Momento Pet

Lei libera cães para circular nas areias das praias do Rio

Publicado

 

cachorro dálmata na areia da praia

das praias do Rio

A partir desta quarta-feira (25) a circulação de cachorros pela areia das praias do Rio de Janeiro (RJ). A autorização é concedida através da lei autorizativa de autoria do vereador Luiz Carlos Ramos Filho (Podemos), publicada no Diário Oficial da Câmara Municipal da cidade.

O projeto de lei 980/2019 foi aprovado pela Câmara no final do mês passado. A partir disso, o prefeito da cidade, Marcelo Crivella (Republicanos), teve 15 dias para vetar ou sancionar o texto. Esse prazo terminou no último dia 20 e, como o gestor não se posicionou, a lei teve sanção tácita — quando passa a valer sem a manifestação do prefeito.

De acordo com o texto da lei, o animal deverá estar na coleira, e o responsável por ele tem que recolher os dejetos do cão. "Haverá obrigação de reparar o dano quando, na ocorrência de ato ilícito, a presença temporária ou permanente de cães implicar risco para os direitos de outrem", prevê o texto.

Ainda de acordo com o projeto de lei, para garantir a circulação e a permanêmcia dos animais na areia das praias, o responsável pelo cão deverá portar certificado de vacinação, ou cópia física ou digital, que contenha etiqueta semestral de vermifugação, ou seja, medicamento para controlar vermes intestinais, porque ele poderá ser cobrado por agente da prefeitura.

Leia mais:  Gato ladrão é flagrado roubando espátula; assista vídeo fofo

Um outro ponto do texto também prevê a possibilidade de a prefeitura "delimitar faixas de areia nas praias para permanência e circulação de cães". "Eu sugiro que seja feito um plano piloto. Poderíamos começar com um espaço na praia de Copacabana, por exemplo, para testar. Tenho certeza de que a população vai respeitar as regras e teremos menos incidentes nas praias. vou pedir uma agenda com o prefeito para tratar da regulamentação da lei", afirmou o vereador Carlos Ramos, em entrevista ao UOL.

O vereador também lembrou que, atualmente, os cães já frequentam as praias e que o projeto vem apenas ordenar o que já é uma prática. A campanha pela liberação de cachorros nas praias cariocas teve início há dois anos, com a arquiteta Adriana Cassas, moradora de Copacabana, Ela iniciou a movimentação #vaitercachorronapraiasim' após receber comentários ofensivos ao postar um foto de sua dálmata, Titi, na praia. Desde então, empenhada nas redes sociais, ela procurou veterinários, biólogos e outros profissionais da saúde para desmistificar os supostos problemas apontados para vetar a presença de cachorros na faixa de areia das praias.

Leia mais:  Casal oferece 30 mil libras para quem cuidar de seus golden retrievers

"Sentei com a veterinária da minha dálmata e fui entender o que era mito e o que era verdade, o quão perigoso era (ter) cachorros na areia. Do mesmo jeito conversei com biólogos, amigos e assim por diante. Montei um grupo, juntando uma a uma as pessoas que embarcaram no sonho junto comigo", disse Adriana ao UOL.

"Temos que respeitar o direito de quem não quer conviver com nossos cães, mas também temos que ter nosso direito assegurado. Buscamos uma sociedade inclusiva, cada um respeitando o direito do outro. Formamos um corpo técnico incrível com veterinários, infectologistas, parasitologistas, biólogos, ecologistas, terapeutas comportamentais caninos, advogados. Todos unânimes em afirmar que cachorro vacinado e vermifugado não causa doença. Daí a exigência do porte da caderneta de vacinação do pet", complementou a veterinária.

 

Fonte: IG PET

Comentários Facebook
publicidade

Momento Pet

Hidroterapia ajuda na recuperação de cães e gatos; saiba como

Publicado

source

Com o grande crescimento do mercado pet – setor faturou 20 bilhões em 2018 – a medicina veterinária tem se desenvolvido muito. Entre os serviços oferidos está a hidroterapia, técninca que ajuda a solucionar vários problemas de saúde de cães e gatos. Doenças ortopédicas, neurológicas,  obesidade e artrofia muscular são alguns deles. 

cachorro fazendo hidroterapia arrow-options
Divulgação

A hidroterapia está sendo muito utilizada pela medicina veterinária

A hidroterapia, como o próprio nome diz, se baseia em exercícios realizados na água. A flutuabilidade ajuda a diminuir o peso corporal e facilita o exercício. Além disso, a resistência da água dificulta a movimentação, auxiliando o ganho de massa muscular. Rodrigo Posso, veterinário franqueado da Petland, afirma que esses fatores “contribuem para melhora clínica sem os efeitos das atividades no solo, como cansaço, aumento da pressão arterial e impacto nas articulações”. 

Exatamente por isso os casos mais recomendados são de animais que necessitam de um exercício para fortalecimento muscular e não podem sofrer sobrecarga em articulações devido a artroses e outros problemas osteoarticulares. A técnica terapêutica também é muito indicada para os pets que precisam perder peso com o propósito de perda de gordura e ganho de massa muscular.

gato fazendo hidroterapia arrow-options
Divulgação

A hidroterapia ajuda na recuperação de muitos animais

Para os animais que sentem dor a atividade pode até se tornar prazerosa, já que a pressão hidrostática da água morna sobre os membros serve como uma massagem e proporciona conforto. 

Leia mais:  Padre viraliza por acolher cachorros abandonados em sua paróquia

Leia também: Como saber se o gato gordo está obeso ou apenas acima do peso?

“Os benefícios da terapia são percebidos após 15 ou 30 dias do início das sessões. Entre eles estão maior equilíbrio e coordenação, fortalecimento e ganho de massa muscular, melhora das articulações e da circulação sanguínea, da pressão arterial e do condicionamento físico, além da parte cardiorrespiratória, diminuição do peso e alívio das dores”, finaliza Rodrigo. 

Fonte: IG PET

Comentários Facebook
Continue lendo

Momento Pet

Golden retriever leva presente para “namorada” em vídeo fofo

Publicado

source

A labrador fêmea Holly conquista os corações de todos por onde passa, e isso não seria diferente com o golden retriever Harry, seu “namorado”. O pet é de um dos vizinhos de Holly, e sempre que estão juntos eles se divertem. Recentemente os dois protagonizaram uma cena fofa. 

Leia também: Cão não deixa dona completar tosa e fica com aparência engraçada

Holly e o namorado golden retriever arrow-options
Insensato Coração/ Holly and her money

Holly e o namorado golden retriever


“Vi que Holly estava inquieta na porta de casa. Quando fomos olhar pela câmera era Harry, segurando uma bolinha de presente para ela e a convidando para brincar”, escreveu Casi Cook no Reddit. Isso que é amor verdadeiro!

My pups boyfriend lives next door, and tonight at 10:55 he came for a date and to give her a present. My heart is so full right now ❤️ and now the ball goes everywhere with her from r/aww


Fonte: IG PET

Comentários Facebook
Leia mais:  Casal oferece 30 mil libras para quem cuidar de seus golden retrievers
Continue lendo

Momento MT

Momento Nacional

Momento Esportes

Momento Entretenimento

Mais Lidas da Semana