Momento Cidades

Araguaiana receberá quase 6 mil metros de pavimentação asfáltica

Publicados

em


.

Com um investimento de 765 mil reais, o bairro Jardim Paraíso irá receber mais de 6 mil metros quadrados de pavimentação asfáltica. O bairro conta com cerca de 200 casas, sendo beneficiados pela pavimentação mais de 800 moradores.  

Sendo duas etapas do projeto, ambas irão contar com pavimentação, drenagem profunda e superficial, calçamentos, boca de lobo e meio fio. A primeira fase, será licitada no dia 8 de agosto, com um investimento de 415 mil reais ao total, sendo uma parte da emenda de 365 mil reais do ex-deputado Nilson Leitão (PSDB) e contrapartida de 50 mil reais da prefeitura. Serão executados mais de 3 700 metros de asfalto na Avenida Valdon Varjão e no trecho da Rua Domingos Vicente do Rosário.  

A segunda fase, conta com um investimento de 300 mil reais do senador Wellington Fagundes (PR) e mais 50 mil reais da prefeitura, sendo utilizados no asfaltamento de 2 200 metros, na Avenida Vereador Iran. A prefeitura está aguardando a licença ambiental junto a Sema de Barra do Garças para poder abrir a licitação da segunda parte da obra.  

A prefeitura de Araguaiana irá realizar o anseio dos moradores, que sofre com a poeira no período de estiagem.

Infraestrutura  

Durante esses três anos de gestão, a prefeitura de Araguaiana conseguiu concluir cerca de 20 mil metros quadrados de pavimentação nas principais ruas da região central da cidade, é o que mostra na edição n° 3 do Boletim Informativo da prefeitura.

Os cercas de 4 quilômetros já asfaltado resultaram de uma parceria com o estado, que destinou 212 mil reais para custear as obras, cujo foi orçado em 1,1 milhão de reais, somado a contrapartida do município.  

O projeto asfaltou a Avenida José Morbeck, Avenida Inocêncio Dias, Rua Otávio Dutra e outras ruas conectadas a essas.

 

Fonte: AMM

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  Prefeitura de Alto Garças publica nota de pesar e decreta luto oficial
Propaganda

Momento Cidades

Tapurah já registar 27 focos de incêndio na região

Publicados

em


.

Os últimos dias, Tapurah foi marcada por vários focos de incêndio em matas fechadas e lavouras, a Secretaria de Infraestrutura, Meio Ambiente e Serviços Públicos registrou até hoje (10/08) o total de 27 focos de incêndio, os quais foram cessados pela equipe da Secretaria. Os maiores, contam com o apoio do corpo de bombeiros para controlar as chamas.  

São utilizados brigadistas da própria Secretaria, máquinas, caminhão-pipa e logística para possibilitar o trabalho dos servidores. A Secretária da pasta, Cintia Fabiana Rincão explica que, o comando de corpo de Bombeiros da cidade de Lucas do Rio Verde dá o suporte nas ações focos de incêndio na região, e como são muitos, as vezes não conseguem atender todos na mesma hora, por isso a Prefeitura de Tapurah disponibiliza também um suporte necessário para o auxílio das queimadas. Lembrando que as propriedades particulares são responsáveis pelas queimadas e em casos de fogo criminoso, os mesmos são indiciados, legal e criminalmente. 

“Buscamos soluções para este grave problema que aflige a comunidade e traz dano para o meio ambiente e prejuízo para os produtores rurais, acompanhamos de perto os focos, nossos caminhões pipas já ficam sempre abastecidos para emergências, tentamos dar o máximo de auxílio para apagar os focos de queimadas, que este ano já ultrapassaram a marca de 27 registros, um ano bem atípico dos outros anteriores”, diz a Secretária. 

A Defesa Civil alerta a população para que não joguem latas de alumínio e vidro em meio ao mato, devido ao fato de que esses materiais aquecerem com a luz do sol e acabam iniciando a combustão do mato seco. Outro pedido da Defesa Civil é para que a população não jogue bitucas de cigarro na estrada. 

Período proibitivo 

De acordo com dados do Instituto de Pesquisas Espaciais (Inpe), até 31 de julho, Mato Grosso somava 9176 focos de calor. Devido à baixa média histórica de chuvas, o Estado definiu o período proibitivo de uso do fogo na zona rural no período de 01 de julho a 30 de setembro, podendo ser prorrogado. A decisão também levou em consideração os riscos que a poluição do ar traz à saúde humana, especialmente em um momento que o mundo enfrenta uma pandemia de uma síndrome respiratória, a Covid-19.  

As queimadas podem ser denunciadas na prefeitura ou na própria secretaria – 66-3547-3600. O acionamento do Corpo de Bombeiros Militar é feito pelo 193. 

Fonte: AMM

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  Prefeitura emite ordem de serviço para execução estrutural da MT-010
Continue lendo

MOMENTO POLICIAL

MOMENTO DESTAQUE

MOMENTO MULHER

MOMENTO PET

MAIS LIDAS DA SEMANA