Carros e Motos

BMW X6 M Sport 2021: um SUV esportivo para (bem) exigentes

Publicados

em


source


BMW X6
Divulgação

BMW X6 X Drive40i M Sport: cara de mau não é mero acaso. O SUV com ares de cupê tem desempenho de tirar o fôlego

Parado no trânsito, ao volante do BMW X6 M Sport da linha 2021, ouço um palavrão: “P****, isso é um X6zão..?!” Era o entregador de pizzas indignado com o jeito nada discreto do SUV com ares de cupê, o primeiro que apareceu no mercado (em 2008) e que agora passa a ter uma versão repaginada no Brasil. Pois é, o legado do designer americano Chris Bangle continua deixando marcas, mesmo 12 anos depois que sua criação foi apresentada ao público.

Não é para menos que o rapaz pirou. Dê uma olhada nesse SUV de 4,93 metros de comprimento por nada menos que 2,0 m de largura, 1,70 m de altura e 2,98 m de entre-eixos. Tudo é superlativo nesse carro, que custa R$ 567.950, pesa 2.055 kg, tem rodas de aro 22, porta-malas de cavernosos 580 litros e tanque de outros 83, o dobro do que cabe em um hatch compacto nacional. Exagero? Depois do BMW X6 , vieram os rivais, entre os quais Mercedes GLE , Audi Q8 e Porsche Cayenne Coupé , todos com o mesmo nível de extravagância.

Se a ideia é chamar atenção, ter espaço (e fôlego) de sobra e ainda poder enfrentar alguns trechos de terra com valentia e muito estilo, então pode continuar pensando em um X6 2021 se sua conta bancária estiver bem forrada. Essa cara de vilão do “Mad Max” do BMW não é mero acaso.

Sob o capô fica um 3.0, biturbo, de seis cilindros, capaz de gerar 340 cv e nada desprezíveis 45,9 kgfm de torque a meros 1.500 rpm. Na prática, isso significa que basta pisar com fé no acelerador para sua cabeça ser jogada contra o encosto banco enquanto acelera de 0 a 100 kmh em apenas 5,5 segundos. Nada mau para um gigante de mais de duas toneladas, não?

Leia Também:  Chevrolet Tracker LTZ 1.0 Turbo estreia a partir de R$ 105.490

E saiba que o carro se mostra ágil nas curvas como um esportivo bem menor com ajuda dos milagres da engenharia. Um deles atende pelo nome de suspensão ativa com molas pneumáticas, controladas eletronicamente, o que evita rolagem exagerada da carroceria, contribuindo com o equilibrio do carro. Some-se a isso a tração integral sob demanda e ao câmbio de 8 marchas e terá a receita certa para alegrar o seu dia com doses de adrenalina.

BWM X6 M Sport e a tecnologia

BMW X6
Divulgação

O que não falta é alta tecnologia a bordo do novo X6. Multimídia de última geração conectada à internet e tela de alta resolução

Mas se quiser ir mais devagar com o andor terá outros tipos de tecnologias à disposição. Umas delas é a que assume o controle do carro. Isso mesmo, o BMW X6 M Sport 2021 tem nível de automação nível 2, que freia, acelera e move o volante sozinho. Basta apenas apertar um botão no próprio volante, que fica com aros verdes quando o sistema estiver no comando e amarelos para alertar o motorista a dar um toque na direção.


Há também o chamado “Parking Assistant Plus”, recurso que mede espaços para estacionar automaticamente com uso de sensores e câmeras. Além disso, o novo X6 também conta com visão noturna, capaz de identificar pedestres e animais com antecedência em situações de baixa visibilidade.

Leia Também:  Empresa vai distribuir escudo de cabine para carros de aplicativo

Ainda ntre os destaques também está a central multimídia conectada à internet e com tela de alta resolução, o que inclui GPS embutido com informações do trânsito atualizadas em tempo real. E o “Head Up Display” colorido, que projeta informações como velocidade e coordenadas do GPS no para-brisa para que o motorista não precise desviar atenção do trânsito.A sensação é de estar no meio do filme “Tron: O Legado”.

