Momento Esportes

Coronavírus: GP de Baku de F1 é adiado

Publicado


.

A Federação Internacional de Automobilismo (Fia) anunciou nesta segunda (23) que o Grande Prêmio de Fórmula 1 de Baku (Azerbaijão) foi adiado por conta do avanço da pandemia global do novo coronavírus (covid-19).

Desta forma, a prova, que estava marcada para o dia 7 de junho, torna-se a oitava da temporada a ser adiada ou cancelada, após as mudanças nos Grandes Prêmios da Austrália, do Bahrein, do Vietnã, da China, da Holanda, da Espanha e de Mônaco.

Os organizadores do GP de Baku afirmaram que “o adiamento foi acertado após extensas discussões com a Fórmula 1, bem como com a FIA e o Governo da República do Azerbaijão”.

“Isso é resultado direto da pandemia global contínua do covid-19 e foi inteiramente baseado nas orientações de especialistas fornecidas pelas autoridades relevantes”, diz a Fia.

Temporada mais curta

Também nesta segunda, o diretor executivo da categoria, o norte-americano Chase Carey, afirmou que espera promover uma temporada mais curta, com um mínimo de 15 corridas.

“Estamos todos comprometidos para trazer aos nossos fãs a temporada de 2020”, afirmou Carey.

Além disso, o dirigente declarou: “Reconhecemos que há um potencial significativo para mais adiamentos em eventos atualmente marcados, mesmo assim nós e nossos parceiros esperamos completamente que a temporada se inicie em algum momento do verão [europeu], com um calendário revisado de 15 a 18 corridas”.

Edição: Fábio Lisboa

Comentários Facebook
publicidade

Momento Esportes

Representante de clubes lamenta falta de acordo coletivo com jogadores

Publicado


.

O presidente do Fluminense, Mario Bittencourt, que representa a Comissão Nacional dos Clubes (CNC), divulgou vídeo neste sábado (28), lamentando a falta de acordo entre clubes e jogadores sobre como proceder em meio à pandemia do novo coronavírus. Com as competições paralisadas, a CNC enviou duas propostas para a Federação Nacional dos Atletas Profissionais de Futebol (Fenapaf) que foram rejeitadas pelos atletas e pelos 21 sindicatos.

De acordo com o dirigente, a segunda proposição surgiu da reunião de cerca de 30 presidentes de clubes e a CBF, acerca de concessão de férias coletivas de 20 dias a todos os jogadores e a redução de 25% dos salários, enquanto os campeonatos estiverem suspensos.

“Nós optamos de forma unânime, por colocar todos os atletas e os departamentos de futebol em férias coletivas a partir do dia 1° de abril, garantindo a eles o que prevê a Medida Provisória 927 do Governo Federal e deixar que as negociações sigam individualmente, entre cada clube com seus atletas e com os sindicatos locais.”, disse Bittencourt.

A MP citada pelo porta-voz dos clubes, dispõe sobre as medidas trabalhistas que poderão ser adotadas pelos empregadores para preservar emprego e renda ao trabalhador, durante o estado de calamidade pública.

Negociações

O representante da CNC diz também que as diretorias seguem negociando com os jogadores e citou que o presidente do Fortaleza, Marcelo Paz, lhe telefonou e informou que o clube nordestino já negocia com os atletas individualmente.

“Até mesmo em razão do Brasil ser um país de dimensão continental, a gente acabou não conseguindo êxito em fazer um acordo com todos os jogadores, um acordo equânime. Entretanto, conseguimos algo que eu considero uma vitória dos clubes, que foi a união.”

Em relação ao calendário do futebol brasileiro, há o entendimento entre os clubes das séries A, B, C e D na preservação dos estaduais e na manutenção do formato de pontos corridos do Campeonato Brasileiro.

Edição: Denise Griesinger

Comentários Facebook
Continue lendo

Momento Esportes

COI diz que atletas mantêm vagas para os Jogos Olímpicos em 2021

Publicado


.

O presidente do Comitê Olímpico Internacional(COI), Thomas Bach, confirmou neste sábado (28), que os atletas que já haviam conquistado a classificação para os Jogos Olímpicos em 2020 estão automaticamente com as respectivas vagas asseguradas para 2021.

“Está claro que os atletas que se qualificaram para os Jogos Olímpicos de Tóquio 2020 permanecem qualificados. Isso é uma consequência do fato de que esses Jogos Olímpicos de Tóquio 2020, em acordo com o Japão, continuarão sendo os Jogos da XXXII Olimpíada” – afirmou o presidente do COI.

O comitê estima que 11 mil atletas de 204 países disputem os Jogos Olímpicos, e desse total 53% já garantiram suas vagas. O Brasil já tem assegurado 178 atletas no evento entre as modalidades coletivas e individuais. Previstos para este ano, os Jogos Olímpicos foram transferidos para 2021 em razão da pandemia do coronavírus.

Edição: Kleber Sampaio

Comentários Facebook
Continue lendo

Momento MT

Momento Nacional

Momento Esportes

Momento Entretenimento

Mais Lidas da Semana