Internacional

Mais de 40 pessoas morrem após consumirem álcool adulterado na Turquia

Publicados

em


source
homem com copo de cerveja na mão e caído na mesa
Thinkstock

O consumo de bebidas caseiras e contrabandeadas na Turquia tem crescido nos últimos anos

Segundo as informações do jornal local Hürriyet, pelo menos 44 pessoas morreram e outras 50 foram internadas nos últimos quatro dias na Turquia , devido à ingestão de bebidas alcoólicas adulteradas com desinfetantes e outros produtos de limpeza. As informações são da IstoÉ.

De acordo com o jornal local, a província de Esmirna, na costa do mar Egeu , foi a mais afetada, já que teve o registro de 18 mortes , além das internações. Istambul e outras áreas do mar Negro também foram locais impactados pela situação.

Ainda conforme o Hürriyet, as autoridades locais já detiveram 58 pessoas nos últimos quatro dias, acusadas de produção e venda de bebidas misturadas com álcool etílico e metílico. 

O consumo de bebidas alcoólicas caseiras e contrabandeadas tem aumentado na Turquia, nos últimos anos. Isso se deve ao aumento dos impostos que incidem sobre o álcool. A taxação sobre a cerveja foi elevada em 360% nos últimos dez anos, enquanto a de uma bebida local, conhecida como raki, teve alta de 440%.

Leia Também:  Melania Trump: Primeira-dama americana tem uma dublê?
Fonte: IG Mundo

Propaganda

Internacional

Exilado, Evo Morales indica retorno à Bolívia no início de novembro

Publicados

em


source
Evo Morales, ex-presidente da Bolívia
R Martinez c./ABI

Evo Morales, ex-presidente da Bolívia

O ex-presidente da Bolívia, Evo Morales, afirmou que pode retornar ao país já no dia 9 de novembro.  O socialista está exilado na Argentina desde dezembro.

“Há várias propostas. Os movimentos sociais estão debatendo e possivelmente meu retorno será no dia 9, de La Quiaca (Argentina) a Villazón (Bolívia)”, comentou Morales nesta terça-feira, durante um programa especial pelo 10º aniversário da morte do ex-presidente argentino Néstor Kirchner.

O retorno de Morales acontece após a vitória de seu candidato Luis Arce, nas eleições presidenciais. O ex-presidente tinha uma ordem de prisão preventiva na Bolívia , mas esta foi revogada ontem (26) pelo presidente do TDJ (Tribunal Departamental de Justiça) de La Paz, Jorge Quino.

Leia Também:  Modelo russa é encontrada morta, nua e com polegar decepado

Fonte: IG Mundo

Continue lendo

MOMENTO POLICIAL

MOMENTO DESTAQUE

MOMENTO MULHER

MOMENTO PET

MAIS LIDAS DA SEMANA