Momento Destaque

Atlético Mineiro recebeu o Sport na noite deste sábado no Mineirão para dormir na liderança mas não marcou e partida termina em 0 x 0

Publicados

em

O melhor ataque do Campeonato Brasileiro falhou na noite deste sábado(24). O Atlético-MG recebeu o Sport em casa para se recuperar no torneio e até mesmo dormir como líder. Mas o Galo, mesmo com posse de bola e volume de jogo, parou nas mãos do goleiro Luan Poli.

O empate em 0 a 0 deixa o clube mineiro na terceira colocação, e agora torce para o empate entre Internacional e Flamengo neste domingo(25). Já o Leão permanece na metade inferior da tabela. O time de Jair Ventura, ao menos, leva um ponto para Recife e quebra a sequência de derrotas.

O Atlético-MG repetiu a estratégia do jogo contra o Bahia e, com posse de bola, atacou bastante o Sport. A equipe de Jair Ventura se defendeu bem, ao menos até os 30 primeiros minutos. Depois, o Galo conseguiu espaços na zaga do Leão e teve três chances de marcar.

Primeiro, em chute perigoso de Savarino, fora da área, que Luan Poli espalmou e a trave ajudou. Depois, Jair recebeu de Keno na infiltração e bateu no alto, seco, para Poli defender novamente.

Leia Também:  Polícia tenta localizar homem suspeito de matar ex-esposa após ir ao banco sacar auxílio emergencial e mulher ser encontrada morta

O goleiro do Sport voltou a aparecer bem ao impedir que Keno balançasse a rede, após Márcio Araújo errar o passe para trás. O artilheiro do Galo ainda teve o rebote a favor, mas chutou para fora. O Sport chegou pouco, e não finalizou a gol no primeiro tempo, aparecendo mais nas bolas paradas com Thiago Neves. O time da casa, ao contrário, desferiu 14 finalizações, sem marcar.

A etapa final não teve o roteiro alterado, a não se por menos chances de perigo a favor do Atlético. No início do segundo tempo, Luan Poli fez duas O Sport continuou na retranca, sem levar perigo ao gol de Everson.

O Galo provou o ataque com Marrony e Zaracho. Mas a produção ficou devendo. No contra-ataque, o Sport tentava escapar com Thiago Neves, mas faltava espaço e presença de companheiros de time para prosperar. O tempo virou inimigo do Atlético, que não conseguiu furar a defesa do rubro-negro pernambucano.

 

 

Otavio Ventureli(da redação)

Momento Destaque

Terroristas fortemente armados assaltam agências bancárias durante 3 horas, fazem escudos humanos e deixam cidade sitiada

Publicados

em

Um grupo fortemente armado provocou uma onda de assaltos a bancos em Criciúma, no sudeste de Santa Catarina, no início desta terça-feira, 1º.

A polícia ainda não sabe quantos bandidos participaram da ação, que durou cerca de três horas, e nem de onde eles são.

As entradas da cidade foram bloqueadas pelos criminosos para evitar a chegada de reforço policial.

De acordo com o soldado Marques, relações públicas da 6ª região de Polícia Militar do Estado, os bandidos portavam fuzis .556 e .762 e atiraram muitas vezes nas ruas da cidade. Os disparos atingiram vidraças de casas e apartamentos.

Houve reféns, mas a polícia não soube precisar quantos. Em vídeos compartilhados nas redes sociais, funcionários da prefeitura que estavam pintando faixas de trânsito na madrugada foram obrigados a sentar no meio da rua, formando uma espécie de “escudo humano” contra a ação policial.

A ação do grupo aconteceu principalmente no centro da cidade, onde os bancos são próximos uns dos outros. A polícia suspeita que eles tenham invadido agências da Caixa Econômica Federal, do Itaú, do Banco do Brasil e do Banrisul.

Leia Também:  Polícia investiga denúncia de estupro contra o Senador da República Irajá Silvestre e começa a analisar câmeras de segurança do flat

Os bandidos queimaram um veículo no túnel que liga Criciúma a Tubarão, bloqueando o contato terrestre com a capital Florianópolis e dificultando a chegada de reforço policial. Um caminhão foi incendiado na entrada de um quartel da Polícia Militar.

A cidade pediu reforço aos batalhões de Operações Especiais (BOPE), de Choque e Aéreo. Por enquanto, há dois feridos. Um deles é policial e está estável. O outro é um vigilante e não há informações sobre seu estado de saúde.

O prefeito Clésio Salvaro (PSDB) postou um vídeo no Facebook afirmando que estava acompanhando o assalto “com muita preocupação” e que a cidade chegou a ficar sitiada. “É um assalto de grandes proporções com bandidos muito bem preparados”, falou. Ele pediu que a população não saia de casa. “Vamos deixar a polícia fazer o papel da polícia”, disse.

Apesar dos apelos para que ninguém saia na rua, vídeos compartilhados nas redes sociais mostram moradores recolhendo o dinheiro que os bandidos deixaram para trás.

Antes de deixar a cidade, os bandidos colocaram explosivos em uma praça. A ação começou por volta da meia-noite e encerrou perto das 3h. Segundo as autoridades, o grupo saiu de Criciúma em um comboio de carros de alto padrão que seguiu para o sul.

Leia Também:  Cachorro salva menina de 12 anos de ataque de cobra e é internado

 

 

Otavio Ventureli(da redação com terra)

Continue lendo

MOMENTO POLICIAL

MOMENTO DESTAQUE

MOMENTO MULHER

MOMENTO PET

MAIS LIDAS DA SEMANA