Mato Grosso

Governo convida setores para debater, ao vivo, o aumento dos preços

Publicado

O Governo de Mato Grosso realizará um debate público com representantes do comércio, na próxima quinta-feira (30), para esclarecer ao cidadão quem são os responsáveis pelos aumentos abusivos nos preços dos produtos, alta que passou a ser praticada em diversos estabelecimentos neste ano.

O convite foi feito pelo governador Mauro Mendes durante entrevista à Rádio Vila Real, nesta sexta-feira (30). O debate entre os técnicos da Secretaria de Estado de Fazenda (Sefaz) e os membros do setor comercial será feito com a presença da imprensa regional e transmitido ao vivo para todo o Estado, por meio da TV e redes sociais. O horário ainda será definido.

A audiência pública foi proposta em razão de alguns empresários estarem praticando aumentos injustificáveis de preço em produtos essenciais para a população, sob a justificativa de que a alta é necessária porque o Estado teria “aumentado impostos” por meio da lei que passou a vigorar esse ano, que reinstituiu de forma correta os incentivos.

“Na verdade, nós não aumentamos nenhum imposto. O imposto é aquela alíquota sobre os produtos. O que nós fizemos foi cortar alguns privilégios de incentivos fiscais. Eu desafio alguém a mostrar que nós aumentamos a alíquota de imposto. Nós reduzimos incentivos fiscais e reduzimos privilégios”, explicou o governador.

Mauro Mendes ressaltou que a redução de privilégios fiscais, além de necessária, é um pedido feito há muito tempo pela população, que está cansada de arcar com alta carga tributária, enquanto poucos usufruem de isenções.

O gestor lembrou que muitos desses benefícios que estavam em vigor até 2019 haviam sido literalmente vendidos pelo ex-governador que geriu o Estado de 2011 a 2014, fatos que foram confessados pelo próprio ex-gestor em delação premiada.

“Vou repetir de novo: incentivos foram vendidos, isso está escrito em processos que estão tramitando na Justiça. Então você, ouvinte, que sabe que eu sou governador, acha que eu vou manter isso? Está em delação que alguns setores compraram incentivo fiscal em Mato Grosso. Pagaram salvo engano R$ 2 milhões. Esses setores querem que esse governo mantenha incentivos fiscais que foram comprados com propina? Isso não vai acontecer”.

“Estamos cortando alguns privilégios e por isso tem povo do comércio chiando. E se estão chiando é porque o Governo está fazendo a coisa certa. Porque o governo quando faz coisa errada, ninguém reclama. Agora nós fazemos a coisa certa”, reforçou.

Preços abusivos

Ainda na entrevista, o governador desmentiu que a alta dos preços teria relação com a nova lei em vigor no Estado.

Mendes usou o exemplo do etanol, cujo o ICMS é de 25% e com o incentivo fiscal ao setor, somente é cobrado 12,5%, ou seja, a metade. Lembrando que o valor em 2019 era de 10,5% e foi reajustada para 12,5%, a segunda menor do Brasil.

“Álcool em todo o Brasil tem uma alíquota que varia de 12% a 25%. Aqui era 10,5%. Era uma das menores alíquotas do Brasil. Subiu para 12,5%. Subiu 2,5%. Isso daria 6 centavos. Mas o preço na bomba subiu 15%, estão subindo 60 centavos. Na prática, vemos margens de lucro maiores do que é tributada e faltam com a verdade ao dizer que isso é responsabilidade do Governo”, afirmou.

Fonte: GOV MT
Comentários Facebook
publicidade

Mato Grosso

Gefron recupera dois veículos nos últimos dois dias e prende um suspeito

Publicado

O Grupo Especial de Segurança na Fronteira (Gefron) recuperou, nos últimos dois dias, uma motocicleta Honda de cor vermelha e uma S-10 de cor branca. Os veículos haviam registro de Boletim de Ocorrência por roubo ou furto. A motocicleta foi recuperada durante patrulhamento na MT-265 na tarde de segunda-feira (17.02) e a S-10 na madrugada desta terça-feira (18.02), após denúncia de roubo na região do município de Porto Esperidião (325 km ao Oeste da capital).

