Momento Tecnologia

Mi Store Brasil desaparece e prejudica milhares de clientes

Publicado

source

Olhar Digital

Xiaomi fez sucesso no Brasil e loja não-oficial aproveitou para lucrar arrow-options
Divulgação/Xiaomi

Xiaomi fez sucesso no Brasil e loja não-oficial aproveitou para lucrar


Antes de a Xiaomi chegar oficialmente ao Brasil , através da parceria com a DL Eletrônicos , e posteriormente com a loja oficial aberta em São Paulo , o site ” Mi Store Brasil ” era o meio utilizado por aqueles que queriam comprar um celular da marca chinesa. Nas últimas semanas, o portal voltou a ficar em evidência, mas por um motivo negativo. A loja deixou de entregar todos os pedidos feitos a partir da Black Friday , saiu das redes sociais, desativou o site e não responde nenhum contato.

Quando a fabricante chinesa chegou ao brasil, a Mi Store foi muito beneficiada, já que era o primeiro resultado para as buscas no Google . A Xiaomi tentou de tudo para derrubar o domínio ” MiStoreBrasil.com ” antes de começar suas operação no país, mas não teve sucesso. Aqueles fãs de longa data da marca já sabiam que o site não era muito confiável. O Reclame Aqui possuiu diversas reclamações em relação à loja. Porém, aqueles que quiseram aproveitar a Black Friday para comprar seu primeiro Xiaomi foram pegos de surpresa.

Leia mais:  Quanto vale um disquete assinado por Steve Jobs? Peça é vendida por R$350 mil

Reprodução

Complicações

Com isso, diversos pedidos foram feitos durante a Black Friday e o Natal , e literalmente todo mundo ficou no prejuízo. O que se sabe até agora é que o último status recebido para todas as compras são de “aguardando envio”, o site da loja está fora do ar, como mostra a imagem a cima, e todas as redes sociais foram excluídas. O número pode passar de mil clientes, com prejuízo médio de R$ 1,2 mil. Aqueles que procuraram à polícia foram desencorajados de fazer um boletim de ocorrência. Segundo os oficiais, é muito difícil avançar em casos que todos os dados “desaparecem”. Os clientes que pagaram pelo MercadoPago estão conseguindo estornar o valor gasto, mas o restante enfrenta dificuldades.

Leia também: Apple irá lançar cinco modelos de iPhone durante 2020, diz analista

As próprias vítimas tentam juntar o maior número de informações sobre a loja, mas elas são um tanto confusas. A Mi Store Brasil pertencia à empresa Action Sales Companhia Digital LTDA, com CNPJ 29.497.760/0001-38. Porém, a fatura do cartão dos clientes mostrava a loja com o nome JCell, e não Action Sales. A JCell possui um quiosque com o nome Mi Store Brasil em Blumenau, mas afirma que não possui nenhum vínculo com a Action Sales ou o site.

Leia mais:  O iPhone 11 vale a pena? Confira os detalhes dos lançamentos da Apple

Sumiço

O caso fica ainda pior. Aqueles que fizeram a compra por boleto notaram que o beneficiário era a PAD Eletrônicos. Uma terceira empresa diferente. Esta última, porém, é proprietária da loja online Huawei Store Brasil e, afirma que “A PAD Eletrônicos é uma das empresas do GRUPO ACTION que também é gestora da conceituada loja www.mistorebrasil.com”.

Como é possível notar, não vai ser fácil encontrar os responsáveis pela loja e, consequentemente, pelo prejuízo de centenas, talvez milhares, de clientes. As próprias vítimas estão se unido em grupos de Telegram para se apoiarem e encontrarem novas informações. Porém, os crimes digitais ainda são subestimados no Brasil e, infelizmente, esse caso deve demorar para ter um desfecho. Lembrando ainda que o site oficial de vendas da Xiaomi possui o domínio ” https://xiaomi.distribuidornacional.com.br/ “.

