Momento Destaque

Com gol de Wellington Paulista Fortaleza bate o Sport por 1 x 0 no Castelão na noite desta quarta-feira(09) pela 9ª rodada do Brasileirão

Publicados

em

O Fortaleza bateu o Sport por 1 a 0, no Castelão, na noite desta quarta-feira(09), em duelo válido pela nona rodada da Série A.

O gol de Wellington Paulista, artilheiro da equipe na temporada com dez tentos, garantiu o triunfo do Tricolor no reencontro com o Leão da Ilha, após o embate nas quartas de final pela Copa do Nordeste há pouco mais de um mês, em Salvador.

No Nordestão, o Leão do Pici se classificou nas penalidades após empate sem gols. Desta vez, os comandados de Rogério Ceni souberam converter o controle da partida em gol. Não foi uma apresentação brilhante dos cearenses, mas o suficiente para assegurar os três pontos.

Com o triunfo em casa, freando a sequência negativa de duas derrotas, o Fortaleza chegou a 11 pontos e subiu na tabela da Série A. Enquanto isso, o Sport estacionou nos dez pontos e perdeu a chance de conquistar a terceira vitória seguida. Os destaques individuais do duelo foram Romarinho e Wellington Paulista.

No primeiro tempo de jogo, o Fortaleza, como já era esperado, teve a iniciativa ofensiva e dominou a posse de bola. Até os 25 minutos, o Sport, praticamente, não tinha passado do meio de campo para atacar o rival. Apesar deste cenário, o Tricolor do Pici não soube aproveitar as investidas.

Leia Também:  Alinhado com o Presidente Bolsonaro e Nelson Barbudo Deputado estadual Sílvio Fávero entregou 185 títulos de terra na sexta(25) em MT

Mesmo passando maior tempo no campo ofensivo, o Fortaleza criou apenas uma grande chance de perigo nos 45 minutos iniciais após jogada trabalha que resultou em finalização de Tinga na trave do goleiro Luan Polli. Os comandados de Rogério Ceni até encontraram espaço para atacar a defesa adversária, mas falhavam na conclusão.

Na única finalização a gol do Sport no primeiro tempo, Patric infiltrou no sistema defensivo do Leão cearense e cabeceou para defesa de Felipe Alves. Os pernambucanos ainda pediram pênalti no fim da etapa após a bola bater na mão de Paulão, mas o árbitro mandou o jogo seguir.

No segundo tempo, o Fortaleza transformou a superioridade na posse em efetividade. Em contra-ataque rápido, Wellington Paulista arrancou do campo defensivo e serviu Romarinho, que foi derrubado na área e o árbitro assinalou a penalidade. O próprio WP9 cobrou e colocou a pelota no fundo das redes, movimentando o placar a favor dos donos da casa.

Para tentar pelo menos igualar o placar, o técnico Jair Ventura lançou a campo Hernane Brocador, Jonathan Gómez e Rogério no setor ofensivo, mas as substituições não surtiram o efeito desejado. O Leão da Ilha chegou perto de empatar em duas faltas cobradas por Bruninho e Luciano Juba, que bateram na trave.

Leia Também:  Campanha Política começa em todo o País e em MT candidatos já colocaram seus respecticos "blocos" nas ruas em busca do precioso voto

Do outro lado, os mandantes tiveram a chance de ampliar o placar duas vezes com Tiago Orobó, que entrou no lugar de Wellington Paulista e desperdiçou ambas oportunidades.

Nos acréscimos, o Sport ainda teve mais uma falta na entrada da área. Bruninho cobrou, a bola desviou na barreira e a bola foi pela linha de fundo, assustando o Tricolor no último lance de perigo da partida.

 

Otavio Ventureli(da redação)

Momento Destaque

PRF apura origem de mais de 17 Kg de ouro apreendidos em poder de 3 homens que viajavam de Cuiabá para São Paulo na BR 364

Publicados

em

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) encontrou uma quantia de 17,95kg de ouro, sobre  o banco de uma caminhonete Toyota Hilux, durante fiscalização na BR-364, em Alto Garças, no Mato Grosso.

O flagrante foi feito na tarde de sexta (25). O minério apreendido é avaliado em mais de R$ 5 milhões.

A equipe da PRF, que fiscalizava no km 48, abordou o veículo com placas de Olímpia (SP). A caminhonete era ocupada pelo condutor, de 36 anos e dois passageiros (56 e 53 anos). Questionados, disseram que estavam viajando de Cuiabá para São Paulo e que o condutor trabalhava com vendas, sem especificar detalhes. Os passageiros seriam os seguranças do motorista.

Os policiais realizaram uma busca veicular e encontraram, dentro de uma mala, sobre o assento traseiro do veículo, uma quantia pesando aproximadamente 17,95 kg de ouro em barras. Foi apresentada nota fiscal, mas quando os policiais solicitaram a guia de trânsito o condutor disse que não possuía esse documento.

Conforme a nota fiscal, o ouro transportado é ativo financeiro, pois foi recolhido IOF (imposto sobre operações financeiras) e não o ICMS (imposto sobre circulação de mercadorias e serviços). Por se tratar de ativo financeiro é obrigatória a expedição da guia de trânsito de ouro ativo financeiro.

Leia Também:  Bahia desperdiça pênalti no segundo tempo e perde para o Athletico PR na noite deste sábado na Arena da Baixada em Curitiba

 

 

Otavio Ventureli(da redação com RDnews)

Continue lendo

MOMENTO POLICIAL

MOMENTO DESTAQUE

MOMENTO MULHER

MOMENTO PET

MAIS LIDAS DA SEMANA