O precursor dos SUVs de luxo com ares de cupê ficou ainda maior que a geração anterior (2,6 cm a mais de altura, 2,0 cm a largura e 4 cm de entre-eixos extras). Então, não cabe em qualquer vaga, pricipalmente de alguns shoppings e condomínios. Para ajudar a estacionar, porém, há câmeras com visão de 360 graus com sensores de aproximação.

Conclusão

Existem os que torcem o nariz para os SUVs de luxo com jeito de cupê, mas acho que esse tipo de carro acaba sendo eclético para quem pode comprar um modelo de alto valor. Entre os modelos do segmento, o BMW X6 não tem vida fácil. Mas mostra que preza pelo conjunto bem acertado e pela sofisticação.

Ficha técnica

BMW X6 M Sport 2021

Preço: a partir de R$ 567.950

Motor: 3.0, seis cilindros, biturbo, gasolina

Potência: 340 cv a 5.500 rpm

Torque: 45,9 kgfm a 1.500 rpm

Transmissão: Automático, 8 marchas, tração integral

Suspensão: Independente, McPherson (dianteira) / multibraço (traseira)

Freios: Discos ventilados (dianteiros e traseiros)

Pneus: 275/35R 22 (dianteiros) e 315/30R 22 (traseiros)

Dimensões: 4,94 m (comprimento) / 2,00 m (largura) / 1,70 m (altura), 2,98 m (entre-eixos)

Tanque: 83 litros

Porta-malas: 580 litros

Consumo gasolina: 7,9 km/l (cidade) / 9,6 km/l (estrada)

0 a 100 km/h: 5,5 segundos

Velocidade máxima: 250 km/h

Fonte: IG CARROS

Propaganda

Carros e Motos

Confira os principais destaques do renovado BMW M5 2021

Publicados

em


source


BMW
Divulgação

BMW M5 2021: retoques no visual, mais itens sofisticados e potência suficiente para acelerar de 0 a 100 km/h em meros 3,1 segundos

O sedã esportivo M5 já é um dos modelos de três volumes e quatro portas mais poderosos da linha atual da BMW no mercado brasileiro. Mas ainda há espaço para melhorar a partir de 2021, quando devem chegar ao Brasil os carros com o visual reestilizado apresentado recentemente na Europa, o que deixou o sedã esportivo com uma cara ainda mais amedrontadora.


Na dianteira, o visual do BMW M5 ficou ainda mais agressivo com os novos faróis de LED e a nova grade frontal maior, além da adoção dos para-choques mais encorpados e com detalhes de acabamento em preto brilhante. Já na traseira, os destaques são as novas lanternas traseiras com design em 3D e o difusor redesenhado. As rodas de 19″ também são novas, mas podem ser trocadas por peças de 20″.

Leia Também:  Empresa vai distribuir escudo de cabine para carros de aplicativo

Por dentro, a central multimídia trocou a tela de 10,25″ por outra de 12,3″ e ganhou conexão sem fio com Android Auto e Apple CarPlay. Outra novidade, desta vez vinda do M8 , é o sistema de comando do seletor de modos de condução com dois botões.


A lista de itens de série e opcionais do BMW M5 inclui freios de carbono com pinças na cor dourada, sistema de escape de sonoridade variável, o sistema de direção seminautônomo Driving Assistant Professional com assistente de congestionamento, e áté a opção de transformar o celular em chave do veículo, via tecnologia NFC.

Mecanicamente, o BMW M5 segue com o mesmo motor 4.4 V8 biturbo, usado no carro atual, que desenvolve 600 cv na sua variação padrão. Pouco mais potente, a M5 Competition despeja 625 cv e permite ao sedã esportivo acelerar de 0 a 100 km/h em 3,1 segundos. Em ambas as variações, o câmbio usado é um automático de oito marchas, combinado com um sistema de tração integral.

E por falar em BMW M5 Competition, esta variação chama atenção ainda por outros detalhes como a suspensão sete milímetros mais baixa que a do M5 “normal”, e que é equipada com amortecedores vindos do M8 Gran Coupé

Leia Também:  Veja 5 versões do Ford Focus que não tivemos no Brasil
Fonte: IG CARROS

Continue lendo

MOMENTO POLICIAL

MOMENTO DESTAQUE

MOMENTO MULHER

MOMENTO PET

MAIS LIDAS DA SEMANA