Carros e Motos

Confira os valores de seguro dos carros mais vendidos em agosto

Publicados

em


source
Chevrolet Onix
Divulgação

O novo Onix recupera o posto de modelo mais vendido, mas nem ele escapa de aumento nos preços do seguro

A Minuto Seguros acaba de realizar um estudo com base na lista divulgada pela Fenabrave (Federação Nacional da Distribuição de Veículos Automotores) com os carros mais vendidos no Brasil em agosto. Após ter perdido a primeira colocação no ranking dos carros mais vendidos do Brasil em julho, o Chevrolet Onix retornou à liderança com 10.609 unidades comercializadas.

O modelo registrou elevação de 13% no preço médio do seguro automotivo para os homens, já que o valor saiu de R$ 1.677 para R$ 1.897. Já para as mulheres houve redução de 3% na média das cotações.

Outro modelo que retornou à sua posição após uma queda no mês anterior foi o Hyundai HB20 . De volta à segunda colocação, apresentou queda no preço médio do seguro para os homens em São Paulo e no Rio de Janeiro. O seguro automotivo ficou 3% mais barato na capital carioca e 1,75% na paulista. Já as mulheres viram o valor diminuir na média das cotações em 2,5%, com destaque para a redução de 21,3% no Rio de Janeiro.

Ford Ka
Divulgação

Ford Ka é o único modelo que ficou mais barato de fazer seguro, tanto para homens quanto para mulheres

Fora do Top 5 desde abril de 2020, o VW Gol deu um salto no ranking dos mais vendidos e alcançou a terceira colocação na última publicação. No que diz respeito ao preço do seguro, o modelo mais popular da Volkswagen registrou elevação tanto para homens quanto para mulheres.

Leia Também:  Chevrolet Onix Premier ganha conexão sem fio na linha 2021

Para o perfil masculino, o valor médio saltou de R$ 1.751, em julho, para R$ 1.991, em agosto, o que significa um aumento de 13,7%. Já o público feminino viu o preço sair de R$ 1.534 para R$ 1.743, uma alta de cerca de 4%.

Além disso, chamou a atenção o retorno do Ford Ka aos 10 primeiros lugares, mesmo na décima colocação. O modelo conta com o preço médio do seguro mais barato para homens e mulheres. Para elas, inclusive, houve redução de 9,5% na média entre as capitais cotadas, já que o valor passou de R$ 1.427, em julho, para R$ 1.292, em agosto.

Em relação ao público masculino, destaque para a estabilidade dos preços em São Paulo e no Rio de Janeiro, com uma leve queda que, em reais, foi de R$ 18 e R$ 13, respectivamente.

Jeep Compass
Divulgação

Entre os SUVs, o Jeep Compass foi o modelo que mais segurou cotação dos seguros, ate o registro anterior

Entre os SUVs, o Jeep Compass — que caiu da queda da sexta para a oitava colocação na lista — terminou agosto com boas notícias quanto ao seguro. Os homens pagavam R$ 3.641 no seguro, valor que caiu para R$ R$ 3.187 em agosto, o significa uma redução de 12,5% no preço médio do seguro.

Leia Também:  Nova Fiat Strada ganha série especial Opening Edition por R$ 92.290

Para o público feminino, houve elevação inferior a 1% na cotação realizada na capital paulista. No que diz respeito à média dos valores cotados entre todas as cidades, houve elevação de 8% para os homens e 7,3% para as mulheres.

Líder nas vendas em julho, o T-Cross registrou elevação de 24,7% para o público masculino e 9,2% para o feminino. O mesmo aconteceu com o Chevrolet Tracker, sétimo lugar na lista, cujas cotações médias subiram 28% para os homens e 4% para as mulheres.

Por fim, o Fiat Argo teve redução de 1% enquanto na carioca, chegou a cerca de 2%. Já para as mulheres, o valor do seguro automotivo do modelo da Fiat ficou 2,2% mais barato, levando em conta a média entre todos os locais cotados. Clique na tabela de preços a seguir e veja os valores.

Seguros
Divulgação

Tabela de preços dos seguros


Fonte: IG CARROS

Propaganda

Carros e Motos

Desenhos de patente revelam futura Suzuki V-Strom de 160 cc

Publicados

em


source
Reprodução

“Mini” Suzuki V-Strom será a versão da motocicleta da marca japonesa com baixa cilindrada e preço mais em conta


Conhecida pelas motos de pegada aventureira, a linha Suzuki V-Strom está prestes a ganhar uma variação de baixa cilindrada. É o que revelam as imagens do pedido de registro industrial feito na China pela Haojue, fabricante que é parceira da marca japonesa no país asiático.


A “mini” V-Strom vai seguir o mesmo estilo das irmãs maiores, com destaque para a posição de pilotagem ereta, o conjunto óptico frontal, o assento em peça única, um amplo espaço para um bagageiro e o escape lateral.

Nas imagens da patente, é possível notar ainda que o modelo irá empregar um motor monocilíndrico, que provavelmente deverá ser o mesmo bloco de 162 cc que equipa a Haojue DR 160 vendida no Brasil, dotado de duplo comando e capaz de desenvolver 15 cv.


Leia Também:  Nova Fiat Strada ganha série especial Opening Edition por R$ 92.290

Caso fosse oferecido no mercado brasileiro, o modelo ocuparia a mesma faixa de mercado de motos como a Honda NXR 160 Bros e a Yamaha Crosser 160. Acredita-se que a Suzuki vai adotar para a V-Strom de 160 cc a mesma estratégia adotada com a Haojue DR 300, que é exportada para países como a Índia com o nome de Suzuki GSX-S300.

Por aqui, a Suzuki deve apresentar em breve a nova V-Strom 1050. Uma das novidades apresentadas em 2019 pela Suzuki no EICMA, o Salão de Motocicletas de Milão (Itália), o modelo teve o um pedido de patente para a moto no INPI feito pela J.Toledo, representante da Suzuki no Brasil.

Fonte: IG CARROS

Continue lendo

MOMENTO POLICIAL

MOMENTO DESTAQUE

MOMENTO MULHER

MOMENTO PET

MAIS LIDAS DA SEMANA