Momento Destaque

Comendo costela, arrotando filé mignon: “Vítimas” da crise da pandemia, advogados de MT pedem auxílio para alimentação e saúde

Publicados

em

Assim como outros setores da economia, a pandemia da Covid-19 atingiu fortemente a categoria dos advogados. Além da perda de vidas, a Ordem dos Advogados em Mato Grosso (OAB-MT) está lidando com a carência financeira de muitos profissionais.

No lado financeiro, o número de auxílios concedidos indica o tamanho da crise. A Caixa de Assistência do Advogado (CAA-MT) dispõe de dois tipos de auxílios financeiros extraordinários e em caráter temporário criados na pandemia.

Um deles, uma espécie de auxílio alimentação, que seria a cesta básica, é no valor de R$ 100 e pago em até três parcelas. Esse já foi concedido para, pelo menos, 250 profissionais.

O outro, destinado aos profissionais da advocacia comprovadamente infectados pelo Covid-19, é de R$ 1 mil, pago em parcela única.

Esse, de acordo com a assessoria da CAA-MT, até abril, beneficiou 96 advogados. Há, ainda, o auxílio funeral, no valor de até quatro salários mínimos.

Em 2020, a Caixa pagou 19 auxílios funeral. Nste ano, até abril, pagou seis. Os benefícios são destinados aos advogados regularmente inscritos na OAB-MT e adimplentes com a anuidade de 2019.

Leia Também:  Toda Polícia da região de Tangará da Serra MT está mobilizada no sentido de localizar filho de Empresário do Grupo Lorenzetti sequestrada no fim da tardde

Todos precisam comprovar carência econômica, ou seja, insuficiência de recursos financeiros para o sustento próprio ou da família.

O presidente da Caixa de Assistência dos Advogados em Mato Grosso, Ítallo Leite, diz que a crise econômica provocada pela pandemia da Covid-19 afetou a categoria profissional, de modo geral.

Atingiu grandes e pequenos escritórios e profissionais em início de carreira

A pandemia surpreendeu todos os setores e fez não só os advogados, mas todas as profissões se reinventarem, analisa Itallo.

Conforme ele, grandes escritórios tiveram contratos encerrados em função da crise de seus clientes e, assim, foram forçados a demitir profissionais.

Advogados, principalmente em início de carreira, deixaram de atuar por não poderem ter contato e se relacionar com clientes, cita.

“A Caixa se organizou para dar suporte e continua pensando e criando novas formas de assistência”, diz.

Ele observa que, além desses auxílios, a OAB e a Caixa entregaram 10 mil kits contendo álcool 70° e máscara facial, e instalaram 110 totens para álcool em gel, em todas as subseções e salas da OAB-MT, em Cuiabá e interior do Estado.

Leia Também:  Polícia investiga tiroteio que resultou na morte de um homem e ferimentos em outros dois na noite deste domingo(09) em Lucas do Rio Verde MT

Conforme Ítallo, os auxílios concedidos, até agora, já superaram os R$ 400 mil oriundos do Conselho Federal da OAB, por meio da Coordenação Nacional das Caixas de Assistência.

“O vírus não escolhe classe social, sexo, cor, idade, atinge a todos. Nossa luta é pela vacina para todos”, completa

A OAB-MT não dispõe de dados sobre o número de advogados que morreram de Covid-19 em Mato Grosso.

Mas, as publicações na página oficial da entidade mostram que as notas de pesar passaram a ser uma rotina.

Entre os meses de março e abril, por exemplo, foram pelo menos 20 postagens.

 

 

Otavio Ventureli(da redação de noticias)

 

Momento Destaque

Toda Polícia da região de Tangará da Serra MT está mobilizada no sentido de localizar filho de Empresário do Grupo Lorenzetti sequestrada no fim da tardde

Publicados

em

O filho do empresário tangaraense Luciano Lorenzetti foi sequestrado por criminosos armados, em seu veículo. A ação aconteceu em Tangará da Serra. municipio de Mato Grosso. Familiares confirmam ao momentomt o ocorrido.

Tanto Polícia Militar, quanto Polícia Judiciária Civil estão envolvidas nas buscas pela vítima. Entradas e saídas da cidade estão com policiamento reforçado.

Segundo informações repassadas por um dos familiares, o jovem Rafael Lorenzetti foi sequestrado na tarde desta quarta-feira(12)  no exato momento em que chegava em casa. . Dois elementos em uma motocicleta seguiram Rafael. Um dos bandidos levou o jovem em seu próprio carro.

Um dos criminosos entrou no caso da vítima e seguiu sentido UNIC Tangara, de onde não se tem qualquer outra informação. O BOPE foi acionado para participar das buscas ao jovem.

 

Otavio Ventureli(da redação)

Leia Também:  Ações sociais do Governo do Estado de MT marcam o aniversário de 87 anos do municipio de Luciara comemorado nesta segunda-feira
Continue lendo

MOMENTO POLICIAL

MOMENTO DESTAQUE

MOMENTO MULHER

MOMENTO PET

MAIS LIDAS DA SEMANA