Momento Destaque

Ladroagem: Polícia Civil e Ministério Público Estadual MT deflagraram na manhã desta quinta-feira a segunda fase da Operação Overpriced

Publicados

em

Polícia Civil e Ministério Público Estadual deflagraram na manhã desta quinta-feira (10) a segunda fase da Operação Overpriced, que tem como objetivo investigar desvios na aquisição de medicamentos no período da pandemia da covid-19 pelo município de Cuiabá.

Medidas cautelares foram impostas, bem como o bloqueio de bens avaliados em mais de R$ 2 milhões.

A primeira fase, deflagrada em outubro de 2020, serviu para a coleta de documentos e provas que embasam a segunda ação. Agora, equipe da Delegacia Especializada de Combate à Corrupção (Deccor) identificou diversas irregularidades em licitações envolvendo ao menos 3 empresas.

Entre elas, destacam-se o direcionamento para favorecer as empresas e até mesmo compras em excessos, sobrepreço e outros. “Verificou-se que houve uma coordenação de aquisições baseadas na superestimação de consumo de medicamentos, muito além da necessidade de consumo em 180 dias, com o possível vencimento dos medicamentos”, explicou a polícia.

Bloqueio de bens

A decisão decretada pela juíza da 7ª Vara Criminal da Capital, Ana Cristina Silva Mendes, determinou o bloqueio de valores no valor de R$ 2.175.219,77.

Leia Também:  Ministério Público de MT propõe que casal Cestari pai da assassina de Isabele Guimarães vá à Jurí popular por homicidio doloso qualificado

Após a representação dos delegados da Deccor e dos promotores, o Poder Judiciário determinou que os quatro servidores investigados à época dos fatos, possivelmente envolvidos com a organização criminosa, cumpram medidas cautelares, entre elas a proibição de acesso à Secretaria Municipalde Saúde de Cuiabá e proibição de contato entre investigados e servidores dos quadros do órgão de saúde da Capital.

Com a deflagração desta fase da operação, a Deccor procederá com o interrogatório dos suspeitos que ainda não foram ouvidos, para finalização e envio do inquérito policial ao Poder Judiciário, uma vez que todas as provas técnicas já foram produzidas em conjunto com o Ministério da Saúde.

Em nota, a Secretaria Municipal de Saúde (SMS) informa que “está à inteira disposição dos órgãos investigadores e da Justiça, já tendo contribuído com as informações solicitadas e destaca que suspendeu os pagamentos à empresa alvo das apurações”.  

 

 

Otavio Ventureli(da redação com assessoria e com GD)

Momento Destaque

Série B: Com vantagem no placar até os minutos finais da partida Botafogo cede empate ao Londrina na noite desta quinta no Estádio do Café

Publicados

em

Londrina e Botafogo empataram em 2 a 2, na noite desta quinta-feira, no Estádio do Café, pela quarta rodada da Série B.

Os alvinegros abriram o placar com Rafael Navarro no primeiro tempo.

Na segunda etapa, Tárik deixou tudo igual, mas o time carioca voltou à frente do placar com Luis Oyama. Nos minutos finais, Júnior Pirambu garantiu o empate para o Tubarão  paranaense que jogou em casa.

O Botafogo começou melhor o jogo e logo encontrou o gol. Aos 8 minutos, Chay cobrou falta na área, e Rafael Navarro marcou de ombro.

A partir do gol, os alvinegros diminuíram o ímpeto e deram espaço para o Londrina jogar. O time mandante passou a ter mais a bola, porém não levou perigo ao gol de Douglas Borges e terminou o primeiro tempo com seis finalizações, duas a mais que os visitantes.

Ambas as equipes voltam a campo no próximo domingo20). Do Paraná, o Botafogo segue direto para Recife, onde enfrentará o Náutico, às 16h. Já o Londrina vai jogar contra o CSA, às 20h30, no Estádio Rei Pelé.

Leia Também:  Ratoeira: Auditoria do Ministério da Saúde já havia constatado atuação de bando criminoso na saúde pública da Prefeitura de Cuiabá

Com o empate, o Botafogo chegou aos oito pontos e é o terceiro colocado. O Londrina, com três pontos, está na 16ª posição.

 

 

Otavio Ventureli(da redação esportes)

Continue lendo

MOMENTO POLICIAL

MOMENTO DESTAQUE

MOMENTO MULHER

MOMENTO PET

MAIS LIDAS DA SEMANA