Internacional

França: comissão da Igreja Católica lista 10 mil casos de pedofilia desde 1950

Publicados

em


source
Estimativa da comissão é de que relatório final traga ainda mais casos de abusos
Pixabay

Estimativa da comissão é de que relatório final traga ainda mais casos de abusos

O presidente da Comissão Independente sobre Abusos Sexuais na Igreja Católica (Ciase) na França , Jean-Marc Sauvé, informou que números provisórios apontam para “ao menos 10 mil vítimas” no país desde a década de 1950.

O relatório final da investigação deve ser divulgado em setembro deste ano, mas aponta para números alarmantes. Em junho de 2020, o mesmo Sauvé havia confirmado que cerca de três mil vítimas haviam sido ouvidas, mas que o número “não representava certamente a totalidade” de casos .

A Ciase foi criada pela própria Igreja Católica em 2018, através do episcopado e de diversas organizações religiosas, por conta de vários escândalos de pedofilia e abusos de vários tipos revelados na história recente.

Sauvé havia estimado, também em junho, que havia eram cerca de 1,5 mil religiosos “agressores”, mas em entrevista à AFP nesta terça-feira (2), ele não quis precisar um número: “existe um sistema real de abusos em várias instituições católicas ou comunidades religiosas, mas em pequeno número. Essa situação representa uma minoria muito pequena dos casos de que temos conhecimento”.

No ano passado, o tribunal de Lyon condenou o ex-padre Bernard Preynat a cinco anos de prisão em regime fechado por violência sexual contra menores de idade entre 1971 e 1991. Também em 2020, a Corte de Apelação da mesma cidade absolveu o cardeal Philippe Barbarin da acusação de ocultar os casos de pedofilia cometidos por Preynat.

Fonte: IG Mundo

Propaganda

Internacional

Pescadores fogem de ‘mega-tsunami’ na Groenlândia; veja o vídeo

Publicados

em


source
Imagens mostram pescadores fugindo do tsunami na Groenlândia
Reprodução/Youtube

Imagens mostram pescadores fugindo do tsunami na Groenlândia

Um vídeo compartilhado nas redes sociais mostra pescadores da costa Oeste da Groenlândia correndo para fugir de um tsunami . Os homens começam a se movimentar quando percebem que a força da água vai aumentando gradualmente.

A gravação, publicada na última semana no canal Licet Studios , mostra o desespero dos pescadores, que saem correndo na tentativa de escapar do fenômeno. De acordo com a publicação, ninguém ficou ferido.

O vídeo atingiu mais de 150 mil visualizações e provocou diferentes reações nos internautas. “Eu amo a dedicação às filmagens desse cara, ele gritou antes de se virar para correr e ficou encharcado”, comentou um. “Depois que o barco entrou no mar, eu pensei, sim, é hora de ir”, disse outro. “Deixe-me tentar amarrar meu barco aqui enquanto um enorme tsunami que acaba com a vida está vindo em minha direção”, reagiu outro usuário.




De acordo com o Licet Studios , o tsunami “foi causado por um gigantesco deslizamento de terra que ocorreu a cerca de 30 km próximo ao local. Caiu cerca de 1 km no fiorde e criou um mega-tsunami que inicialmente tinha 100 metros de altura. Foi o único mega-tsunami registrado até agora”, finalizou.

Fonte: IG Mundo

Continue lendo

MOMENTO POLICIAL

MOMENTO DESTAQUE

MOMENTO MULHER

MOMENTO PET

MAIS LIDAS DA SEMANA