Momento Esportes

Flamengo não libera Reinier para seleção e caso vai para o jurídico

Publicado

O Flamengo não liberou o meia-atacante Reinier para se apresentar à seleção brasileira Sub-17 nesta segunda-feira, na Granja Comary, conforme havia combinado com a CBF. O jogador foi convocado para disputar o Mundial da categoria que será realizado no Brasil. A diretoria do Rubro-Negro voltará ao Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) para garantir a liberação de Reinier.

Leia também: Flamengo alcança feito similar a de 2009, ano do último título brasileiro

Bruno Henrique e Reinier arrow-options
Reprodução/Twitter/Brasileirão

Bruno Henrique e Reinier


O atacante do Flamengo segue com a delegação em Curitiba, no Paraná, onde o time venceu o Athletico Paranaense por 2 a 0, no domingo, pelo Brasileirão. Ele vai seguir viagem para o Ceará, onde o clube encara o Fortaleza na quarta-feira, às 20h, no Castelão. A assessoria de imprensa do clube informou que o departamento de futebol determinou que o garoto ficasse com o restante da equipe.

“O atleta Reinier permanece com a delegação por decisão do departamento de futebol. O caso está entregue ao departamento jurídico”, disse a assessoria.

Leia também: Flamengo vence o Athletico, quebra tabu de 45 anos e segue líder no Brasileiro

Reinier se apresentaria nesta segunda-feira para o Mundial Sub-17, sete dias depois do restante do grupo. Da mesma forma, Talles Magno, do Vasco, também deve estar à disposição do técnico Guilherme Dalla Déa. O Cruz-Maltino confirmou que nenhuma mudança em relação à liberação do jogador foi feita até o momento.

Já o Flamengo, porém, acredita que a CBF deveria ter bom senso depois da lesão de Arrascaeta e deixar Reinier voltar novamente ao Rio para o jogo contra o Grêmio, dia 23. O jogador treinaria às vésperas da partida pela semifinal da Libertadores e no dia seguinte retornaria à seleção para a disputa do Mundial.

Na reta final da preparação, os clubes chegaram a acionar o STJD pelo direito de não cederem os jogadores para amistosos do Brasil.

CBF vai reivindicar ação da Fifa

Na próxima reunião do Conselho da Fifa, que será realizada em Xangai, na China, a CBF vai encaminhar duas reivindicações: um pedido para que os compromissos das seleções de base (Sub-17, Sub-20 e Sub-23) sejam incluídos no calendário da entidade máxima do futebol. Isso vai obrigar os clubes a liberarem seus jogadores nessa faixa etária quando forem convocados.

Atualmente, a regra vale para os compromissos em datas Fifa e competições oficiais das seleções principais. Na visão da CBF, a liberação obrigatória seria para os jogadores que tiverem contrato profissional, independentemente da idade.

Leia também: Carol Portaluppi chora e revela agressão de torcedores do Flamengo

– Brasil é mais prejudicado nas categorias de base pela liberação de jogadores porque exporta muito cedo. Se não liberar jogadores para uma competição Mundial como uma Copa do Mundo… – disse.

Comentários Facebook
publicidade

Momento Esportes

Fofão é eleita 3ª melhor estrangeira da Champions League feminina

Publicado


.

Campeã nos Jogos de Pequim (2008) e bronze nos de Atlanta (1996) e Sydney (2000), a levantadora Fofão foi considerada uma das cinco melhores jogadoras não europeias a disputarem a Liga dos Campeões feminina de vôlei.

Hélia de Souza foi escolhida por um júri de três treinadores lendários na modalidade: o holandês Avital Selinger, o brasileiro Marco Aurélio Motta (ex-técnico da seleção brasileira de vôlei feminino) e o italiano Massimo Barbolini, que comandou a Fofão na conquista do europeu pelo Perugia (Itália) na temporada 2005/2006.

Em conversa com a Agência Brasil, a ex-atleta disse que a premiação foi uma surpresa: “Estar entre as cinco melhores, nesse nível de jogadoras, atacantes de decisão, de alto nível com muita habilidade, para uma levantadora é uma honra muito grande. Sinto-me privilegiada”.

A jogadora atuou na Europa entre 2004 e 2007 defendendo o Perugia, entre 2007 e 2008 no Múrcia (Espanha) e entre 2010 e 2011 no Fenerbahce (Turquia). “Não é fácil manter o nível de vôlei jogando fora. Exige demais. Mas, também é gratificante porque você joga toda semana com as melhores do mundo. Isso faz você crescer muito”, declarou.

Ao lado da levantadora Fofão, a norte-americana Jordan Larson, em segundo, e a chinesa Ting Zhu, em primeiro, completaram o pódio. O top cinco ficou completo com a ponteira cubana Mirka Francia, em quinto, e com a atacante sul-coreana Kim Yeon-Koung, na quarta colocação. A eleição foi uma promoção do canal European Volleyball.

Edição: Fábio Lisboa

Comentários Facebook
Continue lendo

Momento Esportes

Covid-19: grupo britânico McLaren planeja demitir 1.200 funcionários

Publicado


.

Doze dias após perder o piloto de Fórmula 1 Carlos Sainz para a Ferrari que o contratou para a temporada do ano que vem, a fabricante britânica McLaren surpreendeu o mundo ao revelar que pode cortar 1.200 postos de trabalho, o equivalente a aproximadamente 25% do quadro total de funcionários. O desligamento faz parte de um programa de reestruturação elaborado pela empresa, que afirma ter sido impactada finananceiramente pela crise gerada pela pandemia do novo coronavírus (covid-19). 

“É um curso de ação que trabalhamos duro para evitar, já que adotamos medidas drásticas de economia de custos em todas as áreas da empresa. Mas não temos outra escolha a não ser reduzir o tamanho de nossa força de trabalho”, afirmou o presidente executivo Paul Walsh ao canal de tevê Sky News. 

De acordo com a BBC News, entre os demitidos, estariam funcionários da produção de veículos de rua e até do time de Fórmula 1. A estimativa é de que sejam desligados 70 dos 800 funcionários do time da F1.

A McLaren explicou que com a propagação da covid-19, houve cancelamento de eventos de automobilismo, suspensão em todo mundo de atividades de manufatura e varejo, além da redução de demanda por soluções de tecnologia. Tudo isso, segundo a fabricante britânica, teria impactado repentinamente as atividades de geração de receita. 

Edição: Cláudia Soares Rodrigues

Comentários Facebook
Continue lendo

Momento MT

Momento Nacional

Momento Esportes

Momento Entretenimento

Mais Lidas da Semana