Momento Destaque

Max Russi participa de agenda no Araguaia e destina emenda para Saúde da região

Publicados

em

Parlamentar passou por Barra do Garças e seguiu para São Félix do Araguaia, onde participou de um cronograma de ações

O deputado Max Russi (PSB) participou da inauguração da reforma do Hospital Municipal João Abreu Luz, de São Félix do Araguaia, durante a manhã desse sábado (12), junto a prefeita Janailza Taveira, senador Wellington Fagundes, deputados e autoridades locais. A atuação do parlamentar foi fundamental para a conclusão dessa obra.

No início do ano, Russi e Janailza se reuniram com o secretário de Estado de Saúde, Gilberto Figueiredo, na busca de informações referentes aos repasses do governo do estado, relacionados a procedimentos de média e alta complexidade para a unidade hospitalar, que atualmente possui 40 leitos ativos.

Ainda na sexta-feira (11), quando já cumpria agenda na região do Araguaia, Max Russi garantiu a destinação de um recurso, oriundo de emenda parlamentar, para a Saúde daquele município, junto ao deputado federal Juarez Costa, no valor de R$ 75 mil. O pedido foi protocolado pelo vice-prefeito, José Divino Martins e lideranças locais.

“Eu consegui o recurso, junto com o deputado Juarez. Já estou indicando esse valor, para que seja pago até o mês de dezembro e é recurso, que será gasto para o custeio da Saúde, para comprar medicamentos, fazer cirurgias, dentre outros procedimentos”, assegurou.

Leia Também:  Começou o cheirinho: Flamengo não aguenta o Bragantino no Maracanã na noite deste sábado e perde nos acréscimos; noite de golaços

No cronograma de atividades, também aconteceu a inauguração de obras de pavimentação de trecho da BR-242, entre São Félix do Araguaia e Alto Boa Vista. Para o deputado, que participou solenidade, um verdadeiro avanço para a região.

“Um dia de colher bons frutos, para esse região. Tenho imenso carinho por esse lugar. Fui o deputado mais votado aqui em São Félix, tenho muitos amigos e quero sempre fazer mais por toda essa população”, ressaltou.

Encontro Regional de Municípios

São Félix do Araguaia sediou o 1º Encontro Regional de Municípios, realizado nos dias 11 e 12 de outubro, que teve o objetivo de descentralizar o debate municipalista e estabelecer uma agenda para fomentar o desenvolvimento das regiões do estado.

Tendo o municipalismo como sua principal base de gestão, o deputado Max Russi participou dos debates e destacou a importância de uma atuação participativa.

“Tive uma boa base, como vereador, prefeito e sei das reais necessidades de cada município. Caracterizo essencial esse debate, para que possamos alcançar diretrizes sólidas, para cada um dos municípios de Mato Grosso”, analisou

Leia Também:  Após ser atingido durante uma briga homem passa nove horas com facão cravado na cabeça; vítima segue internada e autor do crime, preso

Barra do Garças

Antes de seguir para a agenda em São Félix do Araguaia, o deputado Max Russi esteve, ainda na sexta-feira (11), em Barra do Garças. No município, participou da vistoria das obras do Beira Rio, junto ao prefeito Roberto Farias.

Farias lembrou do trabalho atuante do parlamentar, quanto a sua gestão nos desbraves ambientais, dentre outras tratativas, para que as obras tivessem início.

“O Max sempre esteve nos ajudando, acompanhando tudo e hoje está aqui conosco, celebrando mais essa conquista”, destacou o prefeito.

O projeto do Beira Rio, aprovado pela Caixa Econômica Federal (CEF) e onde serão investidos R$ 13 milhões alocados pelo senador Wellington Fagundes na Superintendência de Desenvolvimento do Centro Oeste (Sudeco), reúne modernos conceitos em arquitetura, urbanismo e paisagismo. Além disso a conclusão poderá gerar um fortalecimento significativo no trade turístico daquela região.

Por. Jose Carlos Marques Junior

Propaganda

Momento Destaque

Seleção feminina de vôlei do Brasil vence Turquia por 3 sets a 1 neste domingo e pega o Japão na semifinal da Liga das Nações

Publicados

em

O jogo deste domingo contra a Turquia seria um treino de luxo para a seleção feminina de vôlei, que já estava classificada em segundo lugar para a semifinal da Liga das Nações.