Via: Mobizoo

Comentários Facebook
publicidade

Momento Tecnologia

Corre! Veja 24 aplicativos e jogos para Android de graça por tempo limitado

Publicado

source

Olhar Digital

Android arrow-options
shutterstock

confira jogos e aplicativos de graça por tempo limitado


Os aplicativos permitem que os smartphones façam as tarefas mais inusitadas. Quando é possível obtê-los de graça, é melhor ainda. De tempos em tempos, os desenvolvedores distribuem suas criações gratuitamente para atrair novos usuários, já que muitos têm receio de experimentar conteúdo pago.

A lista a seguir contém apps e games que estavam disponíveis gratuitamente na b e foram verificados pelo Olhar Digital. Esses programas estão gratuitos por tempo limitado, mas depois de instalados ficam vinculados à conta do Google para sempre. Ou seja, eles podem ser baixados a qualquer momento sem que seja preciso pagar.

Leia também: Apps com taxas indevidas foram instalados por 600 milhões de usuários do Android

Vale observar, ainda, que as promoções podem ser encerradas a qualquer momento. Então, ao abrir um app da lista na loja de aplicativos e o botão de aquisição não mostrar a palavra “Instalar”, mas o preço original do app, significa que ele voltou a ser pago: se você baixá-lo, será cobrado por isso.

Leia mais:  Você olha o seu celular mais de 200 vezes por dia, entenda porquê isso acontece

Aplicativos

Jogos

Personalização

Comentários Facebook
Continue lendo

Momento Tecnologia

Golpe usa SMS para roubar dinheiro; saiba se proteger

Publicado

source

Olhar Digital

Golpe arrow-options
shutterstock

Golpe por SMS já atingiu mais de 5 mil vítimas


Um trojan bancário que usa o envio maciço de mensagens SMS infectou cerca de 5 mil celulares Android . Chamado de “Faketoken”, o malware foi detectado pela primeira vez há 6 anos, em 2014, e voltou a circular recentemente com uma nova abordagem, mirando aparelhos com o sistema do Google .

O retorno do trojan foi reportado na última segunda-feira (13) pela Kaspersky , empresa especializada em cibersegurança. 

A tecnologia SMS costuma ser aproveitada em ataques de celulares para propagar o malware , enviando links infectados aos contatos da vítima. O que impressiona nesse caso é o disparo de mensagens ofensivas para números do exterior, estratégia nunca antes vista pelos pesquisadores da Kaspersky.

Leia também: Novo golpe no PayPal rouba dados do cartão de crédito; saiba se proteger

O número internacional é parte essencial para o funcionamento do golpe. Isso porque o custo de envio de mensagens para o exterior é maior se comparado às tarifas locais, o que aumenta o valor que os usuários tem que pagar se seus celulares estiverem contaminados. 

Leia mais:  Facebook investe US$500 milhões em tecnologia que controla máquinas com a mente

Em publicação no site oficial, a Kaspersky explica: “As atividades de disparo de mensagem do Faketoken são cobradas dos proprietários do dispositivo infectado. Antes de enviar qualquer coisa, ele confirma que a conta bancária da vítima possui saldo suficiente. Se a conta tiver dinheiro, o malware fará uma recarga na conta do celular antes de continuar mandando as mensagens”.

Para se proteger, é importante baixar apenas aplicativos oficiais da Play Store e desabilitar a opção que permite aos programas fazer downloads de fontes externas. O malware costuma se espalhar por outras lojas que não a do Google , ou seja, cumprir essa primeira recomendação é um grande passo para se manter seguro.

Outra orientação importante é não clicar em links de mensagens enviadas via SMS , mesmo que o remetente seja de confiança. Por último, se lembre sempre de instalar um antivírus no smartphone e mantê-lo sempre atualizado.

Comentários Facebook
Continue lendo

Momento MT

Momento Nacional

Momento Esportes

Momento Entretenimento

Mais Lidas da Semana