Momento Destaque

Baixaria: Ministro do Superior Tribunal de Justiça participa “pelado” de sessão virtual usando apenas a Toga, camisa social e cuecão

Publicados

em

O ministro Nefi Cordeiro(foto), do Superior Tribunal de Justiça (STJ), apareceu sem as calças em uma sessão transmitida pela Corte. O magistrado votava de casa, em razão da pandemia de coronavírus, na sessão realizada por meio virtual. Em determinado momento, o magistrado se levanta e é possível ver que ele está usando toga e uma blusa social.

No entanto, na parte de baixo, de acordo com as imagens, o magistrado utiliza apenas roupa íntima. A toga é obrigatória nos julgamentos, e é utilizada para representar a imparcialidade da Justiça. Também é símbolo de honestidade e representa um escudo contra a corrupção.

A sessão em que ocorreu o incidente foi realizada na terça-feira (20/10). O trecho chegou a ser retirado da transmissão do STJ na internet, mas começou a circular pelas redes sociais. Procurado pela reportagem, “o gabinete do ministro informa que tem ciência de que o vídeo está circulando por redes sociais, no entanto, não irá se manifestar a respeito”.

Com 57 anos, Nefi Cordeiro chegou ao STJ por indicação da ex-presidente Dilma Roussef. Além de ministro do tribunal superior, ele também é professor em duas faculdades particulares de Brasília.
Otavio Ventureli(de Brasilia)
Leia Também:  Processo de transição de governo municipal para novo Prefeito de Nova Mutum MT deve terminar sòmente em 09 de janeiro em função da pandemia

Momento Destaque

Terroristas fortemente armados assaltam agências bancárias durante 3 horas, fazem escudos humanos e deixam cidade sitiada

Publicados

em

Um grupo fortemente armado provocou uma onda de assaltos a bancos em Criciúma, no sudeste de Santa Catarina, no início desta terça-feira, 1º.

A polícia ainda não sabe quantos bandidos participaram da ação, que durou cerca de três horas, e nem de onde eles são.

As entradas da cidade foram bloqueadas pelos criminosos para evitar a chegada de reforço policial.

De acordo com o soldado Marques, relações públicas da 6ª região de Polícia Militar do Estado, os bandidos portavam fuzis .556 e .762 e atiraram muitas vezes nas ruas da cidade. Os disparos atingiram vidraças de casas e apartamentos.

Houve reféns, mas a polícia não soube precisar quantos. Em vídeos compartilhados nas redes sociais, funcionários da prefeitura que estavam pintando faixas de trânsito na madrugada foram obrigados a sentar no meio da rua, formando uma espécie de “escudo humano” contra a ação policial.

A ação do grupo aconteceu principalmente no centro da cidade, onde os bancos são próximos uns dos outros. A polícia suspeita que eles tenham invadido agências da Caixa Econômica Federal, do Itaú, do Banco do Brasil e do Banrisul.

Leia Também:  Polícia investiga denúncia de estupro contra o Senador da República Irajá Silvestre e começa a analisar câmeras de segurança do flat

Os bandidos queimaram um veículo no túnel que liga Criciúma a Tubarão, bloqueando o contato terrestre com a capital Florianópolis e dificultando a chegada de reforço policial. Um caminhão foi incendiado na entrada de um quartel da Polícia Militar.

A cidade pediu reforço aos batalhões de Operações Especiais (BOPE), de Choque e Aéreo. Por enquanto, há dois feridos. Um deles é policial e está estável. O outro é um vigilante e não há informações sobre seu estado de saúde.

O prefeito Clésio Salvaro (PSDB) postou um vídeo no Facebook afirmando que estava acompanhando o assalto “com muita preocupação” e que a cidade chegou a ficar sitiada. “É um assalto de grandes proporções com bandidos muito bem preparados”, falou. Ele pediu que a população não saia de casa. “Vamos deixar a polícia fazer o papel da polícia”, disse.

Apesar dos apelos para que ninguém saia na rua, vídeos compartilhados nas redes sociais mostram moradores recolhendo o dinheiro que os bandidos deixaram para trás.

Antes de deixar a cidade, os bandidos colocaram explosivos em uma praça. A ação começou por volta da meia-noite e encerrou perto das 3h. Segundo as autoridades, o grupo saiu de Criciúma em um comboio de carros de alto padrão que seguiu para o sul.

Leia Também:  Terroristas fortemente armados assaltam agências bancárias durante 3 horas, fazem escudos humanos e deixam cidade sitiada

 

 

Otavio Ventureli(da redação com terra)

Continue lendo

MOMENTO POLICIAL

MOMENTO DESTAQUE

MOMENTO MULHER

MOMENTO PET

MAIS LIDAS DA SEMANA