Momento Destaque

Polícia de São Paulo começa a investigar suposto estupro contra modelo de 22 anos praticado pelo Senador da República Irajá Silvestre

Publicados

em

A Polícia de São Paulo começa nesta terça-feira(24) a investigar um suposto estupro praticado pelo Senador da República, Irajá Silvestre.

BO

Um boletim de ocorrência por estupro foi registrado nesta segunda-feira, 23, no 14º Distrito Policial de Pinheiros, na zona oeste de São Paulo, contra o senador Irajá Silvestre Filho,  do Estado do Tocantins, filho da também senadora Kátia Abreu.

O documento aponta que a vítima é uma modelo de 22 anos, que afirma ter conhecido o parlamentar durante um almoço no Jockey Club, na zona sul da capital paulista, no último domingo, 22.

Na sequência, segundo o registro de ocorrência, os dois seguiram para a casa noturna Café de La Musique, onde ela teria sido dopada, perdido a consciência e acordado em um flat, no Itaim Bibi, já sendo abusada pelo senador.

No documento consta que a modelo acordou com o parlamentar em cima ela, a penetrando sem preservativo, e dizendo frases como: ‘você é minha’ e ‘estou apaixonado’. Ela relatou à polícia que ficou com medo de ser agredida e, por isso, não resistiu ao abuso, mas pedia insistentemente para ir ao banheiro e tomar água, sem sucesso.

Leia Também:  Polícia civil investiga tentativa de execução contra casal de namorados registrada na noite deste domingo em Nova Mutum MT

Quando conseguiu sair da cama, após dizer que estava passando mal, a vítima se trancou no banheiro e começou a pedir socorro aos amigos através de mensagens pelo celular. Segundo o boletim, ela só teria deixado o local após a chegada de uma amiga.

Funcionários do hotel foram conduzidos à delegacia para depor como testemunhas. A polícia foi até o local, mas não encontrou o senador. O quarto foi preservado para perícia e a modelo passa por exames de corpo e delito e toxicológicos.

Senador se defende da acusação

“Foi com surpresa, decepção, tristeza e indignação que tomei conhecimento do episódio infame, maldoso e traiçoeiro envolvendo a minha vida e minha dignidade.

Eu sempre pautei minha vida profissional, pública e pessoal pela ética, respeito e retidão, sendo inimaginável ser acusado de algo dessa natureza.

O fato é que, como principal interessado na revelação ampla e total de toda essa farsa, solicitei que meu advogado, Daniel Bialski, reforçasse às autoridades responsáveis pela investigação do caso que requisitassem a realização de exame de corpo delito na acusadora para comprovar a verdade.

Leia Também:  Deputado estadual Eduardo Botelho apresenta Projeto de Lei que poderá tornar obrigatória ao cidadão a vacinação contra a Covid 19 em MT

Ressalto que compareci espontaneamente à delegacia responsável pela apuração dos fatos e pedi para ser submetido, voluntariamente, a exame de corpo de delito e toxicológico, tudo para desmistificar o quanto aleivosamente alegado.

As filmagens, demais provas e testemunhas hão de repor a verdade no seu devido lugar e vir a declarar minha total e plena inocência.

Confio na polícia e na Justiça e sei que ficará provado que jamais houve nada que possa tangenciar qualquer comportamento inapropriado de minha parte.

Lamento muito ter sido envolvido nesse enredo calunioso e difamatório que busca manchar o meu nome em função da visibilidade momentânea da função que ocupo.

Reitero que aguardarei a conclusão das investigações antes de fazer qualquer nova manifestação. Não pretendo ser atirado para essa arena sórdida. A verdade aparecerá e eu a aguardarei com serenidade.

Declaro e reitero que não cometi ilícito algum e estou à disposição das autoridades para quaisquer esclarecimentos que se fizerem necessários.”

Momento Destaque

Após três dias de caçada Policia Militar prende Empresário assassino que matou covardemente morador de rua com dois tiros na cabeça

Publicados

em

Foram 3 dias de buscas até que na tarde desta segunda-feira (18), policiais do 10º Batalhão da Polícia Militar conseguiram prender o empresário Rafik Samir Feguri, 42 anos, apontado como autor do homicídio que vitimou Cilce Pereira da Silva, que vivia em situação de rua na região da Rodoviária de Cuiabá, na última sexta-feira (15). Na casa dele, os policiais encontraram a arma usada no crime.

De acordo com as informações divulgadas pela assessoria de imprensa da PM, a prisão aconteceu por volta das 15h, após a polícia receber informações sobre o paradeiro do suspeito, que fugiu do local do crime e voltou ao comércio da família nesta segunda, um posto de gasolina perto da rodoviária.

A PM e Força Tática conseguiram contato com o suspeito, que se entregou na porta de casa. Ele concedeu entrada dos policiais, que fizeram a revista dentro do quarto. Uma arma de fogo foi encontrada debaixo do armário, com 16 munições intactas.

Câmeras de segurança registraram o momento em que o suspeito aparece atirando duas vezes no matagal logo após uma pessoa passar. Ele foi levado algemado para a Central de Flagrantes, acompanhado do seu advogado.

Leia Também:  Governo Federal começa na manhã desta segunda a distribuição da vacina contra a Covid para todo o Brasil. A relação por Estado está aqui

O crime

Polícia foi acionada por volta das 22h10, logo após a vítima ter sido encontrada caída em um terreno baldio aos fundos do Hotel Skala com um tiro na região da cabeça.

Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) esteve no local e o encaminhou para o Hospital Municipal de Cuiabá, onde o homem não resistiu e acabou morrendo quase 1h depois de ter dado entrada na unidade de saúde.

Populares contaram que o autor do tiro é o empresário Rafik Samir Feguri, que teria discutido com a vítima antes do crime.

No local, os investigadores da Delegacia de Homicídios encontraram o boné usado por Cilce no momento em que foi baleado.

Ele tinha uma perfuração do lado esquerdo e continha material encefálico. Entre os pertences da vítima, a polícia encontrou R$ 91 reais e uma porção de maconha.

 

 

Otavio Ventureli(da redação com assessoria)

Continue lendo

MOMENTO POLICIAL

MOMENTO DESTAQUE

MOMENTO MULHER

MOMENTO PET

MAIS LIDAS DA SEMANA