Momento Agro

Estados Unidos retiram itens da lista de importação de produtos sobretaxados da China

Publicados

em

 

       O escritório do Representante de Comércio dos Estados Unidos  (USTR) anunciou nesta terça-feira, 13, que vai retirar alguns produtos da lista de tarifas adicionais de 10% sobre aproximadamente US$ 300 bilhões de importações chinesas.
 
      Em maio deste ano, o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, afirmou que a  imposição destas taxas iriam começar em 1º de setembro.
 
      “Estão sendo removidos da lista de tarifas com base na saúde, segurança, segurança nacional e outros fatores e não enfrentarão tarifas adicionais de 10%”, disse em comunicado.
 
     Além disso, os Estados Unidos determinaram que itens como telefones celulares, laptops, consoles de videogame, brinquedos, monitores de computador e alguns itens de calçados e roupas terão o início da tarifa adicional prorrogados  para 15 de dezembro.
 
       O USTR informou que pretende ainda conduzir um processo de exclusão de produtos sujeitos à tarifa adicional.
Leia Também:  FRANGO/CEPEA: Ritmo de vendas de carne diminui; preços recuam
Propaganda
Clique para comentar

Você precisa estar logado para postar um comentário Login

Deixe uma resposta

Momento Agro

CITROS/CEPEA: Clima quente favorece demanda por laranjas

Publicados

em


Cepea, 24/09/2021 – Segundo pesquisadores do Cepea, a procura por laranjas esteve firme no mercado de mesa paulista nos últimos dias, influenciada pelo aumento das temperaturas em todo o estado. A demanda por laranjas tardias, especificamente, se aqueceu ligeiramente, favorecida pela melhor qualidade das frutas e pelos preços mais atrativos frente aos da pera. Na parcial desta semana (de segunda a quinta-feira), a valência foi comercializada à média de R$ 39,10/cx com 40,8 kg, na árvore, elevação de 5,9% frente à da semana anterior. A pera, por sua vez, foi negociada a R$ 46,76/cx com 40,8 kg, na árvore, avanço de 2,9% no mesmo comparativo. LIMA ÁCIDA TAHITI – A demanda não reagiu significativamente para a tahiti como aconteceu com a laranja. Assim, o baixo calibre segue influenciando negativamente as cotações. De acordo com dados do Cepea, na semana, a tahiti teve média de R$ 30,45/cx com 27 kg, colhida, queda de 8,5% em relação ao período anterior. Fonte: Cepea (www.cepea.esalq.usp.br)

Fonte: CEPEA

Leia Também:  CITROS/CEPEA: Clima quente favorece demanda por laranjas
Continue lendo

MOMENTO POLICIAL

MOMENTO DESTAQUE

MOMENTO MULHER

MOMENTO PET

MAIS LIDAS DA SEMANA