Internacional

Covid-19: União Europeia oferece R$ 2,5 bilhões a iniciativa por busca de vacina

Publicados

em


source
UE
Divulgação

Comissão segue investindo no projeto de desenvolvimento de vacinas

Nesta segunda-feira (31), a comissão da União Europeia anunciou que contribuirá com 400 milhões de euros (mais de R$ 2,5 bilhões) para uma iniciativa liderada pela OMS que busca o desenvolvimento e distribuição de  vacinas contra a Covid-19 por meio da compra de doses dos imunizantes.

Segundo informações da agência Reuters, a iniciativa foi batizada de Covax e pretende comprar cerca de 2 bilhões de doses das candidatas à vacina que estão sendo estudadas e desenvolvidas ao redor do planeta. Tal valor deve ser atingido até o final de 2021.

“Hoje, a comissão está anunciando uma contribuição de 400 milhões de euros para a Covax, a fim de trabalharmos juntos na aquisição de vacinas futuras em benefício de países de rendas baixa e média”, disse a presidente da Comissão Europeia, Ursula von der Leyen.

Leia Também:  Carta com substância letal considerada arma química é enviada à Casa Branca

Com isso, a UE  aumenta sua participação no esforço de combate ao novo coronavírus (Sars-Cov-2). Anteriormente, o bloco já havia comprado doses de vacinas da AstraZeneca , produzida em parceria com a universidade de Oxford , a serem distribuídas aos Estados-membro e a alguns países pobres.

No comunicado divulgado nesta segunda, a comissão disse também que está pronta para “colocar especialização e recursos dentro da Covax, com o objetivo de acelerar o desenvolvimento, a fabricação e um fornecimento global de vacinas “.

Fonte: IG Mundo

Propaganda

Internacional

Covid-19: Inglaterra fechará bares e restaurantes às 22h

Publicados

em


.

Bares, restaurantes e outros estabelecimentos na Inglaterra serão fechados às 22 horas a partir de quinta-feira (24), enquanto o primeiro-ministro britânico, Boris Johnson, anuncia medidas para combater a segunda onda de infecções da covid-19. 

Johnson, que irá se pronunciar nesta terça-feira (22), dirá que o setor de hospitalidade também estará restrito a atendimento apenas em mesas, segundo trechos do pronunciamento oferecidos por seu gabinete de Downing Street. 

“Ninguém subestima os desafios que as novas medidas irão representar para indivíduos e empresas. Sabemos que não será fácil, mas precisamos tomar mais medidas para controlar o recrudescimento de casos do vírus e para proteger a NHS”, dirá Johnson, em referência ao Sistema Nacional de Saúde britânico (NHS, na sigla em inglês).

As ações de grupos de pubs e restaurantes britânicos listados despencaram ontem. Embora não exista ainda uma política consistente para o país, a medida irá adiantar o horário de fechamento em pelo menos uma hora para a maior parte das áreas do país. 

O Reino Unido enfrentará um número de mortos em crescimento exponencial pela covid-19 nas próximas semanas, a não ser que ações urgentes sejam tomadas para impedir a propagação de uma segunda onda da pandemia no país, alertaram importantes autoridades de saúde no país.

Leia Também:  Homem é esquartejado enquanto fazia sexo com mulher que conheceu em aplicativo

O nível de alerta para a Covid-19 no país foi do nível 3 para o nível 4, após dados mostrarem que o número de casos estava em crescimento rápido. O nível 4 indica que o vírus está em circulação geral e a transmissão é alta ou está em crescimento exponencial. 

 

Continue lendo

MOMENTO POLICIAL

MOMENTO DESTAQUE

MOMENTO MULHER

MOMENTO PET

MAIS LIDAS DA SEMANA