (28), trabalhando na preparação das áreas. Os trabalhos são coordenados pela Secretaria de Serviços Urbanos e devem seguir ao longo de toda a semana. Neste intervalo, uma força-tarefa foi montada, garantindo a realização de todas as ações de zeladoria.

Leia mais:  SUGESTÃO DE PAUTA – Bom de Bola, Bom de Escola encerra Copa com grande festa no sábado (26)

Somados com os cinco da área rural (Sucuri, Bandeira, Coxipó do Ouro, Guia e Aguaçu), o Município é o responsável direto pela administração dos cemitérios do São Gonçalo, Despraiado e Pascoal Ramos. Já os cemitérios da Piedade, Porto e Coxipó da Ponte estão com a coordenação cedida à Empesa Cuiabana Administradora de Cemitérios.

“Esse é um momento especial àqueles que preservam essa tradição. Por isso, montamos um planejamento que tem nos permitido executar um trabalho completo. Estamos fazendo todo serviço de poda de árvores, capinação, varrição e pintura. São ações que possibilitam que as pessoas possam ter um espaço bem zelado e prestem as homenagens aos seus entes queridos com tranquilidade”, explica o secretário de Serviços Urbanos, José Roberto Stopa.

 

 

Comentários Facebook
Continue lendo

Cuiabá

SUGESTÃO DE PAUTA: 5ª edição do projeto da Prefeitura de Cuiabá comemora o dia nacional do livro com incentivo à leitura

Publicado

por

O Dia Nacional do Livro está sendo comemorado em Cuiabá com uma programação especial. A partir desta terça-feira (29) até a próxima quinta-feira (31), das 8h às 17h, a Prefeitura de Cuiabá e a Secretaria Municipal de Educação, por meio das Bibliotecas ‘Saber com Sabor’, realizam o projeto Livro Esquecido. Aproximadamente 2 mil exemplares de diversos gêneros e autores estarão sendo propositalmente ‘esquecidos’ em vários pontos da cidade, incluindo praças, parques, pontos e terminais de ônibus, com grande circulação de pessoas. O objetivo é levar conhecimento, cultura, lazer e entretenimento aos cuiabanos, de todas as idades.

A ideia é inspirada no conceito de Bookcrossing, criado nos EUA no começo dos anos 2000, explica a coordenadora das Bibliotecas Comunitárias ‘Saber com Sabor’, Edvair Pereira Alves. “Esse conceito combina leitura e urbanidade, convidando os leitores a deixarem livros em locais diferentes, pela cidade, para que outras pessoas possam encontrar, ler e voltar a abandoná-los, numa espécie de cadeia em favor do acesso à leitura. Existem diferentes versões do Bookcrossing espalhadas por cidades do Brasil e do mundo, incentivando crianças, jovens e adultos a ler”, contou Edvair Alves.

Leia mais:  Simininas fazem bonito na passarela da 10ª Edição do Moda Kids

Em Cuiabá, o projeto Livro Esquecido está na sua quinta edição e já foi realizado em vários formatos todos oportunizando aos cuiabanos, documentários, romances, livros de suspense e ficção, autoajuda, bíblicos, religiosos, de poemas e poesias, escolares, sobre profissões e uma infinidade de áreas. “Os livros são doados pela sociedade e nosso objetivo é atingir o maior número de pessoas nos quatro cantos da cidade para que possamos diversificar os meios de incentivo à leitura; propiciar o acesso e a democratização da informação e promover a formação do indivíduo, o resgate da cidadania, da autoestima e da interação social”, salientou a coordenadora.

Nesse período, nas Bibliotecas Comunitárias dos bairros Pedra 90, Santa Izabel, Cidade Verde e Osmar Cabral, estarão acontecendo atividades culturais com leituras, contação de histórias, desenho e pintura e, aqueles que quiserem doar livros, podem procurar uma das seis Bibliotecas “Saber com Sabor” ou pontos de leitura, localizados na sede da Secretaria Municipal de Educação, ou na Biblioteca Consciente, no Distrito do Aguaçu.

 

Saiba mais

Leia mais:  Prefeitura de Cuiabá convoca aprovados nas funções de CAD e TNE

O Dia Nacional do Livro (29 de outubro) é a data de aniversário de fundação da Biblioteca Nacional, que nasceu com a transferência da Real Biblioteca Portuguesa para o Brasil.

 

Serviço

Comemoração do Dia Nacional do Livro

Datas: 29, 30 e 31 de outubro

Locais: Praças, parques, pontos e terminais de ônibus e outros

Horário: 08h às 17h

Atividades Culturais: Bibliotecas Comunitárias dos bairros Pedra 90, Santa Izabel, Cidade Verde e Osmar Cabral

Locais: Proximidades da Praça 08 de Abril e Praças Rachid Jaud, Popular, Ipiranga, Maria Taquara, da República, Bispo, Santos Dumont, da Mandioca, Praça Cultura CPA III, Presidente Costa e Silva/Popular, das Lavadeiras, da Lixeira, dos Motoristas e Orla do Porto. E ainda nos Parques da Nascente, na Morada do Ouro II, da Família, no bairro Bela Vista, Mãe Bonifácia, Massairo Okamura, Zé Bolo Flor, Tia Nair e das Águas.

 

 

Comentários Facebook
Continue lendo

Momento MT

Momento Nacional

Momento Esportes

Momento Entretenimento

Mais Lidas da Semana