Durante o patrulhamento na MT-265 a equipe visualizou uma motocicleta Honda CG 125 Fan KS de cor vermelha, ocupada por dois suspeitos que, ao avistarem a viatura, abandonaram a motocicleta e adentraram a região de mata. 

A motocicleta estava sem placa e com os pneus furados e, após checagem pela base do Gefron, foi verificado ser produto de roubo/furto da cidade de Mirassol D’Oeste (288 km ao oeste de Cuiabá). Com a recuperação da motocicleta, o prejuízo ao crime é de R$ 4.369 mil, restituídos ao proprietário. As buscas pelos suspeitos continuam.

Após informação de um roubo no município de Arenápolis, onde levaram o veículo S-10 de cor branca, uma equipe do Gefron iniciou o patrulhamento na região de Porto Esperidião e avistou a caminhonete, conforme as características passadas. Foi feito o acompanhamento e em determinada altura do trajeto o suspeito precisou parar devido aos pneus do veículo estarem furados e foi imediatamente detido. 

Após checagem realizada na base do Gefron e posterior contato com a vítima, foi confirmado o roubo. Segundo informações da vítima, os suspeitos entraram na residência às 23h, mantendo a família refém até por volta das 03h de hoje, conforme o Boletim de Ocorrência. O prejuízo ao crime é de mais de R$ 65 mil restituídos ao proprietário.

O suspeito, que possui antecedentes criminais, foi conduzido para Delegacia Especial de Fronteira (Defron) do município de Cáceres (214 km ao Oeste da capital).

(Sob supervisão de Hérica Teixeira)

Fonte: GOV MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Mato Grosso

Detran-MT inicia ações preventivas e educativas para o carnaval

Publicado

O Departamento Estadual de Trânsito de Mato Grosso (Detran-MT), por meio da Gerência de Ações Educativas e demais parceiros, iniciou as ações preventivas e educativas para as festividades do carnaval 2020.

Nesta terça-feira (18.02), servidores da Gerência de Ações Educativas e agentes da Polícia Rodoviária Federal (PRF) percorreram os blocos da sede do Detran-MT realizando abordagens e entrega de kits aos servidores e usuários.

Na segunda-feira (17.02), a ação foi realizada pelo Detran em parceria com a PRF e a Secretaria Municipal de Saúde no salão principal da Casa Civil, abordando servidores e população.

A programação segue até o dia 25 de fevereiro com abordagens educativas e entrega de kits nos principais pontos de festividades, além da realização de barreiras de fiscalização de trânsito, com apoio do Batalhão de Trânsito da Polícia Militar e da Secretaria de Mobilidade Urbana (Semob), e realização de operações Lei Seca, em conjunto com as forças de Segurança Pública.

O objetivo da campanha do carnaval 2020 é sensibilizar a população quanto aos cuidados com a saúde e o risco da ingestão de bebida alcoólica e direção, fator agravante nos acidentes e mortes no trânsito neste período.

“Vamos realizar ações de prevenção e também de fiscalização com foco no trânsito seguro a todos”, disse a gerente de Ações Educativas do Detran-MT, Rosane Pölz.

São parceiros do Detran-MT nas ações educativas e de fiscalização: a Casa Civil, Polícia Rodoviária Federal (PRF), Batalhão de Trânsito da Polícia Militar (BPMTRAN), Polícia Judiciária Civil (PJC), Secretaria de Mobilidade Urbana (Semob) e a Secretaria Municipal de Saúde.

Fonte: GOV MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Momento MT

Momento Nacional

Momento Esportes

Momento Entretenimento

Mais Lidas da Semana