Internacional

Sozinha em casa, criança cai da janela e vizinhos a salvam com edredom; veja

Publicados

em


source
Foto da menina caindo pela janela e sendo aparada pelos vizinhos, com o auxílio do edredom
Reprodução / Weibo

Vizinhos conseguiram salvar a menina de queda com o auxílio de um edredom

Nesta terça-feira (15) , vizinhos salvaram uma menina de 4 anos de queda do terceiro andar de um edifício, na cidade de Ji’an, na China . Assim que um dos vizinhos percebeu que a criança estava pendurada na janela, pegaram um endredom para apanhá-la.

Segundos depois, a garotinha perdeu a força nos braços e caiu no edredom. Ao se soltar, bateu os pés em um pequeno telhado e caiu na horizontal, sendo aparada pelos vizinhos. 

Sozinha em casa

Segundo informações fornecidas pela imprensa local, a criança estava sozinha em casa. Os pais estavam trabalhando em outra cidade e ela teria sido deixada trancada pela avó, que saiu para cuidar da loja da família.

Leia Também:  OMS: mortes por covid-19 podem dobrar para 2 milhões antes de vacina

De acordo com a TV local, o avô afirmou que planeja instalar grades de segurança, para evitar novos acidentes.

A menina não teve nenhum ferimento após a queda.

Fonte: IG Mundo

Propaganda

Internacional

Trump indica juíza católica e anti-aborto para a Suprema Corte

Publicados

em


source

Crusoé

eua
Olivier Douliery/Getty Images

Donald Trump anuncia sua indicada à Suprema Corte, Amy Coney Barrett, na Casa Branca


O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump , indicou, neste sábado, 26, a juíza Amy Coney Barrett (foto) para ocupar a vaga de  Ruth Bader Ginsburg na Suprema Corte .


Amy foi assistente do ministro da Suprema Corte Antonin Scalia, que morreu em 2016. No ano seguinte, Trump a indicou para um tribunal de apelação em Chicago, onde ela trabalhou nos últimos três anos.

Católica praticante, Amy é contra o aborto , o que foi um dos motivos pelo qual Trump a escolheu. Nos últimos anos, Amy tem declarado que o precedente firmado pela Suprema Corte em 1973 deve ser respeitado.

Nesse ano, o tribunal analisou o caso Roe contra Wade e entendeu que o aborto é uma questão privada entre a mulher e o seu médico. Na prática, a decisão acabou liberando a prática no país.

Leia Também:  França quer que contribuições para acolher migrante sejam obrigatórias

Mas Amy entende que é possível mudar algumas decisões em relação às restrições contra clínicas que fazem abortos. “Não acho que o cerne do caso Roe contra Wade, de que as mulheres têm direito ao aborto, poderá mudar”, disse ela em um debate na Universidade de Jacksonville, em 2016. “Mas acho que a questão se as pessoas podem fazer abortos tardios ou quantas restrições podem ser impostas às clínicas, acho que isso pode mudar.”

A juíza e seu marido, Jesse Barret, têm sete filhos , incluindo dois que foram adotados do Haiti e um com síndrome de Down. Com 48 anos, ela pratica crossfit e, se for aprovada pelo Senado, será a integrante mais nova da corte.

Fonte: IG Mundo

Continue lendo

MOMENTO POLICIAL

MOMENTO DESTAQUE

MOMENTO MULHER

MOMENTO PET

MAIS LIDAS DA SEMANA