ECONOMIA

Governo de Mato Grosso paga salários dos seus servidores públicos que recebem pelo Banco do Brasil neste sábado(28) os demais na segunda

Publicados

em

Os Salários dos servidores públicos de maio serão pagos pelo governo de Mato Grosso neste sábado (28).

A folha de pagamento líquida, segundo a Secretaria de Estado de Fazenda (Sefaz), é de R$ 589.201.330.

Os valores pagos no sábado serão para os servidores que recebem o salário em conta no Banco do Brasil.

Nos casos de portabilidade a outros bancos, o pagamento será creditado na segunda-feira (30).

Do total a ser pago, R$ 392,61 milhões destinam-se ao pagamento dos servidores ativos e R$ 196,58 milhões para inativos e pensionistas.

As ordens de pagamento foram encaminhadas ao Banco do Brasil na manhã desta sexta-feira (27).

 

Otavio Ventureli(da Redação com Secom MT)

Leia Também:  Vendas de veículos zero quilômetro fechou o mês de julho com uma queda de 6,3% segundo a Fenabrave

ECONOMIA

Gastança do finheiro público: AL MT gasta só no 1º semestre do ano mais de dois milhões e meio de reais em combustível

Publicados

em

Os 24 deputados estaduais gastaram no primeiro semestre de 2022 mais de R$ 2,4 milhões em combustível.

Os valores referentes aos meses de janeiro a junho estão declarados em relatório postado no Portal da Transparência na Casa de Leis. Com o valor gasto, seria possível encher o tanque de uma caminhonete 5,7 mil vezes.

Todos os parlamentaram estão concorrendo no pleito deste ano seja para a reeleição e para a Câmara Federal.  

O deputado que mais gastou nos seis primeiros meses do ano foi o primeiro-secretário da Assembleia Legislativa, Max Russi (PSB) que empregou R$ 127 mil na aquisição do produto, que tem apresentado altas relevantes durante este ano.  

Os deputados Allan Kardec (PSB) e Elizeu Nascimento (PL) também estão entre os que mais usaram o benefício, consumindo R$124 mil em gasolina, etanol e diesel, seguido de Valmir Moretto (Republicanos) que gastou R$ 123 mil em combustível.

O Líder do governo na Assembleia, Dilmar Dal Bosco (União) também foi um dos que mais usou o combustível fornecido pelo poder público.

Leia Também:  IBGE abre nova seleção com 157 vagas e salários de até R$ 3.100

Em seis meses seu gabinete consumiu R$ 122 mil, assim como o deputado Valdir Barranco (PT) que gastou R$ 120 mil.  

A proximidade das eleições também influenciou o consumo, só em junho, começo da pré-campanha, os parlamentares gastaram R$ 481 mil.

Deputados, que começaram o ano usando em torno de R$ 10 mil em combustível, chegaram em junho com gastos acima de R$ 20 mil.  

João Batista (PP) que em janeiro consumiu R$ 13 mil quase dobrou dos seus gastos em junho, abastecendo R$ 24 mil no sexto mês. Dr. João (MDB) que no começo de 2022 consumia R$ 13 mil passou a gastar R$ 25 mil, assim como o Dr. Gimenez (PSB), que de R$ 12 mil foi para R$ 23 mil.  

Outro deputado com salto significativo dos gastos foi o presidente da Casa, Eduardo Botelho (União), que gastou em janeiro R$ 8 mil e em junho R$ 25 mil.    

Xuxu Dal Molin (União) também teve crescimento nos gastos, de R$ 8 mil subiu para R$ 15 mil.

Leia Também:  Tentando se reabilitar dos últimos resultados Botafogo enfrenta Atlético GO neste sábado as 21hs no Engenhão

Até mesmo o deputado Ulysses Moraes (PTB), que levanta a bandeira de não consumir recursos públicos, teve aumento em seus gastos com gasolina, no período de pré-campanha. Antes gastando R$ 4 mil, teve um consumo de R$ 12 mil em junho.  

Ainda entre os mais gastaram Carlos Avalone (PSDB) R$ 114 mil, Gilberto Cattani (PL) 116 mil, Nininho (PSD) R$ 110 mil, e Thiago Silva (MDB) 101 mil, somando os seis primeiros meses deste ano, que é eleitoral.  

Entre os mais econômicos estão Sebastião Rezende (PSC) R$ 73 mil, Lúdio Cabral (PT) R$ 56 mil, Dr. Eugênio (PSB) R$ 82 mil, Faissal (Cidadania) R$ 93 mil, Delegado Claudinei (PL) R$ 96 mil, Wilson Santos (PSD) R$ 90 mil, e Janaina Riva (MDB) R$ 98 mil.

 

Otavio Ventureli(da redação com GD)

Continue lendo

MOMENTO POLICIAL

MOMENTO DESTAQUE

MOMENTO MULHER

MAIS LIDAS DA SEMANA

Botão WhatsApp - Canal TI
Botão WhatsApp - Canal TI