Momento Pet

Gatos podem transmitir doenças para mulheres gestantes? Veterinária responde

Publicado

 

Quando uma mulher dona de gato engravida, algumas preocupações vêm à tona. Preparar o bichano para a chegada do bebê está entre as legítimas, mas doar o animal porque muitos dizem que ele representa perigo por poder transmitir doenças não é necessário – já que isso é um mito. 

A principal doença citada pelas pessoas que alertam sobre o "perigo" é a toxoplasmose, infecção causada pelo parasita Toxoplasma gondii . A veterinária Luana Sartori, especialista da Nutrire, explica porque elas não devem ser uma preocupação para mulheres gestantes

 

gato cheirando barriga de grávida

Shuttersock
Mulheres gestantes podem conviver com gatos

“De acordo com o Centro de Controle de Zoonoses, é mais fácil ser infectado pela ingestão de carnes cruas, semi cruas ou alimentos e água contaminados", explica Luana. A veterinária ainda acrescenta que os gatos se infectam apenas se comerem ratos, passarinhos ou outros que estejam contaminados, ou seja, os felinos que não têm acesso à rua não correm riscos. 

Quando contaminados os gatos podem sim transmitir a doença, mas para isso a gestante precisaria ingerir as fezes dele. "O oocisto, uma espécie de cápsula, só se abre e pode causar contágio depois de alguns dias, ou seja, quem limpa diariamente a caixinha de areia do seu pet, geralmente, está livre do problema”, explica a especialista. 

Leia mais:  Menina e cão se fantasiam de Bela e Fera para sessão de fotos; veja resultado

Dessa forma, levando o gato ao veterinário e mantendo-o saudável, as mulheres gestantes podem continuar convivendo com eles. Sem contar que os bichanos costumam se dar muito bem com os bebês, respeitar o espaço deles e até protegê-los. 

 

Fonte: IG PET

Comentários Facebook
publicidade

Momento Pet

Hidroterapia ajuda na recuperação de cães e gatos; saiba como

Publicado

source

Com o grande crescimento do mercado pet – setor faturou 20 bilhões em 2018 – a medicina veterinária tem se desenvolvido muito. Entre os serviços oferidos está a hidroterapia, técninca que ajuda a solucionar vários problemas de saúde de cães e gatos. Doenças ortopédicas, neurológicas,  obesidade e artrofia muscular são alguns deles. 

cachorro fazendo hidroterapia arrow-options
Divulgação

A hidroterapia está sendo muito utilizada pela medicina veterinária

A hidroterapia, como o próprio nome diz, se baseia em exercícios realizados na água. A flutuabilidade ajuda a diminuir o peso corporal e facilita o exercício. Além disso, a resistência da água dificulta a movimentação, auxiliando o ganho de massa muscular. Rodrigo Posso, veterinário franqueado da Petland, afirma que esses fatores “contribuem para melhora clínica sem os efeitos das atividades no solo, como cansaço, aumento da pressão arterial e impacto nas articulações”. 

Exatamente por isso os casos mais recomendados são de animais que necessitam de um exercício para fortalecimento muscular e não podem sofrer sobrecarga em articulações devido a artroses e outros problemas osteoarticulares. A técnica terapêutica também é muito indicada para os pets que precisam perder peso com o propósito de perda de gordura e ganho de massa muscular.

gato fazendo hidroterapia arrow-options
Divulgação

A hidroterapia ajuda na recuperação de muitos animais

Para os animais que sentem dor a atividade pode até se tornar prazerosa, já que a pressão hidrostática da água morna sobre os membros serve como uma massagem e proporciona conforto. 

Leia mais:  Vídeo mostra cachorro carregando bolsa da dona na rua e gera polêmica na web

Leia também: Como saber se o gato gordo está obeso ou apenas acima do peso?

“Os benefícios da terapia são percebidos após 15 ou 30 dias do início das sessões. Entre eles estão maior equilíbrio e coordenação, fortalecimento e ganho de massa muscular, melhora das articulações e da circulação sanguínea, da pressão arterial e do condicionamento físico, além da parte cardiorrespiratória, diminuição do peso e alívio das dores”, finaliza Rodrigo. 

Fonte: IG PET

Comentários Facebook
Continue lendo

Momento Pet

Golden retriever leva presente para “namorada” em vídeo fofo

Publicado

source

A labrador fêmea Holly conquista os corações de todos por onde passa, e isso não seria diferente com o golden retriever Harry, seu “namorado”. O pet é de um dos vizinhos de Holly, e sempre que estão juntos eles se divertem. Recentemente os dois protagonizaram uma cena fofa. 

Leia também: Cão não deixa dona completar tosa e fica com aparência engraçada

Holly e o namorado golden retriever arrow-options
Insensato Coração/ Holly and her money

Holly e o namorado golden retriever


“Vi que Holly estava inquieta na porta de casa. Quando fomos olhar pela câmera era Harry, segurando uma bolinha de presente para ela e a convidando para brincar”, escreveu Casi Cook no Reddit. Isso que é amor verdadeiro!

My pups boyfriend lives next door, and tonight at 10:55 he came for a date and to give her a present. My heart is so full right now ❤️ and now the ball goes everywhere with her from r/aww


Fonte: IG PET

Comentários Facebook
Leia mais:  O que as fezes do cachorro dizem sobre a saúde dele?
Continue lendo

Momento MT

Momento Nacional

Momento Esportes

Momento Entretenimento

Mais Lidas da Semana