Momento Destaque

Mauro Mendes defende que União Brasil apoie reeleição de Jair Bolsonaro

Publicados

em

Governador afirmou que possui mais proximidade com o projeto do atual presidente, e que não acredita em terceira via

O governador Mauro Mendes defendeu que o União Brasil passe a apoiar o projeto de reeleição do atual presidente da República, Jair Bolsonaro.
Mauro já declarou apoio à pré-candidatura de Bolsonaro.
“O União Brasil lançou um candidato a presidente, respeito isso, mas vou defender dentro do União Brasil que o partido feche com o presidente Jair Bolsonaro. Minha opinião é essa. Se o partido tiver candidatura, vou respeitar, mas vou defender que o partido apoie o presidente”, afirmou o governador.
De acordo com Mauro Mendes, a eleição presidencial caminha para a polarização entre Lula e Bolsonaro, e já não há viabilidade para uma terceira via.
”O PT é minha oposição na Assembleia, virei prefeito e governador com o PT como adversário. Respeito a todos, mas sou muito mais próximo do Bolsonaro. Não acredito em terceira via agora”, registrou.
Para o governador, Bolsonaro busca conduzir o país de forma correta e é preciso dar continuidade a este trabalho.
“Eu gosto muito do presidente. Ele tenta fazer um bom trabalho, apesar de todas as dificuldades que existem no Governo Federal. E nós vamos trabalhar para ajudá-lo nesse processo eleitoral. O Brasil precisa avançar um pouco mais nessa direção, fazer com que as coisas andem mais para o bem de todos os mato-grossenses e brasileiros”, destacou.
O presidente Jair Bolsonaro, de igual forma, também afirmou em abril deste ano que está “100% fechado com Mauro” na hipótese de o governador buscar um segundo mandato.
“Fico feliz quando vejo ele declarando apoio. Porque esse apoio significa que ele tem um nível de informação, de pesquisa, que mostra a realidade do nosso estado e o trabalho que temos feito para melhorar a vida do nosso povo”, completou.

Leia Também:  Suspeito que agrediu e roubou idoso em Santa Terezinha é preso em flagrante pela Polícia Civil

Momento Destaque

Operação “Guardiões do Pantanal” da Polícia Civil e SEMA fecha garimpos ilegais no municipio turistico de Poconé MT

Publicados

em

Operação Guardiões do Pantanal, deflagrada pela Delegacia Especializada de Meio Ambiente (Dema) em parceria com a Secretaria de Estado de Meio Ambiente (Sema) e Perícia Oficial e Identificação Técnica (Politec), resulta no fechamento de garimpo ilegal em Poconé MT.

No local, foi constatado a realização de desmatamento e a extração ilegal de ouro. Quatro funcionários que trabalhavam no momento da ação foram encaminhados para a delegacia. Este é o segundo garimpo ilegal fechado por forças de segurança este ano, na mesma cidade.

A operação foi motivada por denúncias realizadas junto à Dema. Ao todo, 12 agentes públicos, entre policiais civis e servidores da Sema e Politec, participaram da fiscalização. Perícias resultaram na localização de maquinários que eram utilizados para degradar o meio ambiente.

Dois motores estacionários e uma escavadeira hidráulica foram apreendidos e outros dois motores do tipo foram destruídos em razão da dificuldade de retirada de dentro da área de escavação.

De acordo com a Polícia Civil, o garimpo foi embargado e fechado pelas equipes responsáveis pela operação, já que não possuía licença para funcionamento.

Leia Também:  Por demora na entrega de uma pizza cliente "machão" se acha no direito de ir ao comércio agredir funcionarios

Quando as equipes de segurança chegaram ao local, haviam 4 funcionários trabalhando no garimpo. Eles foram conduzidos à Delegacia de Poconé, onde assinaram um Termo Circunstanciado de Ocorrência (TCO) por crime ambiental e foram liberados.

Conforme a Dema, as investigações seguem e o responsável pelo garimpo, bem como outros envolvidos identificados no ato criminal, responderão inquérito policial pela prática de diversos crimes ambientais.

Uma mineradora que funciona na mesma região também passou por fiscalização. Os responsáveis apresentaram licenças para funcionamento. Porém, foram recolhidos outros documentos, que passam por perícia.

Em 3 meses

Este é o segundo garimpo ilegal fechado pela Dema em Poconé este ano. Em março, após denúncias, um garimpo que funcionava de forma clandestina, sem qualquer tipo de licença, também foi interditado pela Delegacia Especializada. Na época, 3 homens foram presos e diversos maquinários e ferramentas foram apreendidos.

Dentre os crimes detectados estavam o de desmatamento irregular, lavra ou extração de recursos minerais sem a competente autorização, permissão, concessão ou licença.

Leia Também:  Governador autoriza asfalto novo para 11 bairros em Cuiabá e aplica R$ 412,8 milhões em convênios para a Baixada

 

Otavio Ventureli(da redação com GD)

Continue lendo

MOMENTO POLICIAL

MOMENTO DESTAQUE

MOMENTO MULHER

MOMENTO PET

MAIS LIDAS DA SEMANA

Botão WhatsApp - Canal TI
Botão WhatsApp - Canal TI