Momento Destaque

Forças de Segurança da PF e da Polícia Militar de MT confirmam que Índios libertaram 14 turistas reféns em aldeia de Paranaíta MT

Publicados

em

Forças de Segurança da Polícia Federal e da Polícia Militar do Estado MT confirmaram na manhã desta terça-feira(29),  a libertação na noite desta segunda-feira(28-foto) dos 14 turistas que estavam reféns dos indígenas Ikpeng, da Aldeia Rawo, dentro do Parque Nacional do Xingu, na região de Paranaíta, em Mato Grosso.

Os mineiros e goianos estavam no local desde domingo (27), quando entraram na área da reserva por enganno enquanto voltavam de uma pescaria.

De acordo com as informações, equipe da PM foi até a aldeia na tarde desta segunda-feira (28) e junto com as equipes da Polícia Federal e da Fundação Nacional do Índio (Funai), passaram a negociar a libertação do grupo, que tinha pessoas de Minas Gerais e Goiás.

O acordo só foi feito por volta das 19h, quando eles resolveram libertar o grupo de forma pacífica e sem nenhum confronto.  Polícia Federal informou que vai investigar a prática de pesca ilegal dentro da reserva indígena.

Apesar dos relatos de que os índios pediam uma quantia de R$ 35 mil para liberarem os turistas, à imprensa, a Funai destacou que o caso não era um sequestro, e sim de invasão á terra indígena.

Leia Também:  AL de Santa Catarina afasta por 180 dias o Governador do Estado no caso do aumento salarial a Procuradores; e livra Vice-Governadora

 

 

Otavio Ventureli(da redação com assessorias)

Momento Destaque

Atlético Mineiro recebeu o Sport na noite deste sábado no Mineirão para dormir na liderança mas não marcou e partida termina em 0 x 0

Publicados

em

O melhor ataque do Campeonato Brasileiro falhou na noite deste sábado(24). O Atlético-MG recebeu o Sport em casa para se recuperar no torneio e até mesmo dormir como líder. Mas o Galo, mesmo com posse de bola e volume de jogo, parou nas mãos do goleiro Luan Poli.

O empate em 0 a 0 deixa o clube mineiro na terceira colocação, e agora torce para o empate entre Internacional e Flamengo neste domingo(25). Já o Leão permanece na metade inferior da tabela. O time de Jair Ventura, ao menos, leva um ponto para Recife e quebra a sequência de derrotas.

O Atlético-MG repetiu a estratégia do jogo contra o Bahia e, com posse de bola, atacou bastante o Sport. A equipe de Jair Ventura se defendeu bem, ao menos até os 30 primeiros minutos. Depois, o Galo conseguiu espaços na zaga do Leão e teve três chances de marcar.

Primeiro, em chute perigoso de Savarino, fora da área, que Luan Poli espalmou e a trave ajudou. Depois, Jair recebeu de Keno na infiltração e bateu no alto, seco, para Poli defender novamente.

Leia Também:  Polícia Civil de MT prende homem foragido da Justiça de São Paulo acusado de matar companheira a facadas em Sao Bernardo do Campo

O goleiro do Sport voltou a aparecer bem ao impedir que Keno balançasse a rede, após Márcio Araújo errar o passe para trás. O artilheiro do Galo ainda teve o rebote a favor, mas chutou para fora. O Sport chegou pouco, e não finalizou a gol no primeiro tempo, aparecendo mais nas bolas paradas com Thiago Neves. O time da casa, ao contrário, desferiu 14 finalizações, sem marcar.

A etapa final não teve o roteiro alterado, a não se por menos chances de perigo a favor do Atlético. No início do segundo tempo, Luan Poli fez duas O Sport continuou na retranca, sem levar perigo ao gol de Everson.

O Galo provou o ataque com Marrony e Zaracho. Mas a produção ficou devendo. No contra-ataque, o Sport tentava escapar com Thiago Neves, mas faltava espaço e presença de companheiros de time para prosperar. O tempo virou inimigo do Atlético, que não conseguiu furar a defesa do rubro-negro pernambucano.

 

 

Otavio Ventureli(da redação)

Continue lendo

MOMENTO POLICIAL

MOMENTO DESTAQUE

MOMENTO MULHER

MOMENTO PET

MAIS LIDAS DA SEMANA