Momento Cidades

Câmara de Cuiabá realiza audiência pública no bairro Paiaguás

Publicados

em

style”font-family: arial, helvetica, sans-serif font-size: 13px”>A Câmara Municipal de Cuiabá realiza na próxima segunda-feira, dia 16, uma audiência pública para debater sobre a pavimentação asfáltica dos bairros Jardim Itapuã, Três Poderes e Paiaguás I e II. A solenidade ocorrerá a partir das 19 horas no Centro Comunitário do bairro Paiaguás II, localizado na Rua E nº 459.
A medida é reflexo de uma solicitação dos moradores da região, que há muitos anos vem sofrendo por falta de pavimentação asfáltica.&nbsp
“Debater esse assunto é de suma importância para a comunidade, pois o asfalto resultará em melhor trafegabilidade de veículos e pedestres, facilitando assim o acesso do transporte coletivo, coleta de lixo e desenvolvimento do comércio local, ampliando significativamente a boa qualidade de vida das pessoas”, pontuou o vereador Misael Galvão (PSB), autor do requerimento que deu origem à audiência pública.
Além disso, o parlamentar ressalta que a pavimentação asfáltica e a drenagem de águas pluviais levarão benefícios à população. “ Isto, principalmente no tempo da seca, com a diminuição da poeira, que causa transtornos respiratórios, bem como no período chuvoso, com a diminuição dos alagamentos, barro e poças de água parada”.

Kamila Arruda | Câmara Municipal de Cuiabá

Kamila Arruda | Câmara Municipal de Cuiabá

Leia Também:  Em Mato Grosso, 28 municípios estão com risco muito alto de contaminação pela Covid-19

Imprimir Voltar Compartilhar:  

</div

Fonte: Câmara de Cuiabá MT

Propaganda
Clique para comentar

Você precisa estar logado para postar um comentário Login

Deixe uma resposta

Momento Cidades

Escola Técnica de Sorriso poderá ofertar curso superior de engenharia de pesca

Publicados

em

Foto: Michel Ferreira / Assessoria de Gabinete

Em visita a Sorriso, na segunda-feira (21), o secretário de Estado de Ciência, Tecnologia e Inovação (Secitec), Nilton Borges Borgato, anunciou a destinação de R$ 4,5 milhões para a retomada das obras da Escola Técnica (ETE), no bairro Industrial, na Zona Leste.

 Paralisado desde 2009, o projeto original prevê a construção de 12 salas de aula, 11 laboratórios, um laboratório especial, um auditório com capacidade para 150 pessoas, quadra poliesportiva, biblioteca, centro de convivência (refeitório e jardins), além de salas para os setores administrativos e pedagógicos, totalizando 5.537 m² construídos e com capacidade para atender 2,5 mil estudantes.

 Para o deputado estadual Xuxu Dal Molin (PSC), que acompanhou a visita, a conclusão das obras da escola técnica representa um avanço no processo de qualificação de jovens e adultos.

 Como exemplo, o parlamentar citou as tratativas junto à Universidade do Estado de Mato Grosso (Unemat) para a abertura do primeiro curso de engenharia de pesca do estado.

 “Há algum tempo a gente vem debatendo essa possibilidade com a reitoria da universidade. O fato é que somos um estado carente em mão de obra em diferentes segmentos da economia e a forma mais eficaz de revertemos essa situação é através de investimentos em educação”, assinala Dal Molin.

Leia Também:  Cuiabá Prev reforça necessidade de realização de prova de vida e reavaliação bienal dos aposentados e pensionistas

 “As futuras instalações da escola técnica são perfeitas e possibilitam o uso compartilhado com outras instituições de ensino. Nossa proposta é que esse espaço também seja utilizado na formação superior e não apenas de nível técnico”, complementa.

 “Por determinação do governador Mauro Mendes já ‘seguramos’ parte dos recursos no orçamento para concluirmos obras em três municípios, e Sorriso está nessa lista. São mais de R$ 11 milhões destinados para a qualificação de jovens e adultos”, avalia o secretário Nilton Borges.

 O gestor repassou também as orientações do estado sobre a implementação do Parque Tecnológico em Sorriso e do Centro de Inovação do Parque Tecnológico de Várzea Grande. “Já saiu uma equipe daqui [Sorriso] e foi até Cuiabá pra saber o que é como funciona um parque tecnológico. As vezes a gente fala, bom é uma coisa bacana, bonito, mas é preciso saber como se aplicar isso aqui em Sorriso é de fundamental importância”, concluiu.

 Ao todo, a Secitec possui nove escolas técnicas nas cidades de Sinop, Rondonópolis, Alta Floresta, Barra do Garças, Diamantino, Lucas do Rio Verde, Poxoréu, Tangará da Serra e Cuiabá, que atualmente funciona na Escola de Saúde Pública do Estado. Outras duas unidades, nos municípios de Matupá e Juara, estão em fase de conclusão.

Leia Também:  Prefeitura de Cuiabá faz concessão de terreno para construção da nova sede da AACC
Fonte: ALMT

 

Continue lendo

MOMENTO POLICIAL

MOMENTO DESTAQUE

MOMENTO MULHER

MOMENTO PET

MAIS LIDAS DA SEMANA