Momento Destaque

Jogadores do Rio Branco do Acre que disputa a Série D permanecem internados no Pará; goleiro Bruno em estado grave

Publicados

em

Com suspeita de intoxicação alimentar, o goleiro Bruno e outros 19 membros da delegação do Rio Branco-AC foram internados permanecem internados desde sábado(17) à noite, em Bragança, no Pará, onde o time enfrentaria  neste domingo(18) o Bragantino paraense pela sétima rodada da Série D do Campeonato Brasileiro.

A pedido da direção do Rio Branco, a CBF adiou o jogo. O goleiro Bruno, condenado por assassinato de Eliza Samúdio e que cumpre a pena em regime semi-aberto, é um dos jogadores que estavam em estado mais grave. O meia Guilherme Campana e os zagueiros Paulinho e Wallinson também passaram muito mal.

“Não cabe ao Rio Branco fazer qualquer acusação, somente o relato. A Polícia Civil e a Vigilância Sanitária já estão com o caso. Também não houve críticas ou acusações aos cidadãos de Bragança. Pelo contrário. Fomos muito bem recebidos na cidade e não temos crítica alguma à população”, informou o time acreano em suas redes sociais.

 O Rio Branco-AC ocupa a terceira posição do Grupo 1 com 12 pontos, um a menos do que Bragantino-PA e Galvez-AC. O Fast Club-AM, com dez pontos, é o quarto colocado. No início de setembro, Bruno conseguiu uma liminar para a retirada da tornozeleira eletrônica durante as partidas oficiais da equipe.

Leia Também:  Mulher finge pedir açaí para denunciar violência doméstica no RS

Ele deve retirar o equipamento duas horas antes dos jogos e colocar novamente até duas horas depois. O Rio Branco ficará responsável por levar o jogador até o Instituto de Administração Penitenciária do Estado do Acre para o procedimento.

 

 

Otavio Ventureli(da redação com terra.)

 

Momento Destaque

Suspeita de chifre: Homem violento é preso depois de bater em mulher com chinelo e tentar enforcar a vítima no dia dos namorados

Publicados

em

Um homem foi preso em flagrante após agredir fisicamente sua esposa, no município de Campos de Júlio, municipio de Mato Grosso neste sábado (12), Dia dos Namorados.

O suspeito de 27 anos foi autuado pelo crime de lesão corporal no âmbito da lei de violência doméstica e familiar.

Por volta das 20 horas, a vítima de 22 anos acionou a Polícia Civil, por meio de mensagem de texto do aplicativo WhatsApp enviada para o celular do plantão da unidade policial, pedindo socorro pois havia acabado de ser agredida pelo marido com um chinelo, que também enforcou e desferiu chutes e socos na mulher.

Logo que acionados os policiais civis foram até a residência do casal, na região central da cidade, onde localizaram a vítima com escoriações pelo corpo. Ao ser abordado o suspeito alegou que havia se desentendido com a esposa, razão pela qual ambos se agrediram.

Diante dos fatos os dois foram encaminhados para delegacia, ouvidos e o suspeito autuado em flagrante delito. Após a confecção dos autos, ele foi colocado à disposição da Justiça.

Leia Também:  Mais um dia de campanha de vacinação contra a Covid 19 foi realizado no fim de semana em Lucas do Rio Verde MT com imunização de 750 pessoas

 

 

Otavio Ventureli(da redação com plantão policial)

Continue lendo

MOMENTO POLICIAL

MOMENTO DESTAQUE

MOMENTO MULHER

MOMENTO PET

MAIS LIDAS DA SEMANA