Momento Cidades

Segunda dose da vacina Coronavac passa a ser aplicada somente no Centro de Eventos e UFMT

Publicados

em


Gustavo Duarte

Clique para ampliar

A Prefeitura de Cuiabá, por meio da Secretaria Municipal de Saúde (SM), informa que a partir desta quinta-feira (13), a segunda dose da vacina Coronavac será aplicada somente nos polos do Centro de Eventos do Pantanal, de maneira presencial e UFMT (Universidade Federal de Mato Grosso), no modelo Drive Thru.

A medida foi tomada pela SMS para ter mais controle dos grupos dos trabalhadores da saúde, idosos de 65 a 69 anos e das Forças Armadas, que ainda estão em aguardo pela segunda dose do imunizante, devido a necessidade de novo reagendamento, após a tentativa de fraude no sistema de cadastramento, por pessoas residentes de outros municípios, que tentavam receber a 2ª dose do imunizante na Capital.

Diante disso, A secretaria reforça que as pessoas que já estão com agendamento marcado no cartão, acessem  o site https://vacina.cuiaba.mt.gov.br/ e imprima o novo QR Code para comprovação, antes de se dirigir ao polo de vacinação. É necessário atenção com a nova data, a fim de evitar congestionamentos no trânsito da capital e aglomeração nos polos.

Leia Também:  Pinheiro defende democracia com plebiscito para escolha de modal de transporte e busca diálogo com TRE

Outro motivo para as mudanças no calendário de vacinação é a logística de aplicação das vacinas da Pfizer. Com a chegada de mais uma remessa deste imunizante, que tem um prazo pequeno para ser aplicado, a prioridade neste momento é dar vazão a estas doses, para que não se corra o risco de perdas.

Cadastro e agendamento

As pessoas que se cadastraram no site e que fazem parte dos grupos contemplados (50 a 59 com comorbidades, gestantes e puérperas a partir de 18 anos, Síndrome de Down a partir de 18 anos e pessoas com deficiências permanentes a partir de 50 anos) devem entrar no site da vacinação no período noturno e consultar o cadastro para verificar se a agenda está disponível.

No dia da vacinação a pessoa deve levar o QR Code do agendamento impresso, juntamente com o laudo impresso OU a declaração de comorbidades assinada e carimbada pelo médico, pois estes documentos serão retidos no registro. Também é necessário levar um documento com foto e o comprovante de endereço de Cuiabá.

Leia Também:  Junho Violeta: Assistência Social realiza capacitação voltada para garantia dos direitos da pessoa idosa

Momento Cidades

Prefeito Kalil e senador Jayme se reúnem com ministro da Saúde, Marcelo Queiroga

Publicados

em


O prefeito Kalil Baracat e o senador Jayme Campos (DEM-MT) se reuniram na tarde desta quarta-feira (16.06) com o ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, para apresentar as principais demandas de Mato Grosso na área da saúde pública. O ministro reafirmou a disposição do governo federal em enviar doses extras da vacina contra a Covid-19 ao Estado e antecipou a implantação da Tele-UTI no Hospital e Pronto Socorro de Várzea Grande em parceria com o Hospital das Clínicas de São Paulo.

“Demandei ao Programa Nacional de Imunização um aporte maior de vacinas para os estados que têm grandes fronteiras secas como é o caso de Mato Grosso. As justificativas técnicas já foram feitas e esperamos que esse pleito seja atendido”, explicou o ministro.

Para Jayme Campos, o envio de doses extras ao Estado é justo. “O ministro já manifestou a possibilidade desse pedido ser atendido porque é uma demanda justa. Nós teremos uma oportunidade ímpar de receber nesses próximos dias em território várzea-grandense o ministro Queiroga, que vai anunciar tudo aquilo que for possível atender ao estado e especialmente a Cuiabá e Várzea Grande”, disse.

Leia Também:  Governo entrega máquinas e equipamentos para manutenção de rodovias a prefeituras, consórcios e associações

Segundo Queiroga, ele e sua equipe irão a Mato Grosso nos próximos dias e, em Várzea Grande, será anunciada a implantação da Tele-UTI no hospital da cidade. O programa prevê o acompanhamento, por médicos do Hospital das Clínicas de São Paulo, de casos de pacientes internados no hospital.

O prefeito de Várzea Grande, Kalil Baracat (MDB-MT) agradeceu o empenho do senador e do ministro para atender às demandas da cidade. “A nossa busca aqui é levar vacinas e agradecer a implantação da tele-medicina no nosso hospital municipal, que vai fazer de Várzea Grande um dos polos dentro do Brasil nesse sentido”, disse.

Continue lendo

MOMENTO POLICIAL

MOMENTO DESTAQUE

MOMENTO MULHER

MOMENTO PET

MAIS LIDAS DA SEMANA