Internacional

França inicia o maior projeto de fusão nuclear do mundo

Publicados

em


source
frança
EJF Riche/Iter

O reator inteiro pesará 23.000 toneladas


O maior projeto de fusão nuclear do mundo iniciou sua fase de montagem de cinco anos nesta terça-feira (28), no sul da França. A previsão é de que o primeiro plasma ultra-quente seja gerado no final de 2025 .


O projeto Iter, de 20 bilhões de euros, replicará as reações que alimentam o Sol e pretende demonstrar que o poder de fusão pode ser gerado em escala comercial . A fusão nuclear promete energia limpa e ilimitada, mas, apesar de 60 anos de pesquisa, ainda precisa superar os desafios técnicos de aproveitar quantidades tão extremas de energia.

Milhões de componentes serão usados ​​para montar o reator gigante, que pesará 23.000 toneladas e o projeto é o empreendimento de engenharia mais complexo da história . Quase 3.000 toneladas de ímãs supercondutores, alguns mais pesados ​​que um jumbo, serão conectados por 200 km de cabos supercondutores, todos mantidos a -269 graus pela maior planta criogênica do mundo.

Leia Também:  Para comemorar aniversário, lagarto come bolo feito de minhocas; assista

O presidente francês, Emmanuel Macron, lançou a fase de montagem, ao lado de personalidades de membros do Iter, UE, Reino Unido, China, Índia, Japão, Coréia, Rússia e EUA. Shinzo Abe, o primeiro-ministro japonês, disse “que a inovação disruptiva desempenhará um papel fundamental na abordagem de questões globais , incluindo mudanças climáticas e na realização de uma sociedade sustentável livre de carbono”.

“Permitir o uso exclusivo de energia limpa será um milagre para o nosso planeta”, afirmou Bernard Bigot, diretor geral da Iter. Ele disse que a fusão, juntamente com as energias renováveis, permitiria que transportes, edifícios e indústrias funcionassem com eletricidade .

A fusão nuclear libera grandes quantidades de energia quando átomos pesados ​​de hidrogênio se fundem, mas isso requer uma temperatura dez vezes mais quente que o núcleo do Sol. O combustível de hidrogênio é obtido da água do mar e são necessárias apenas algumas gramas, mas imensos imãs são necessários para conter o plasma na câmara de vácuo em forma de anel conhecida como tokamak.

O projeto Iter será o primeiro a obter um plasma de “queima” ou de auto-aquecimento e deverá gerar dez vezes mais calor do que o colocado, muito mais do que qualquer tentativa anterior

Leia Também:  Facebook e Twitter intensificam ações contra desinformação em eleições
Fonte: IG Mundo

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

Internacional

Carnaval de Notting Hill troca as ruas de Londres por festival online

Publicados

em


.

O Carnaval de Notting Hill deste ano trocará as ruas de West London por telas de computador em todo o mundo, uma vez que o evento será apenas online devido à pandemia do novo coronavírus, com transmissões de música e apresentações.

Realizado no final de agosto de cada ano, em Londres, o Carnaval atrai mais de um milhão de visitantes e é visto como um símbolo de tolerância inter-racial que remonta à década de 1960 e celebra a comunidade afro-caribenha.

No entanto, este ano não haverá sistemas de som estrondosos pelas ruas lotadas, enfeitadas com dançarinas em trajes escandalosos. O desfile físico foi cancelado no início deste ano por causa das restrições relacionadas à covid-19.

Em vez disso, os organizadores passaram um mês filmando atos para serem transmitidos pela internet entre 29 e 31 de agosto, na esperança de manter vivo o espírito carnavalesco e levá-lo a um público mais amplo.

“Primeiro fiquei muito triste por não estar nas ruas. Ainda estou, mas estou muito animado com as possibilidades de este ano levar o Carnaval a lugares únicos”, disse o diretor executivo do Carnaval, Matthew Phillip.

Leia Também:  Irã e Turquia criticam acordo de paz entre Israel e Emirados Árabes

 

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

MOMENTO POLICIAL

MOMENTO DESTAQUE

MOMENTO MULHER

MOMENTO PET

MAIS LIDAS DA SEMANA