Momento Cidades

Luto: Prefeito de Sinop MT Roberto Dorner em nome do municipio externa seus pêsames aos familiares e amigos dos mortos em tragédia na 163

Publicados

em

O prefeito de Sinop MT Roberto Dorner(foto))  decretou luto oficial por três dias, em razão das mortes registradas no trágico acidente na BR-163, entre Sinop e Sorriso, na terça-feira (17).

Foram contabilizadas 08 mortes e dezenas de feridos, após a violenta colisão entre uma carreta e um ônibus de transporte intermunicipal de passageiros.

O socorro às vítimas, que foram encaminhadas para os hospitais de Sinop e Sorriso, foi realizado por equipes dos bombeiros, Rota Oeste, helicóptero da PM, com apoio da Prefeitura de Sinop MT.

Nesta quarta-feira (18), o número de mortes foi revisado pela Polícia Rodoviária Federal, que passou de 11 para 8, após equivoco. 

A Prefeitura de Sinop informou que direcionou duas ambulâncias (uma de resgate básico e uma de resgate avançado) e uma equipe de profissionais da saúde composta por médicos, enfermeiros, técnicos e condutores resgatistas para auxiliar nos atendimentos às vítimas do acidente.

As ambulâncias foram direcionadas ao estacionamento da Catedral Sagrado Coração de Jesus, região central da cidade, onde as vítimas mais graves foram levadas pelo helicóptero da CIOPAER. A partir do local, as ambulâncias auxiliaram no transporte para o Hospital Regional de Sinop.

Leia Também:  Polícia Federal prende criminosos do Comando Vermelho que patrocinaram campanha política de Vereador em MT

A Prefeitura de Sinop e todos os servidores, manifestam seu pesar pelas mortes e externam sinceros sentimentos aos amigos e familiares.

O prefeito Roberto Dorner se solidariza com os familiares das vítimas fatais, manifestando profundo pesar, e deseja rápida e efetiva recuperação aos feridos, colocando-se à disposição para o que for necessário.

O Decreto editado não promove alterações nos atendimentos ofertados na Prefeitura, nem nas secretarias e demais repartições públicas. Os atendimentos nesses órgãos permanecem normalizados no período de vigência do decreto.

 

Otavio Ventureli(da redação com Ascom)

LUCAS DO RIO VERDE

22 pacientes de Lucas do Rio Verde MT são selecionados pelo Ministério da Saúde para participar de Evento sobre a hanseníase

Publicados

em

Pacientes de Lucas do Rio Verde, em Mato Grosso, foram selecionados para participar do 1º Inquérito Nacional de Incapacidade Física em Hanseníase, coordenado pelo Ministério da Saúde, Fundação Osvaldo Cruz (Fiocruz) Amazonas e Fundação Alfredo da Matta.

Ao todo foram selecionados 22 pacientes, já totalmente curados da doença e que fizeram tratamento entre 2015 e 2019.

Os pacientes foram escolhidos por meio de uma base de informações do Ministério da Saúde. O objetivo final do estudo é obter dados para elaborações de políticas públicas de combate à doença. A coleta de dados começou em abril e deve seguir até julho.

A avaliação dos pacientes foi realizada, nesta semana, no Espaço Saúde, por duas técnicas do Ministério da Saúde.

Uma delas é a Elaine Silva Nascimento, que pontuou que a ideia do Ministério da Saúde é realizar uma sondagem para conhecimento dos números de pacientes que foram de fato recuperados ou que desenvolveram incapacidade física, deformidade física ou que precisam de reabilitação após o tratamento da PoliQuimioTerapia (PQT).

Leia Também:  Comunidade do Chaparral é contemplada com a construção de travessia de concreto

De acordo com a secretária de Saúde, Dra. Fernanda Heldt Ventura, essa avaliação dos pacientes luverdenses tem por objetivo estudar e estimar a frequência de capacidade física que o paciente tem após a cura total da doença.

“Lucas do Rio Verde contribuir com a vinda desse inquérito nacional é um reflexo de que estamos fazendo um bom trabalho no município e continuaremos trabalhando para que os pacientes continuem recebendo um bom acompanhamento”, finaliza.

Em Lucas do Rio Verde, o paciente com hanseníase é atendido em qualquer Unidade de Saúde da Atenção Básica (PSF).

Caso o diagnóstico seja confirmado, o morador  inicia o tratamento com os médicos e enfermeiros do seu PSF.

A hanseníase é uma doença infecciosa causada por uma bactéria que afeta exclusivamente seres humanos. A forma de transmissão ocorre pelas vias aéreas, por gotículas. O diagnóstico é feito por exames clínicos, sorologia específica e raspagem.

A doença é primeiramente neurológica, afeta os nervos mais superficiais da pele, e pode provocar formigamentos, dormência, câimbras, sensação de agulhada e pontadas.

Leia Também:  Onda de assassinatos em Cáceres MT leva a área da SSP do Estado a acreditar na existência de grupos de extermínio

Só depois de anos de evolução dos sintomas, os pacientes começam a apresentar lesões na pele, como manchas e caroços.

Outra característica importante é que a bactéria da hanseníase tem o metabolismo lento, o que resulta na evolução lenta dos sintomas.

 

Otavio Ventureli(da redação com Ascom)

Continue lendo

MOMENTO POLICIAL

MOMENTO DESTAQUE

MOMENTO MULHER

MOMENTO PET

MAIS LIDAS DA SEMANA

Botão WhatsApp - Canal TI
Botão WhatsApp - Canal TI