Momento Saúde

Anvisa: sugestões para rótulos de alimentos podem feitas até dezembro

Publicado

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) prorrogou até 9 de dezembro o prazo para o envio de comentários e sugestões a duas consultas públicas abrangendo a rotulagem nutricional de alimentos (CPs 707 e 708).

Por meio dessas consultas, a Anvisa pretende facilitar a compreensão das informações nutricionais deixando “mais visíveis e legíveis” os dados nutricionais nos rótulos. E, dessa forma, dar ao consumidor melhores condições para comparar produtos; reduzir situações que geram engano; bem como ampliar a abrangência de informações nutricionais e aprimorar a precisão dos valores declarados pela indústria.

Segundo a Anvisa, “a CP [consulta pública] 707 trata da proposta de Resolução da Diretoria Colegiada (RDC) que contém uma série de novidades para ajudar os consumidores na hora da escolha de alimentos embalados. Já a CP 708 traz o texto da Instrução Normativa (IN) com os requisitos técnicos para declaração da rotulagem nutricional nesses alimentos pelas indústrias”.

Para participar das consultas públicas é importante, antes, conhecer as propostas de RDC e de instrução normativa já disponibilizadas na área de consulta pública do site da Anvisa, assim como as CPs 707 e 708.

O envio das sugestões é feito por meio eletrônico, após o preenchimento de um formulário quando será disponibilizado o número de protocolo do registro de participação. A Anvisa informa que as contribuições recebidas são consideradas públicas e estarão disponíveis a qualquer interessado, por meio de ferramentas contidas no menu “resultado” do formulário eletrônico, inclusive, durante o processo de consulta.

Quem quer contribuir, mas não tem acesso à internet também podem participar, enviando sugestões e comentários por escrito, para o endereço: Agência Nacional de Vigilância Sanitária/Gerência Geral de Alimentos – GGALI – SIA, Trecho 5, Área Especial 57, Brasília-DF, CEP 71.205-050.

Edição: Kleber Sampaio
Fonte: EBC Saúde
Comentários Facebook
publicidade

Momento Saúde

Brasil continua com quatro casos suspeitos de coronavírus

Publicado


O total de casos suspeitos de infecção pelo novo coronavírus no Brasil continua em quatro, segundo a atualização mais recente do Ministério da Saúde. Nas últimas 24 horas, um caso foi descartado no estado de São Paulo, mas uma nova suspeita surgiu no estado do Rio de Janeiro. 

Desde o início do monitoramento, 55 suspeitas de Covid-19, doença provocada pelo novo vírus, foram descartadas em todo o país. Os estados que lideram os descartes são Paulo, com 26 pacientes analisados; Rio Grande do Sul, com dez pacientes, e Rio de Janeiro, com oito. 

Critérios

Nesta segunda-feira (24) o Ministério da Saúde ampliou os critérios para definição de caso suspeito para o novo coronavírus. Agora, também estão enquadradas dentro desta definição as pessoas que apresentarem febre e mais um sintoma gripal, como tosse ou falta de ar, e chegando dos seguintes países: Alemanha, Austrália, Emirados Árabes, Filipinas, França, Irã, Itália e Malásia. A lista já incluia, além da China, Cingapura, Coreia do Sul, Coreia do Norte, Camboja, Japão, Tailândia e Vietnã. 

A doença continua se espalhando pela Europa. Na Itália, o número de mortes pelo virus saltou para 11 e o total de casos confirmados subiu para 300. Na Espanha, um hotel nas Ilhas Canárias com 1 mil hóspedes e funcionários foi posto sob quarentena, depois da confirmação de um caso no local, de um turista italiano. Outro caso foi confirmado na região Catalunha. Suíça, Áustria e Croácia confirmaram os primeiros registros da doença.

 

Edição: Aline Leal

Fonte: EBC Saúde

Comentários Facebook
Continue lendo

Momento Saúde

Áustria, Croácia, Espanha e Suíça registram primeiros casos do coronavírus

Publicado


source
Hotel arrow-options
Reprodução

Espanha registrou primeiros casos do coronavírus nesta semana

Quatro novos países registraram casos de Covid-19, a doença causada pelo novo coronavírus. Áustria, Croácia, Espanha e Suíça agora engrossam a lista de nações que já tem ao menos uma pessoa infectada, elevando o total para 10 na Europa.

Leia também: Número de mortos pelo coronavírus na China já ultrapassa 2.660

Segundo informações do jornal britânico Daily Mail, os dois casos na Áustria foram registrados na cidade de Innsbruck. Um dos jovens vem da Lombardia, uma das regiões da Itália que foi mais afetada pela epidemia do coronavírus . Ainda de acordo com a publicação, os dois pacientes devem permanecer em quarentena.

Já na Croácia, a confirmação foi feita pelo primeiro-ministro Andrej Plenkovic e disse que o paciente, que não teve a idade informada, tem sintomas leves e esteve em Milão entre os dias 19 e 21 de fevereiro. Por fim, na Suíça, o caso foi registrado no cantão de Ticino, região que fica na fronteira com a Itália.

Novos casos na Espanha

Anteriormente, o país já havia confirmado os dois primeiros casos em em Mallorca, quando dois turistas, um da Alemanha e outro do Reino Unido, foram diagnosticados com a doença. Nesta terça (25), registrou uma nova infecção, desta vez na região da Catalunha, a primeira na parte continental espanhola.

Por fim, também nesta terça, um turista italiano também foi diagnosticado com o coronavírus e obrigou um hotel quatro estrelas em Tenerife, nas Ilhas Canárias, a colocar todos os mil hóspedes e os funcionários em quarentena até que novos testes sejam realizados.

Leia também: Bolsonaro comete infração de trânsito em passeio de moto no Guarujá; assista

“Por enquanto, os hóspedes ficam no hotel até o segundo teste e, dependendo dos resultados, medidas de saúde apropriadas serão tomadas”, disse a porta-voz do governo Maria Montero, em entrevista coletiva.

Fonte: IG SAÚDE

Comentários Facebook
Continue lendo

Momento MT

Momento Nacional

Momento Esportes

Momento Entretenimento

Mais Lidas da Semana