Internacional

No Reino Unido, cães farejadores poderão detectar Covid-19 em aeroportos

Publicados

em


source
cao
Fabrizia Granatieri

Cão farejador pode auxiliar da detecção de pessoas infectadas pela Covid-19

O programa de cães farejadores de Covid-19 em aeroportos, que já ocorre na Finlândia, será utilizado também no Reino Unido. De acordo com uma pesquisa da faculdade veterinária da Universidade de Helsinque, a detecção tem quase 100% de eficácia.

Os cães são treinados com meias e camisetas de voluntários que tiveram teste positivo para Covid-19, em uma lógica de adaptação semelhante à que treina os cães para detecção de pessoas desaparecidas.

Na Finlândia, os cães e passageiros ficam separados por uma cabine e a detecção é feita a partir de um pedaço de tecido que é esfregado no viajante e depois repassado ao cão. O objtivo é, também, preservar a identidade da pessoa infectada. Caso algum indício da doença seja apontado, o passageiro é encaminhado para uma testagem adicional.

Fonte: IG Mundo

Leia Também:  Mulher sem máscara cospe em passageiro e é empurrada para fora de ônibus; veja
Propaganda

Internacional

Espanha decreta novo estado de emergência em luta contra covid-19

Publicados

em


O primeiro-ministro da Espanha, Pedro Sánchez, anunciou um novo estado de emergência neste domingo (25) em um esforço para conter o aumento nas infecções pelo novo  coronavírus, impondo toques de recolher noturnos e proibindo as viagens entre as regiões do país em alguns casos.

“Estamos vivendo em uma situação extrema, é a mais grave na última metade de século”, disse ele em entrevista coletiva após uma reunião de gabinete.

A medida entra em vigor na noite deste domingo e exigirá que todas as regiões, exceto as Ilhas Canárias, imponham um toque de recolher noturno.

O estado de emergência precisará ser aprovado pelo Parlamento para durar além de um prazo de 15 dias.

Um número crescente de regiões do país tem pedido que o governo implemente a medida.

A Espanha impôs um dos lockdowns mais severos no início da pandemia e depois relaxou as medidas ao longo do verão no Hemisfério Norte.

Mas como em muitos outros países da Europa, a Espanha tem vivido uma segunda onda nas últimas semanas e agora tem os maiores números de infecções da Europa Ocidental. O total de casos subiu para 1.046.132 na sexta-feira (23), enquanto o número de mortos se aproxima de 35 mil.

Leia Também:  Espanha volta a decretar estado de emergência para conter Covid-19

Continue lendo

MOMENTO POLICIAL

MOMENTO DESTAQUE

MOMENTO MULHER

MOMENTO PET

MAIS LIDAS DA SEMANA