Momento Cidades

Incentivo à agricultura familiar é debatido na Câmara de Cuiabá

Publicado

Com a finalidade de debater o incentivo à agricultura familiar em Cuiabá, o vereador Luís Cláudio (PP) realizou uma Audiência Pública na manhã desta segunda-feira (21), no Plenário das Deliberações da Câmara Municipal. O evento contou com a participação da Secretária da Agricultura Municipal Débora Marques Vilar. O MP enviou, representando o Procurador Alberto Scalope, a Assessora da Procuradoria Edilene do Amaral. O secretário estadual da área Silvano Amaral foi representado pelo Ajunto Carlos Alberto Simões. Participaram também diversas comunidades rurais, entidades de produtores e ONGs.
Luís Cláudio argumentou que dentre os vários benefícios que a agricultura familiar proporciona e que justificam a Audiência, estão “a produção de alimentos para a segurança alimentar, a inclusão do pequeno produtor no mercado local e em programas de governo como o PNAE (Programa Nacional de Alimentação Escolar), o aumento da oferta de produtos orgânicos à população – garantindo alimentação mais saudável -, incentivo à micro empresa e a expansão de práticas de produção ecologicamente sustentáveis”.
A Secretária Débora Vilar explicou que o objetivo do Executivo Municipal é avançar os 30% que a legislação exige como oferta mínima de produtos da agricultura familiar na composição da merenda escolar, Cuiabá quer atingir 100%. Como alternativa para atingir essa meta, ela destacou a importância de melhorar a infraestrutura tanto para aumento da produção, quanto para escoar os produtos. Mas que isso tenha o alcance desejado, Vilar mostrou a “importância do produtor estar ligado a uma associação ou cooperativa”.
Com relação a esse detalhe, o jornalista Paul Wagner, fundador da Cooperativa Conexão Verde Vitória, que comercializa produtos agrícolas frescos, ressaltou a necessidade de haver orientação técnica para as pequenas associações e cooperativas, “que muitas vezes perdem oportunidades de participar de programas de governo, porque não possuem documentação regular”.
O Adjunto Carlos Alberto falou sobre a decisão do governo Mauro Mendes de “buscar unir ações, pois o objetivo é alcançar o produtor rural no campo”. Como exemplo citou o programa Peixe Santo, que este ano não pode ser realizado por questões burocráticas, mas pode beneficiar produtores de pescado de uma ampla região. Outra questão citada foi quanto ao alto índice de importação de frutas e hortaliças, cuja produção local está na mira do governo atual.
A importância de maior atenção governamental para a produção local ficou demonstrada no relato da Diretora da ONG Mais Mulheres por Cuiabá Ivana Vilela que pesquisou o fornecimento da banana no mercado cuiabano. “A má gestão do controle de uma praga provocou a devastação da produção bananeira”, na Baixada Cuiabana, revelou, acrescentando que, hoje, um dos principais componentes da mesa cuiabana vem do nordeste.
Além da necessidade de um programa que leve assistência técnica à zona rural, é importante manter as estradas em condições de trânsito. A presidente em exercício da Associação de Agricultura Familiar da Comunidade São Gerônimo, a produtora Rosineide da Silva, disse que as estradas, em época de chuvas, impedem que os produtores façam o transporte. Ela estima que na São Gerônimo, que fica a menos de 20 quilômetros da Capital, na região do Coxipó do Ouro, tem em torno de 6 famílias produzindo, mas pode ter mais de 90. A alternativa encontrada, por ora, é a realização de uma feira dentro da comunidade, que passa a ser realizada no segundo domingo do mês, a partir do próximo dia 27.
A Assessora Edilene do Amaral anunciou um projeto com recursos provenientes de bancos internacionais que vai destinar mais de 150 mi de reais para atender programas de incentivo à produção nas regiões Norte e Centro Oeste. Na esteira desse anúncio, o vereador Luís Cláudio, falou sobre um projeto de lei de sua autoria que visa o incentivo da plantação da “batata doce industrial”, produto desenvolvido pelas universidades federais de Mato Grosso e do Tocantins, capaz de alimentar a produção de etanol e que pode ser processado por mini usinas. “Mas para buscar esses recursos, é necessário ter projetos”, concluiu o vereador.

