SORRISO

Representantes do Executivo, do Legislativo e da PRF alinham…

Publicados

em

O prefeito de Sorriso, Ari Lafin, afirmou que já há um aporte de R$ 800 mil para a cobertura, visto que as tratativas para o empreendimento já vem sendo feitas entre o Executivo Municipal e a PRF desde 2021. Para o hangar, ainda está sendo feita a estimativa de investimento.

“São obras importantes para reforçar a segurança pública em toda a região e, mais uma vez, nos colocamos à disposição para seguir auxiliando no que mais for necessário para este processo”, destacou o prefeito, compartilhando que na semana passada este foi um dos temas discutidos durante agenda em Cuiabá, na Secretaria de Estado de Segurança Pública (Sesp).

Durante a reunião com os secretários-adjuntos de Segurança Pública Carlos Davim e coronel PM Juliano Chiroli, Ari e Moura pediram que o helicóptero da PRF possa ficar abrigado no Centro Integrado de Operações Aéreas (Ciopaer) durante o trâmite necessário para licitação e construção do hangar.

“A vinda do helicóptero é um ganho para o Município, para a região e para todos aqueles que trafegam pela BR-163”, comentou o prefeito, lembrando que o diretor-geral da PRF, Silvinei Vasques, quando da inauguração das benfeitorias na Delegacia da PRF em Sorriso, destacou que a aeronave vai contribuir de forma direta para ações de resgate e também para combater a criminalidade, em especial, o tráfico de drogas, reiterou o prefeito durante a reunião na Sesp.

Leia Também:  Sorriso prepara etapa Teles Pires do FETRAN Mato Grosso

Propaganda

SORRISO

Equipe do Programa VitaMel Mais participa de Dia de Campo em…

Publicados

em

Um dia de campo para conhecer o Meliponário que realiza prática de produção, divisão e multiplicação de enxame de abelhas sem ferrão, de diversas espécies, levou equipe do programa Vita Mel até Alta Floresta para conhecer in loco o processo num todo.

A equipe da SAMA formada membros do Programa VitaMel Mais e 01 produtor foi recepcionada pela secretária de Meio Ambiente de Alta Floresta/MT, Gercilene Meire que explanou sobre o Projeto Meliponicultura.

Em campo, a equipe participou na prática da técnica de multiplicação das abelhas uruçu boca-de-renda, uma espécie sem ferrão.

Conforme o coordenador do VitaMel Mais, Niki Nelson, Alta Floresta é referência em preservação e incentivo na produção de mel, por abelhas sem ferrão. “Fomos conhecer o diferencial dessa variedade de abelhas e do mel que vem ganhando espaço no município e se expandindo pela região. Em Sorriso, produzimos mel a partir das colmeias de abelhas com ferrão. Uma nova variedade pode se tornar uma alternativa para agregar renda extra ao produtor de mel. Futuramente a equipe do projeto do Meliponário Municipal de Alta Floresta virá conhecer nossas colmeia e variedades. Uma troca de informações que vem somar para setor que tem se desenvolvido e subsidiado a agricultura familiar, nos dois municípios”, destaca.

Leia Também:  Equipe do Programa VitaMel Mais participa de Dia de Campo em...

O Programa VitaMel Mais é um programa da Secretaria de Agricultura e Meio Ambiente (SAMA).

Fonte: Prefeitura de Sorriso – MT

Continue lendo

MOMENTO POLICIAL

MOMENTO DESTAQUE

MOMENTO MULHER

MAIS LIDAS DA SEMANA

Botão WhatsApp - Canal TI
Botão WhatsApp - Canal TI