Momento Destaque

Bahia desperdiça pênalti no segundo tempo e perde para o Athletico PR na noite deste sábado na Arena da Baixada em Curitiba

Publicados

em

O Athletico-PR venceu o Bahia pelo placar de 1 a 0 na noite deste sábado(26), na Arena da Baixada, em Curitiba, pela 12ª rodada da Série A.

O gol do Furacão foi marcado por Christian, na segunda etapa. O Tricolor baiano teve a chance de empatar em uma penalidade apontada pelo VAR. No entanto, Santos defendeu a cobrança de Clayson.

Athletico-PR e Bahia fizeram um início de jogo bastante equilibrado. Os dois times apostaram em fechar espaços e pressionar a saída de bola adversária para forçar o erro. Com a marcação apertada dos dois lados, os goleiros trabalharam pouco.

A melhor chance do Furacão veio com Erick, que recebeu lançamento de Abner e finalizou em cima de Douglas Friedrich. O Tricolor, por sua vez, assustou com Rodriguinho, que completou para fora um cruzamento vindo da esquerda. A equipe treinada por Mano Menezes ainda perdeu o centroavante Gilberto, que se queixou de dores no joelho após uma dividida pelo alto.

O intervalo não modificou a dinâmica da partida. As duas equipes seguiram mais concentradas em negar espaços ao rival do que em criar jogadas. Em um jogo com poucas chances, um erro é fatal. E o Athletico-PR se aproveitou do cochilo da defesa do Bahia para abrir o placar com Christian, que aproveitou belo cruzamento de Abner para, de cabeça, balançar as redes da Arena da Baixada.

Leia Também:  Polícia Civil de Lucas do Rio Verde MT investiga morte de um homem encontrado sem vida na tarde desta terça(27) com 30 facadas

O gol fez o time baiano adotar uma postura mais agressiva. Aos 32, o VAR entrou em ação. Rossi ganhou disputa de bola com o goleiro Santos e caiu quase na pequena área. Ricardo Marques Ribeiro não marcou a penalidade, mas o árbitro de vídeo recomendou a revisão e o árbitro voltou atrás da decisão. Na cobrança, Santos defendeu o chute de Clayson.

 

 

Otavio Ventureli(da redação com GE)

Momento Destaque

“Seo Moreira” de 64 anos “amigo” da família é acusado de estuprar menina de 10 anos que contou detalhes das agressões

Publicados

em

Pedófilo de 64 anos foi denunciado, acusado de estuprar uma menina de 10 anos, em Chapada dos Guimarães, em Mato Grosso.

“Seo Moreira”, como é conhecido, é amigo da família da vítima desde 2016. Ele já tem passagens pelo mesmo crime, sendo acusado de estuprar a própria enteada.

De acordo com as informações, a tia da vítima foi quem descobriu que os abusos ocorreram e contou para a mãe dela. Disse ainda para que ela conversasse com a filha, pois temia que ela tivesse sofrido mais coisas.

Para a mãe, a menina contou detalhes de como os abusos aconteceram. Segundo a menina, o agressor aproveitava momentos como, banho no rio, por exemplo, para cometer os abusos.

Ele colocava o pênis para fora da roupa e fazia contato com o corpo dela. Também beijava sua boca, além de pegá-la no colo para esfregar em seu corpo.

A denunciante acredita que os abusos acorram há 3 anos. O caso foi registrado na delegacia da cidade, onde a Polícia descobriu que há contra o agressor outros registros de estupro, um deles foi cometido contra a ex-entiada quando ela era menor.

Leia Também:  Acidente entre moto e caminhão nesta quarta(28) causa ferimentos graves em duas vítimas que ficaram presas em baixo do pesado veículo

O crime será investigado pela Polícia Civil. Como não há flagrante, o pedófilo não foi preso.

 

 

Otavio Ventureli(com GD)

Continue lendo

MOMENTO POLICIAL

MOMENTO DESTAQUE

MOMENTO MULHER

MOMENTO PET

MAIS LIDAS DA SEMANA