Momento Agro

Preços do Boi gordo voltam a subir nesta terça(18) com frigoríficos avançando abates

Publicados

em

 

     O mercado físico de boi gordo teve preços mais altos nesta segunda-feira, dia 17. Segundo o analista da consultoria Safras & Mercado, Fernando Henrique Iglesias, os frigoríficos tentam avançar a programação de abates depois de um período de compras em menor volume, o que deve manter os preços em alta nos próximos dias.
 
     “Ao mesmo tempo, a oferta de animais de safra diminui e, nas próximas semanas, haverá uma dependência maior dos confinados para os frigoríficos comporem suas escalas de abate”, assinalou Iglesias.
 
     Em São Paulo, preços a R$ 155,00 a arroba, contra R$ 154,00 a arroba na sexta-feira. Em Minas Gerais, o preço ficou em R$ 147,00 a arroba em Uberaba, ante R$ 146,00 a arroba. No Mato Grosso do Sul, preços ficaram em R$ 143,00 a arroba em Dourados, contra R$ 142,00 a arroba. Já em Goiás, preço em R$ 142,00 a arroba em Goiânia, ante R$ 140,00 a arroba. No Mato Grosso, preço de R$ 138,00 a arroba, estável.
 
     Atacado
 
    Já no atacado, o dia foi de preços estáveis. “A reposição entre atacado e varejo segue lenta, o que é tradicional na segunda quinzena de cada mês. No entanto, a retomada das exportações à China evita queda nos preços”, disse Iglesias.
 
     Assim, o corte traseiro seguiu em R$ 10,70 por quilo. O corte dianteiro permaneceu em R$ 8,40 o quilo. Já a ponta de agulha teve preço de R$ 7,50 por quilo.​
Leia Também:  SUÍNOS/CEPEA: Preço médio cai em nov/21 e fica 30% abaixo do registrado há um ano
Propaganda
Clique para comentar

Você precisa estar logado para postar um comentário Login

Deixe uma resposta

Momento Agro

CITROS/CEPEA: Com demanda abaixo da oferta, laranja pera se desvaloriza

Publicados

em


Cepea, 03/12/2021 – Em novembro, com a demanda abaixo da oferta (que vem sendo favorecida pelo retorno das chuvas no estado de São Paulo desde outubro), os preços da pera caíram. De acordo com dados do Cepea, a variedade foi negociada à média de R$ 45,01/cx de 40,8 kg, na árvore, valor 9,8% inferior ao de outubro/21, mas 3,8% superior ao do mesmo mês do ano passado, em termos nominais. Nesta semana, especificamente, o mercado de laranja de mesa se mantém calmo, e os preços continuam com leve tendência de queda. Agentes do setor comentam que o clima instável, com períodos de chuva, e o fim de mês podem ter limitado o consumo neste segmento. Fonte: Cepea (www.cepea.esalq.usp.br)

Fonte: CEPEA

Leia Também:  BOI/CEPEA: Indicador volta a operar na máxima nominal
Continue lendo

MOMENTO POLICIAL

MOMENTO DESTAQUE

MOMENTO MULHER

MOMENTO PET

MAIS LIDAS DA SEMANA