Momento +

De mau gosto: Rapaz de 21 anos simula assalto a amigos PM está no local e dispara contra o jovem que é atingido; Corregedoria vai apurar

Publicados

em

Um rapaz de 21 anos levou um tiro no maxilar(foto) no começo da noite de quarta-feira (24), após usar uma arma de brinquedo para assustar os amigos, em um comércio na avenida Ulisses Pompeu de Campos, em Várzea Grande. Um policial que estava no local flagrou a cena, acreditou que se tratava de um roubo, reagiu e atirou contra o rapaz.

De acordo com as informações divulgadas pela Ronda Ostensiva Tática Móvel (Rotam), o caso foi registrado por volta das 19h30 em uma oficina mecânica.

Testemunha contou que um homem chegou no local portando um arma de fogo e que tentou enquadrar um dos funcionários. Mas, um cliente que estava fazendo manutenção no veículo particular, na verdade era um policial, que teria se identificado e pediu para o homem soltar a arma.

Testemunhas contaram que o policial chegou a gritar “Polícia, largue a arma!”, mas o rapaz não soltou. Consta no boletim de ocorrência que o jovem “continuou se aproximando, inclusive ciclando a pistola que estava em suas mãos”.

Leia Também:  Municípios economizam R$ 5,5 milhões com publicações no Jornal Oficial

Diante do risco, o policial disparou um tiro contra o então suspeito, que caiu ferido no local. Arma falsa Enquanto a ocorrência estava em andamento, Guarda Municipal ouviu o tiro e compareceu no lugar para dar apoio.

Já com a vítima no chão, policiais constataram que se tratava de um simulacro de arma de fogo. Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) foi acionado e o rapaz encaminhado para uma unidade médica com um ferimento na região do maxilar.

O estado dele é grave, mas estável. A PM informou que ele não corre risco de morte. A Corregedoria da PM foi informada do caso, bem como os comandantes da Rotam e a Polícia Civil.

Um irmão da vítima esteve na ocorrência e contou que o rapaz encontrou o simulacro na rua, na parte da manhã. Ele tinha dito para o irmão se desfazer do objeto, o que não ocorreu.

 

 

Otavio Ventureli(da redação com assessoria e GD)

Momento +

Governo de Mato Grosso já abriu 200 leitos de UTIs atingindo 608 leitos exclusivos para tratamento de pacientes vítimas da Covid 19

Publicados

em

O governador Mauro Mendes afirmou que já abriu duzentos leitos em Unidade de Terapia Intensiva (UTI) em Mato Grosso somente em 2021.

Com isso, o Estado chegou a 608 leitos exclusivos para tratar pacientes com Covid-19.

 “No início desse ano, tínhamos 403 UTIs para tratar coronavírus. Agora já temos 608 para atender a população de todas as regiões. São mais de 200 novas UTIs só este ano que abrimos, parte delas em parceria com os municípios”, afirmou, Mendes,  na manhã desta terça-feira..

Segundo Mauro, dez UTIs custam R$ 200 mil por mês, e grande parte destes leitos é bancada somente pelo Governo do Estado. Outro montante possui cofinanciamento federal. Apesar dos esforços, o gestor alertou que o Estado precisa da colaboração da população para que a taxa de ocupação de UTIs diminua, assim como o índice de contaminação.

“Já percebemos uma ligeira redução no contágio, mas é preciso que continuemos seguindo as medidas de distanciamento. Ainda somos o estado que menos pratica o distanciamento. E isso resulta em mais contágio, internações e mortes. Não é momento ainda de achar que está tudo bem. O novo vírus é muito mais letal e está pegando todo mundo, inclusive com muita gente jovem morrendo”, frisou.

Leia Também:  Escola supera obstáculos da pandemia e tem bons resultados com aulas não presenciais

O governador ainda citou que a recuperação do equilíbrio econômico do estado, obtida nesta gestão, possibilitou que o Governo faça investimentos e ações na Saúde para enfrentar a covid-19, como a liberação de R$ 69,8 milhões aos municípios, para aplicarem na atenção básica. Esses valores eram de dívidas da gestão anterior e foram repassados em parcela única.

“Também somos o segundo estado que mais testa no país. Estamos comprando 500 mil novos testes e 180 mil já chegaram e estão sendo distribuídos às prefeituras. São testes de antígeno, com grande assertividade”, afirmou Mauro.

O governador também citou as medidas para aliviar o bolso da população nesse momento difícil. “Criamos o auxílio emergencial que vai ajudar 100 mil famílias em todo o estado. Postergamos o ICMS de pequenas empresas e dos setores atingidos pela pandemia. Postergamos o IPVA de todo mundo, assim como o licenciamento. Concedemos R$ 55 milhões em crédito para empresas dos ramos com maior dificuldade. Devemos mandar até amanhã outro projeto de lei que estabelece isenção do IPVA a diversas categorias, como o pessoal de van, transporte escolar, bares, restaurantes, turismo, entre outros. E continuaremos a tomar todas as ações necessárias nesse sentido”, concluiu

Leia Também:  Enfermeira é presa em flagrante roubando testes de Covid 19 e outros materiais de uso hospitalar da Santa Casa de Cuiabá; médico é investigado

 

 

Otavio Ventureli(da redação com assessoria)

Continue lendo

MOMENTO POLICIAL

MOMENTO DESTAQUE

MOMENTO MULHER

MOMENTO PET

MAIS LIDAS DA SEMANA