Etevaldo de Almeida | Câmara Municipal de Cuiabá

Imprimir VoltarCompartilhar:  

</div

Comentários Facebook
publicidade

Momento Cidades

EVENTO CANCELADO- Idosos do Cras Getúlio Vargas terão baile de Carnaval nesta sexta-feira (21)

Publicado

Atualizada às 17h01 do dia 18/02/2020 – Em razão do falecimento de um dos integrantes do grupo de idosos as festividades foram canceladas.

 

Cerca de 150 idosos do Centro de Referência de Assistência Social (Cras) Getúlio Vargas participa nesta sexta-feira (21), a partir das 14 horas, no Centro Comunitário do bairro Itapajé, de um baile de Carnaval onde haverá muita folia e diversão ao público da terceira idade. Essa será a 4ª Edição da Folia de Momo preparada pela Unidade.

“Essa festa no período carnavalesco já é tradição entre os usuários e seus familiares que participam das atividades oferecidas pelo Cras. Preparamos esse momento de boas vibrações e muita alegria para que eles, todos reunidos, possam cantar, dançar, divertir e ainda recordar dos bons tempos da juventude”, disse a coordenadora do Cras Getúlio Vargas, Carla Costa Braga.

Carla conta que a festa é tão esperada pela turma que eles preparam as fantasias e os adereços para fazerem bonito no salão. Além do tradicional baile, haverá sorteio de brindes e muitas brincadeiras. “Anualmente, trabalhamos para que estes eventos sejam um sucesso, promovendo a interação, diversão e entretenimento, pois o Carnaval é para todos, especialmente para a terceira idade”, destacou.

Os bailes de Carnaval da terceira idade trazem mais vida e diversão para os idosos, nesses encontros ocorrem atividades de socialização, onde se firmam novas amizades e relacionamentos. “A cada festa realizada é uma nova conquista, trabalhamos para que, além de atividades físicas e recreativas, eles possam desfrutar de momentos inesquecíveis de folia também”, concluiu.

 

Comentários Facebook
Continue lendo

Momento Cidades

Ex-chefe de gabinete que gravou prefeito recebendo dinheiro será ouvido nesta quarta-feira (19)

Publicado

Câmara Municipal de Cuiabá

Acontece nesta quarta-feira (19.02), a partir das 9h, a primeira oitiva da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) criada para investigar o prefeito de Cuiabá, Emanuel Pinheiro (MDB), por suposta quebra de decoro e obstrução da Justiça. Na ocasião será&nbsp realizada a oitiva de Silvio César Corrêa, ex-chefe de gabinete do ex-governador Silval Barbosa.

Silvio César foi responsável por gravar o prefeito Emanuel Pinheiro recebendo maços de dinheiro e os colocando no paletó, durante o governo de Silval Barbosa. O dinheiro seria propina para que Emanuel Pinheiro apoiasse os projetos do Executivo na época em que era deputado estadual. O vídeo gravado por Silvio foi utilizado pelo ex-governador Silval Barbosa em sua delação premiada junto à Procuradoria Geral da República (PGR).

A oitiva acontece às 9h, no Plenário da Câmara de Cuiabá. Os trabalhos serão conduzidos pelo presidente da CPI, vereador Marcelo Bussiki (PSB). Participam ainda os vereadores Toninho de Souza (PSD) e Sargento Joelson (PSC), relator e membro da CPI, respectivamente.

Sugestão&nbspde&nbspPauta

Assunto:&nbspEx-chefe de gabinete que gravou a “cena do paletó” será ouvido nesta quarta-feira

Data:&nbspQuarta-feira (19.02)

Horário:&nbspÀs 9h

Local:&nbspPlenário das Deliberações da Câmara Municipal de Cuiabá

Karine Miranda | Assessoria Vereador Marcelo Bussiki

Comentários Facebook
Continue lendo

Momento MT

Momento Nacional

Momento Esportes

Momento Entretenimento

Mais Lidas da Semana