Momento Destaque

Imoralidade: Ministério Público de MT vai gastar mais de dois milhões de reais na compra de celulares supostamente para atender demanda

Publicados

em

Foi homologada uma licitação do Ministério Público de Mato Grosso para a aquisição de 400 aparelhos smartphone, no valor total de R$ 2.232.328,00. Os aparelhos serão comprados de três empresas diferentes. Só em iPhones serão gastos R$ 1.683.576,00, para aquisição dos 201 modelos iPhone 11 Pro.

As informações constam no Portal da Transparência do MP. No edital consta o “registro de preços para futura e eventual aquisição de aparelhos celulares smartphone para atender a demanda do Ministério Público”.

Participaram do pregão 18 empresas, mas apenas as empresas Electromarcas Comércio e Importação de Eletrônicos Eireli, Microsens S/A e Via Comércio e Representação de Informática Eireli foram as vencedoras. Foi considerado o menor preço.

Da empresa Electromarcas Comércio e Importação de Eletrônicos o Ministério Público deve comprar 201 aparelhos iPhone 11 Pro Max 256 Cinza Espacial. O valor unitário de cada um destes smartphones é R$ 8.376,00, sendo R$ 1.683.576,00 o valor total da compra.

Já da empresa Microsens S/A o MP deve comprar 64 aparelhos Galaxy Note 20 Ultra 5G, de valor unitário de R$ 6.328,00 e valor total de R$ 404.992,00, além de 120 unidades do aparelho Galaxy A01, de valor unitário de R$ 808,00 e valor total de R$ 96.960,00.

Leia Também:  Caminhoneiros anunciam greve geral da categoria em fevereiro no País caso Governo não abra canal de negociação para reivindicações

A empresa Via Comércio e Representação de Informática deve vender ao Ministério Público 15 aparelhos Samsung Galaxy S10, de valor unitário de R$ 3.120,00 e valor total de R$ 46.800,00. A compra dos 400 aparelhos para o MP terá custo de R$ 2.232.328,00.

 

 

Otavio Ventureli(da redação com transparência)

Momento Destaque

Polícia Militar prende homem em flagrante após invadir residência de mulher que estava sem roupas estendendo umas peças no varal;

Publicados

em

Um homem foi preso após invadir a casa de uma mulher de 25 anos, na noite de quinta-feira (14), em Barra do Garças, muncipio da região leste de Mato Grosso. Na hora da invasão, a vítima estava sem roupa e o suspeito tentou ir para cima dela, que gritou várias vezes até ele fugir.

De acordo com as informações repassadas à Polícia Militar, por volta das 22h, a vítima tinha lavado roupa e estava estendendo no varal, quando percebeu que a casa foi invadida.

Ela estava despida e foi surpreendida pelo suspeito, que logo foi para cima dela. Assustada, ela começou a gritar. O homem ainda pediu para que ela tivesse ‘calma’, para que ela não fizesse ‘escândalo’.

Mas, ela começou a gritar mais alto e correr pela casa, momento em que o homem fugiu. Os vizinhos ouviram os gritos e foram até a casa dela ajudar.

Testemunhas flagraram o homem correndo por uma das ruas do bairro e entrando em uma casa. Ele foi abordado e confessou ter ido até a casa da vítima, mas afirmou que não faria nada, que estava ‘apenas olhando’. Ele foi preso e encaminhado para a Central de Flagrantes, autuado por importunação sexual.

Leia Também:  "MT terá redução no volume de chuvas no segundo trimestre, mas distribuição deve compensar", afirma Molion

 

 

Otavio Ventureli(da redação com assessoriaPM)

Continue lendo

MOMENTO POLICIAL

MOMENTO DESTAQUE

MOMENTO MULHER

MOMENTO PET

MAIS LIDAS DA SEMANA