Momento +

Festival de atestados médicos fornecidos de médicos para médicos será investigado pela Secretaria Municipal de Saúde de Cuiabá

Publicado

A secretaria municipal de Saúde de Cuiabá, decidiu periciar todos os atestados de saúde apresentados por médicos durante o período de quarentena por conta da pandemia do coronavírus.

A medida que será assinada ainda nesta quarta-feira (25) pelo secretário Luiz Antônio Possas de Carvalho(foto), ocorre após um crescimento significativa de atestados nos últimos dias.

“Tirando os profissionais que se enquadram na faixa de risco, com mais de 60 anos, hipertensos, e outros problemas de saúde crônica, todo atestado será periciado. E os médicos que se acovardarem poderão responder criminalmente por isso”, disse Possas de Carvalho.

Segundo o secretário, já foi contratado um médico especialista que analisará todos os atestados apresentados. “A análise será em todos os sentidos e maneira minuciosa. Se for preciso a visita in loco, nós iremos. Porque não podemos permitir isso”.

“E se ficar comprovado que estes atestados foram concedidos sem necessidade, encaminharemos para o Ministério Púbico para que respondam pelos atos. Seja quem concedeu o atestado e quem foi beneficiado. Já os servidores públicos responderão por PAD”, completa.

Apesar da preocupação, Pôssas diz que a Secretaria já está preparada para não faltar médicos na capital, já que haverá remanejamento de profissionais, porque algumas áreas tiveram o atendimento suspenso. “E se precisar realizaremos uma contratação emergencial. Mas é preciso registrar que essa onda de atestados são mais com médicos. Os demais profissionais estão dando um belo exemplo de profissionalismo”.

Os afastamentos por atestados médicos têm sido a preocupação da secretaria de Estado de Saúde (SES) também. Vários gestores da pasta informara que a onda de atestados por parte de quem não se enquadra na faixa de risco pode chegar a 30% da força de trabalho.

Denúncias na manhã desta quarta-feira(25), indicam que vários médicos estariam dando atestados um ao outro para evitar de trabalhar durante a quarentena. Um dos argumentos seria a falta de estrutura nas unidades de saúde. “Volto a repetir. Os médicos que se acovardarem serão punidos. Não vamos admitir isso em nossa gestão”.

Comentários Facebook
publicidade

Momento +

Governador MT Mauro Mendes pede equilíbrio ao Presidente Jair Bolsonaro para lidar com a pandemia de Coronavírus no País

Publicado

Mesmo aliado de primeira hora do presidente Jair Bolsonaro (sem partido) na defesa do isolamento vertical, o governador de Mato Grosso Mauro Mendes, destacou  no fim de semana que falta um pouco de equilíbrio ao comandante do Palácio do Planalto para gerenciar a crise provocada pela pandemia do novo coronavírus.

Nesta semana, o presidente já desrespeitou pedido de isolamento do ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandeta, e depois de pregar união na TV atacou aos governadores usando uma fake news para culpa-los de desabastecimento.

O governador Mauro Mendes foi o entrevistado de quinta-feira (2) do Jornal do Meio Dia, da TV Vila Real canal 10.1.

Questionado se o presidente vem errando e agravando o cenário, Mendes disse que não quer polemizar com ninguém e que vai usar toda sua energia para cuidar da questão da saúde em Mato Grosso.

Mas, criticou à postura do presidente de postar um vídeo falso no Twitter dizendo que as medidas de isolamento dos governadores e prefeitos já estavam causando desabastecimento e horas depois da crítica ter sido desmentida pela imprensa que foi ao Ceasa de Belo Horizonte e comprovou o oposto ter apagado o vídeo e a publicação com a crítica aos gestores.

“Meus Deus, ele tem que parar de ficar provocando todo mundo, toda hora ele dá uma cotovelada, toda hora ele solta uma farpa. Ontem ele postou um vídeo que acusava os governadores pelo desabastecimento. Horas depois, ficou provado que esse vídeo era fake news. Meu Deus, um presidente da República não pode postar fake news. Não quero fazer críticas ao presidente, aos prefeitos e nem a ninguém, mas tudo tem um limite!”, observou o governador.

Perfil de enfrentamento

Mauro disse que Bolsonaro chegou à Presidência da República fazendo um grande enfrentamento ao PT ao mesmo tempo um grande enfrentamento à classe política. “Não é fazendo enfrentamentos desnecessários que ele vai governar esse país, é hora de unir, de ter bom senso, chamar as pessoas para colaborar, temos que deixar divergências menores em prol de objetivos maiores”, disse o governador Mauro Mendes.

O governador citou o exemplo local, disse que tem muitas diferenças com o prefeito de Cuiabá, Emanuel Pinheiro (MDB). Porém, garantiu que não fará polêmica com o emedebista neste momento. “O momento é de pensar na população, se tiver que fazer debate, vamos fazer no momento certo”, disse o governador.

Otavio Ventureli(com Assessoria)

Comentários Facebook
Continue lendo

Momento +

Alerta: Secretaria de Estado de Saúde MT confirma, oficialmente, o primeiro caso de Coronavírus em Chapada dos Guimarães MT

Publicado

Secretaria de Estado de Saúde MT, confirma, oficialmente, neste domingo(05) o primeiro caso de coronavírus em Chapada dos Guimarães.

Por conta disso, a prefeita de Chapada dos Guimarães, Thelma de Oliveira(foto), divulgou um áudio  com orientações, direcionadas principalmente aos moradores da zona rural do município. “Com isso, pessoal, nós precisamos fortalecer o nosso isolamento social”, pede a gestora à população.

Ainda no áudio, Thelma conta que de agora em diante a prefeitura irá trabalhar em parceria com a Polícia Militar e Conselho Tutelar para que todos permaneçam em isolamento e que os bares sejam fechados.

“Para que as pessoas entendam que só há uma maneira de coibir esse vírus, é fazendo a limpeza das mãos, usando a máscara. É se protegendo e protegendo a pessoa que está ao seu lado e também, é lógico, fazendo o isolamento social. Precisamos da sua ajuda, da ajuda de cada um. Neste momento é fundamental para que não aconteça mais casos”, ressalta Thelma.

A prefeita informa que na manhã deste domingo(05) se reuniu com os setores da Saúde e da Comunicação para elaborar um comunicado oficial com orientações à população.

Casos em Mato Grosso

De acordo com a Nota Informativa divulgada pela SES neste sábado(04), Mato Grosso tem 60 casos confirmados de coronavírus.

Estes pacientes estão nas seguintes cidades: Cuiabá (37), Rondonópolis (6), Nova Monte Verde (1), Tangará da Serra (4), Sinop (3), Lucas do Rio Verde (1), Nova Mutum (1), Chapada dos Guimarães (1), Campo Novo do Parecis (1), Alta Floresta (1) e Várzea Grande (4).

 

Otavio Ventureli(com Ascom)

Comentários Facebook
Continue lendo

Momento MT

Momento Nacional

Momento Esportes

Momento Entretenimento

Mais Lidas da Semana