Mas o time do técnico Zé Roberto Guimarães não tirou o pé do acelerador e venceu por 3 sets a 1, parciais de 25/18, 25/16, e 25/27, 25/14.

Com a primeira fase definida, o Brasil enfrentará o Japão na semifinal. A Turquia encara os Estados Unidos.

Além da vitória, o Brasil pode comemorar sua boa atuação. Com saque agressivo e jogando com velocidade, a seleção venceu uma das equipes mais fortes do torneio com autoridade. Natália jogou um set e meio e foi bem, marcando seis pontos e mostrando desenvoltura em quadra após se recuperar de cirurgia no dedo da mão.

Mesmo com a definição do segundo lugar na tabela, Zé Roberto optou por escalar o time considerado titular, com exceção de Carol, que sente a coxa e que foi substituída por Bia. Aliás, foi no saque da meio que o Brasil abriu 5 a 1 no primeiro set.

O serviço do Brasil foi uma boa arma, dificultando muito a recepção turca. Nos contra-ataques, Macris conseguiu imprimir muita velocidade e a seleção foi abrindo cada vez mais vantagem. Em bola chutada, Gabi fez 13 a 6. Aí a Turquia abriu a fábrica de erros. Quase sempre errava o passe e quando conseguia passar, errava no ataque. O Brasil não tinha nada com isso e seguia forçando o saque e botando no chão os contra-ataques. O time europeu melhorou no fim do set, mas a seleção tinha tanta vantagem que fechou em 25 a 18.

Leia Também:  Após ser atingido durante uma briga homem passa nove horas com facão cravado na cabeça; vítima segue internada e autor do crime, preso

O segundo set começou com muitos rallys e parecia que seria mais equilibrado. Mas logo o Brasil achou o caminho para abrir vantagem. Garay parou Erdem no simples. Bia fez um ace e abriu 8 a 3. O jogo melhorou de nível e as duas equipes passaram a trocar pontos. Karakurt era a principal arma turca, enquanto Gabi e Tandara comandavam o ataque brasileiro.

Em linda trama brasileira, Gattaz puxou tempo atrás, perto da antena, mas quem recebeu foi Tandara logo atrás dela. A bola foi tão rápida, que a oposta bateu sem bloqueio e fez 20 a 13. Aí a equipe turca se perdeu de vez em quadra e Bia fez o ponto final para fechar em 25 a 16.

Com o 2 a 0 do Brasil, ficou definido que a seleção enfrentaria o Japão nas semis e a Turquia pegaria os Estados Unidos já que mesmo que vencesse o jogo, o time europeu perderia para a equipe japonesa na pontuação. Então, a partida virou um grande amistoso. E começou bem equilibrada até ao oitavo ponto. Aí o Brasil conseguiu uma boa sequência, com Tandara virando dois ataques, abrindo 13 a 8. Natália entrou então no lugar de Gabi para ganhar ritmo.

Leia Também:  Começou o cheirinho: Flamengo não aguenta o Bragantino no Maracanã na noite deste sábado e perde nos acréscimos; noite de golaços

A Turquia apertou e empatou no 17 a 17 com Aydin. E foi a ponteira que fechou o contra-ataque que abriu o 23 a 21 para as turcas. Rosamaria, que entrou na inversão 5-1 bloqueou a turca e evitou o fim do set, fazendo 24 a 24. Mas em toco de Erdem em Natália a Turquia venceu por 27 a 25.

Zé manteve Natália em quadra no lugar de Gabi e Carol no lugar de Gattaz. Em ace de Garay, a seleção abriu 7 a 4. Natália foi para o saque e conseguiu quebrar o passe turco. Em uma das quinadas, Garay matou de xeque e fez 14 a 8. Com o jogo controlado, Zé colocou Ana Cristina na inversão 5-1 para atuar como oposta. E a menina de 17 anos foi bem, mostrando personalidad e atacando para fazer 23 a 15. Em ataque de Rosamaria, que havia acado de entrar no lugar de Garay, o Brasil fechou em 25 a 15 .

Otavio Ventureli(da redação esportes)

Continue lendo

MOMENTO POLICIAL

MOMENTO DESTAQUE

MOMENTO MULHER

MOMENTO PET

MAIS LIDAS DA SEMANA