LUCAS DO RIO VERDE

Forças de segurança iniciam operações de fim de ano em Lucas do Rio Verde

Publicados

em

Para coibir crimes recorrentes nesta época do ano, em que muitos munícipes vão viajar, as forças de segurança de Lucas do Rio Verde deram início nas ações de fim de ano com uma operação integrada. A abertura foi realizada simultaneamente pela Polícia, Militar, Polícia Civil, Corpo de Bombeiros e Guarda Municipal em diversos bairros da cidade, na sexta-feira (26), e a operação terminou na manhã desta segunda-feira (29). 

Os trabalhos foram realizados pelas corporações com apoio da Jornada Extraordinária, parceria firmada entre o Município de Lucas do Rio Verde e o Estado por conta do baixo efetivo, passando a contribuir no pagamento dos profissionais de segurança, que trabalharão em suas horas de folga, de maneira voluntária.

Durante os quatro dias de operação, o balanço foi:

21 conduzidos pela Polícia Militar;
7 porções de maconha;
3 porções de pasta base;
1 porção de ecstasy;
1 saco de cogumelos alucinógenos;
9 veículos apreendidos;
350 pessoas abordadas;
13  estabelecimentos fiscalizados;
2 mandados de prisão cumpridos e cinco conduzidos pela Polícia Civil.

Leia Também:  Prefeitura abre licitação para compra de postes e lâmpadas de iluminação urbana

“O principal objetivo dessas operações é evitar os crimes mais recorrentes em nossos índices, como roubos, furtos, homicídio e Maria da Penha (violência doméstica). Foram feitos vários trabalhos de barreira policial e abordagens durante todo o fim de semana”, explicou o tenente-coronel Paulo Secchi, salientando que os trabalhos devem continuar e serem intensificados no último mês do ano. 

A operação integrada, que faz parte do calendário de ações da Secretaria de Estado de Segurança Pública, contou com apoio da Força Tática e Cavalaria por meio da regional da Polícia Militar de Nova Mutum. 

“O objetivo é que as pessoas tenham a sensação de segurança ainda maior, por isso a Guarda Municipal forneceu todo o apoio necessário à operação”, destacou o supervisor da Guarda, tenente José Carlos Medeiros de Lima. 

 

LUCAS DO RIO VERDE

Lucas do Rio Verde começa a aplicar vacina contra a Covid-19 em crianças nesta quinta

Publicados

em

A Secretaria de Saúde de Lucas do Rio Verde anuncia que vai começar a aplicar a vacina contra a Covid-19 em crianças de 5 a 11 anos nesta quinta-feira (20). A imunização desse público será por meio de agendamento no site da prefeitura e ocorrerá nos PSFs VII Jardim Primaveras e XIII Parque das Américas.

Lucas do Rio Verde vai receber 460 doses pediátricas neste primeiro lote. Nessa fase, serão vacinadas crianças com deficiências permanentes ou comorbidades (confira a lista abaixo).

A previsão, conforme expectativa do Ministério da Saúde, é imunizar 7.638 crianças de 5 a 11 anos em Lucas do Rio Verde. No Brasil, são 20,5 milhões de crianças, conforme o IBGE.

Para serem vacinadas, as crianças devem estar acompanhadas dos pais ou responsável legal que tenha a guarda. Para comprovação da condição de risco, é preciso apresentar, no momento da vacinação, laudo médico ou comprovante da deficiência ou patologia.

É necessário apresentar, ainda, documento com foto ou certidão de nascimento, CPF e carteira vacinal.

Leia Também:  É proibida a venda de túmulos no cemitério de Lucas do Rio Verde, esclarece Prefeitura

A Secretaria de Saúde reforça que a aplicação da vacina contra a Covid-19 em crianças foi autorizada em 15 de dezembro do ano passado pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) e liberada, pelo Ministério da Saúde, no último dia 5 de janeiro.

A vacina será da marca Pfizer, com dosagem menor do que a utilizada em maiores de 12 anos, sendo 1/3 em relação à outra formulação. Além disso, os frascos terão a tampa da cor laranja para diferenciar das doses já usadas em outras faixas etárias.

A segunda dose para crianças de 5 a 11 anos deve ser aplicada 2 meses após a primeira dose.

A Anvisa recomendou que haja um tempo mínimo de 15 dias entre a aplicação da vacina contra a Covid e qualquer outra vacina do calendário infantil.

Mudança no esquema semanal de vacinação
Por causa do esquema de vacinação contra a Covid-19 em crianças, não haverá, a partir desta quinta-feira (20), aplicação de outras vacinas, Covid adulto ou vacinas de rotina, nos PSFs VII Jardim Primaveras e XIII Parque das Américas. Nessas unidades, haverá apenas a oferta das doses pediátricas da Pfizer.

Leia Também:  Prefeitura de Lucas do Rio Verde inicia obras de revitalização na praça do bairro Veneza

Quem precisar tomar a 2ª dose da vacina da marca Janssen deverá se deslocar até os seguintes PSFs: I e II Rio Verde, IV Alvorada, V Pioneiro, VI Jardim das Palmeiras e XVII Vida Nova.

Comorbidades
A lista de comorbidades é definida pelo Ministério da Saúde:
• Insuficiência cardíaca
• Cor-pulmonale e hipertensão pulmonar
• Cardiopatia hipertensiva
• Síndromes coronarianas
• Valvopatias
• Miocardiopatias e pericardiopatias
• Doenças da aorta, grandes vasos e fístulas arteriovenosas
• Arritmias cardíacas
• Cardiopatias congênitas
• Próteses e implantes cardíacos
• Talassemia
• Síndrome de Down
• Diabetes mellitus
• Pneumopatias crônicas graves
• Hipertensão arterial resistente e de artéria estágio 3
• Hipertensão estágios 1 e 2 com lesão e órgão alvo
• Doença cerebrovascular
• Doença renal crônica
• Imunossuprimidos (incluindo pacientes oncológicos)
• Anemia falciforme
• Obesidade mórbida
• Cirrose hepática
• HIV

Continue lendo

MOMENTO POLICIAL

MOMENTO DESTAQUE

MOMENTO MULHER

MOMENTO PET

MAIS LIDAS DA SEMANA