Momento Destaque

Questionamento democrático e quórum ‘flutuante’ marcam Sessões Extraordinárias

Publicados

em

A Câmara de Vereadores de Lucas do Rio Verde realizou na manhã desta sexta-feira (17) as Sessões Extraordinárias N° 01 e 02. Em duas sessões consecutivas em uma mesma manhã, os vereadores pautaram sugestões do Executivo Municipal, sendo elas: destinação de recursos para a Escola Dom Bosco, alteração do uso de percentual do recurso da BRF, assim como a doação de terrenos para o Ministério Público.

Fernando Pael, Vice-Presidente da casa de leis, foi quem presidiu as primeiras sessões extraordinárias do ano de 2020, já o Presidente, Dirceu Camilo Costa, se ausentou dos eventos legislativos devido ao falecimento de um funcionário.

A Sessão Extraordinária N° 01/2020 iniciada às 8h pautou e colocou em votação Projeto de Lei N°119/2019, que prevê a destinação recursos para a Escola Estadual Dom Bosco, com o intuito de investir na área de Esportes e Lazer da Unidade de Ensino, destacando para a quadra de tênis. As três comissões e os oito vereadores presentes encaminharam voto sim.

O debate mais acalorado no plenário ocorreu ao ser debatido o Projeto de Lei N°03/2020, que visa aumentar o uso de 15% para até 30% do recurso do Executivo Municipal recebido da BRF.

Leia Também:  Várzea Grande avança ainda mais com 624 cirurgias eletivas já realizadas, Kalil garante mais recursos e apoio à saúde

Em certo momento da Sessão, vereadores começaram a se retirar do Plenário para não dar quórum suficiente e prosseguir com as demais pautas que estavam sendo propostas para votação. Após reunião nos bastidores do Palácio Municipal, os parlamentares decidiram por concluir a primeira sessão e abrir uma segunda extraordinária.

Já a Sessão Extraordinária N° 02/2020 iniciada às 9h colocou em votação a doação de terreno público para o Ministério Público, visando concentrar os órgãos jurídicos em uma mesma área, localizada próximo a Prefeitura de Lucas do Rio Verde. As três comissões e os oito vereadores presentes encaminharam voto sim.

O Vereador Marcos Paulista não escondeu sua indignação para com os integrantes da casa de leis. “A minha indignação dentro dessa casa é ter o direito de pelo menos de perder, mas eu quero ter o direito de votar, os projetos tem que ser pautados, eles tem que vim para plenário. A essência da democracia é o contraditório”. Disse Paulista.

O Vereador Fernando Pael afirmou existir a possibilidade de uma terceira extraordinária na próxima terça-feira (21).

Leia Também:  "Este é um Governo diferenciado, que faz as coisas acontecerem", afirma prefeito de Colíder em inauguração de nova ala do Hospital Regional

Revisão de Texto: Felipe Almeida (Instagram: @aifelps)

Momento Destaque

A Secretaria de Planejamento e Gestão (Seplag) capacita servidores sobre construção e análise de indicadores

Publicados

em

A Secretaria de Planejamento e Gestão (Seplag), por meio da Secretaria Adjunta de Planejamento e Gestão de Políticas Públicas, encerrou na manhã desta sexta-feira (30.07) a capacitação “Construção e análise de indicadores”, que teve como público-alvo servidores do Executivo estadual que atuam em áreas estratégicas e de desenvolvimento organizacional. Ao todo, 64 servidores participaram da capacitação.

A ação foi realizada com a parceria da Secretaria Adjunta da Escola de Governo e da Universidade Estadual de Mato Grosso (Unemat), ao longo desta semana, por videoconferência, e compreendeu seis módulos com aulas teóricas e oficinas práticas.

De acordo com o secretário adjunto de Planejamento e Gestão de Políticas Públicas, Sandro Brandão, a capacitação teve como objetivo proporcionar aos servidores o nivelamento conceitual e prático relacionado ao assunto.

“Essa é uma capacitação inicial, estruturante e voltada para o ensino da construção de indicadores sólidos sobre as ações do Governo de Mato Grosso. Para termos resultados perenes, temos que estruturar muito bem as nossas bases”, comentou Brandão durante a abertura dos trabalhos, na última segunda-feira (26).

Leia Também:  Secretaria de Estado de Educação (Seduc-MT) libera contratações para professor, técnico e apoio administrativo para o retorno das aulas na modalidade híbrida
Fonte: GOV MT

 

Continue lendo

MOMENTO POLICIAL

MOMENTO DESTAQUE

MOMENTO MULHER

MOMENTO PET

MAIS LIDAS DA SEMANA