Momento Destaque

Homem é econtrado sem vida no interior de um ônibus de transporte coletivo após veículo chegar ao terminal; Polícia suspeita de infarto

Publicados

em

Polícia Civil começa a investigar nesta quinta-feira(24), a morte de Tony Salomão Machado de Figueiredo, 45 anos, encontrado sem vida em um ônibus de transporte coletivo, na noite desta quarta-feira (23), na Avenida Antártica, em Cuiabá. A suspeita, segundo a Polícia Civil, é de que ele teria sofrido um infarto.

A morte foi confirmada por policiais da Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP). Os agentes disseram que Tony estava em um ônibus da linha 340 e quando o veículo pesado chegou ao final da linha, o motorista percebeu que Tony não havia descido.

Diante disso, o profissional foi até Tony e ao chamá-lo percebeu que ele não estava respondendo.

Imediatamente, o motorista chamou uma equipe do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu). Os socorristas foram ao local rapidamente e confirmaram a morte de Tony.

A equipe do Samu acredita que Tony teria sofrido infarto. O corpo dele não tinha sinais aparentes de violência.

Após as providencias policiais, o corpo de Tony foi levado para o IML para identificação e posteriormente,  entregue aos familiares para sepultamento.

Leia Também:  MPE MT abre 5 investigações para apurar desvio de dinheiro público para financiar campanhas, segundo consta em delação de Riva

 

Otavio Ventureli(da redação com hntnoticias)

Momento Destaque

Servidores do IFMT de Campos Novo do Parecis MT supostamente envolvidos em roubalheira e candidata a vereadora são afastados

Publicados

em

Os servidores do Instituto Federal de Mato Grosso (IFMT) em Campo Novo dos Parecis MT, supostamente envolvidos em roubalheira que ainda está sendo  investigada pela Polícia Federal a partir da operação Circumitus, por desvios de recursos públicos, foram afastados das ativadades.

A instituição informou o afastamento nesta segunda-feira (26). Após a medida, um procedimento administrativo foi aberto para apurar o caso.

Conforme a Polícia Federal se trata de um esquema criminoso de fraudes e desvio de recursos públicos no instituto nas áreas da educação e infraestrutura. O valor desviado seria de aproximadamente R$ 4,8 milhões.

Além dos servidores, a candidata a vereadora pelo Municipio, Samila Dalva de Jesus Silva(em destaque na foto), também está sendo investigada. A Controladoria Geral havia identificado pagamentos de notas fiscais de um possível fornecimento de gêneros alimentícios no mês de janeiro deste ano para alimentação escolar, sendo que neste período os alunos estavam em período de férias escolares.

Foi constatado ainda que outros produtos também não foram entregues pelas empresas contratadas, porém foram pagos integralmente, causando um prejuízo de R$ 127 mil.

Leia Também:  Polícia Federal suspeita que roubalheira de recursos públicos no País durante este período de pandemia já supere R$ 2 bilhões

O contrato de manutenção preventiva da infraestrutura do campus também foi vistoriado e apresentou indícios de irregularidades. Os servidores públicos estariam exercendo pressão sobre responsáveis pela fiscalização de contratos para liquidação e pagamento de notas fiscais, muitas vezes sem que se verificassem a execução completa do respectivo serviço ou fornecimento de material.

A instituição reforçou ainda o combate à corrupção e que está cooperando com as investigações. As denúncias também estão sendo apuradas pela Corregedoria do IFMT. Convém salientar que  corrupção e roubalheira de dinheiro público se combate com cadeia. Colocar por longos anos na “cheirosa” os responsáveis por tanta ladroagem no País. Ninguém aguenta mais tanto cinismo.

“O IFMT e a equipe do Campus Campo Novo do Parecis estiveram e estão à disposição das autoridades para colaborar com as investigações, e reafirmam o  seu compromisso com o combate à corrupção e respeito à transparência, à legalidade e à lisura nas suas contratações, que estão disponíveis para consulta da comunidade”, diz trecho da nota da instituição.

Leia Também:  Polícia Civil investiga sequestro e assassinato de líder do MST que participou de várias invasões de terra encontrado morto a tiros

 

 

Otavio Ventureli(da redação)

Continue lendo

MOMENTO POLICIAL

MOMENTO DESTAQUE

MOMENTO MULHER

MOMENTO PET

MAIS LIDAS DA SEMANA