Momento Cidades

Ação integrada leva orientações, serviços e atendimento de saúde à profissionais do sexo

Publicados

em

Uma ação conjunta da Prefeitura de Cuiabá,  coordenada pela Secretaria-Adjunta de Direitos Humanos, cerca de 40 (quarenta) profissionais do sexo e pessoas trans que trabalham na região do Distrito Industrial, foram atendidas com diversos serviços como vacinação da gripe, consultas médicas e odontológicas, bem como orientações básicas sobre os cuidados e as formas de prevenção contra as Infecções Sexualmente Transmissíveis- IFST’s e outros agravos. Essa foi a quarta ação realizada no local.

“Realizar essa ação demonstra a preocupação e atenção da gestão Emanuel Pinheiro quanto ao atendimento desse público tão vulnerável, que mesmo com o passar dos anos, o preconceito permanece. Por isso que sempre realizamos ações dessa natureza para que os serviços ofertados pela rede pública de saúde cheguem até elas. Isso é uma gestão humanizada”, disse a secretária- adjunta de Direitos Humanos, Christiany Fonseca.

O trabalho foi realizado em conjunto com a Secretaria Municipal de Saúde.  com os projetos Consultório de Rua e o Projeto Amor, para conscientização sobre a importância dos cuidados com a saúde. 

Leia Também:  Reunião com proprietários de bares e restaurantes da Praça da Mandioca apresenta potencial do aplicativo do Turismo

“Somos esquecidas em razão da forma do nosso trabalho e ainda mais, sofremos muito com a discriminação. Então quando a gente recebe eventos com uma grande oferta de serviços, a gente aproveita. Eu mesma, sempre que a equipe vem, eu consulto com o psicólogo. É muito gratificante e recompensador”, afirmou a profissional do sexo, Dayane.

“Estamos muito satisfeitas com todo esse cuidado da Prefeitura de Cuiabá por meio da Secretaria de Direitos Humanos. Aproximar os serviços, principalmente os de saúde é fundamental, uma vez que, a maioria dessas profissionais não têm tempo para se deslocar a uma unidade de atendimento. Sem falar do preconceito, que ainda prevalece entre a sociedade. As meninas pertencem a um grupo extremamente marginalizado e discriminado pela população. A nossa eterna gratidão”, declarou a ex-profissional do sexo e colaboradora do projeto Incluiabá, Xica da Silva.

Além do atendimento em saúde, a equipe da Assistência Social esteve no local para o cadastramento dessas profissionais para recebimento dos benefícios sociais do Governo Federal.

A Câmara de Vereadores por meio da Sala da Mulher, também se fez presente com a entrega de cestas básicas. “Ações pontuais como essa devem ser mantidas. A Câmara Municipal de Cuiabá é e sempre será parceira da Prefeitura e de projetos como esse. Mesmo em meio a tantas dificuldades, medos, procurem seus direitos. A Câmara de Cuiabá está de portas abertas”, ressaltou a secretária de Comunicação da Câmara, Elizângela Tenório. 

Leia Também:  Mutirão Fiscal ultrapassa a marca de 2 mil acordos formalizados e R$ 9 milhões negociados

“Há cada edição conseguimos mais parceiros para que essas pessoas marginalizadas pela sociedade tenham acesso a dignidade com mais qualidade de vida e a saúde em dia”, destacou a secretária-adjunta.

O respeito a todos e todas é uma marca da Gestão do Prefeito Emanuel Pinheiro, que inclusive, vem empoderando esse grupo social dentro do quadro de servidores da Prefeitura Municipal de Cuiabá com o projeto Incluiabá, finalizou.

 

Propaganda

Rondonópolis

Moradores do Edelmina Querubim e Carlos Bezerra recebem escrituras

Publicados

em

A quadra de esportes da Escola Estadual Professora Stela Maris Valeriano da Silva ficou pequena com a quantidade de moradores que foram receber os títulos definitivos de seus imóveis. Somente durante a noite de sexta-feira (05) cerca de 150 títulos foram entregues, contemplando moradores dos bairros residencial Edelmina Querubim e Carlos Bezerra II.

O trabalho de regularização fundiária executado pela Prefeitura por meio da Secretaria Municipal de Habitação e Urbanismo está beneficiando centenas de proprietários que ainda não tinham o documento do imóvel. Todo o trâmite burocrático, inclusive no trabalho com o cartório, é desenvolvido pelo município, agilizando os processos. 

O prefeito José Carlos do Pátio entregou pessoalmente cada documento definitivo para os proprietários. Logo após receber o título, o morador era encaminhado ali mesmo na quadra, em outro espaço preparado pela equipe da Habitação para coletar as assinaturas e oficializar a posse. “Um ato de cidadania que garante dignidade para as famílias”, destacou. 

Por meio do programa de regularização fundiária, os proprietários têm uma economia de cerca de 8 mil reais. De posse dos documentos, os proprietários agora podem buscar financiamentos para fazer melhorias ou até ampliações nas residências. Além dos títulos entregues no evento, outros 150 já estão prontos e estão sendo repassados pela Secretaria de Habitação.

Leia Também:  Mutirão Fiscal ultrapassa a marca de 2 mil acordos formalizados e R$ 9 milhões negociados

Fonte: Prefeitura de Rondonópolis

Continue lendo

MOMENTO POLICIAL

MOMENTO DESTAQUE

MOMENTO MULHER

MAIS LIDAS DA SEMANA

Botão WhatsApp - Canal TI
Botão WhatsApp - Canal TI