Momento Destaque

Serial Killer que vem aterrorizando o Centro Oeste brasileiro matando famílias inteiras pode estar ferido a bala na mata em Cocalinho de Goiás

Publicados

em

Após um tiroteio nesta quinta-feira (17), Lázaro Barbosa suspeito de uma chacina em Ceilândia, no Distrito Federal conseguiu fugir pela mata,  em Cocalinho de Goiás. O secretário de Segurança Pública de Goiás, Rodney Miranda, acredita que ele pode estar ferido.

“Cão farejador achou pano ensanguentado, pode ser até um ferimento grave. Ele tentou acertar um dos cachorros, policiais visualizaram e revidaram. Ele entrou em uma vala e depois, provavelmente, na água, e os policiais perderam o rastro dele”, disse o secretário.

O tiroteio aconteceu por volta de 17h. Dezenas de equipes foram ao local, incluindo Miranda. Este novo confronto aconteceu dois dias depois de policiais trocarem tiros contra Lázaro durante o resgate de uma família inteira, feita refém.

Moradores de Cocalzinho de Goiás relataram ter ouvido mais de 50 tiros. Um morador mandou uma mensagem para a noiva contando sobre “muito tiro” na região (ouça acima).“Muito tiro para o rumo do mato. Acho que pegaram ele. As viaturas todas descendo”, disse Marcos Douglas.

Leia Também:  Polícia Civil deflagra operação para prender líderes de associação criminosa atuante em Ribeirão Cascalheira

Miranda disse ainda que, durante a perseguição, o suspeito tentou atirar contra os cães farejadores que estavam em sua direção.

“Veio a notícia que houve um disparo contra a equipe da policia, que revidou em um milharal. Ele [Lázaro] desceu e foi para a mata, que é o padrão dele. O cão e o Bope foram atrás. Lá embaixo, ele tentou atirar no cão. Os policiais revidaram e ele entrou em uma vala com água e os policiais perderam a pista dele”, disse.

O secretário disse que Lázaro ainda deve estar escondido na mesma região onde aconteceu o confronto. Porém, nenhuma hipótese está descartada.“Nossa inteligência apontou que ele está naquela região [do tiroteio]. Botamos algumas equipes para entrar com visão noturna, mas o terreno é muito acidentado e difícil”, explicou.

Mais de 200 policiais estão no 9ª dia de buscas pelo suspeito. Mais cedo, o secretário anunciou que equipes da Força Nacional reforçariam as buscas. Entretanto, os policiais ainda não chegaram. “Possivelmente chegam amanhã. Está sendo organizada a logística”, explicou.

Leia Também:  Saúde Estadual apoia carreata de conscientização ao aleitamento materno

Miranda afirmou ainda que Lázaro está cada dia mais cansado. “Não há nada de audacioso na conduta desse psicopata. Ele está fugindo, está na zona de conforto dele. Estamos apertando e ele está espirrando para onde ele pode”, disse.

O secretário finalizou dizendo que as buscas vão continuar durante esta noite e lembrou que, quando Lázaro esteve foragido na Bahia, chegou a ficar por vários dias sem comer. “Na ultima situação dele, ele ficou 15 dias na Bahia sem alimento e só foi preso porque estava baleado”.

Otavio Ventureli(da redação de Brasilia)

Momento Destaque

Secretaria de Estado de Assistência Social e Cidadania realiza webinário para discutir ações de enfrentamento no combate à violência contra a mulher

Publicados

em

A Secretaria de Estado de Assistência Social e Cidadania (Setasc) realiza, através da Secretaria Adjunta de Direitos Humanos, em parceria com a Associação para Desenvolvimento Social dos Municípios de Mato Grosso (APDM-MT), o Webinário “Agosto Lilás – Mato Grosso no combate à violência contra a mulher”.

O evento, que marca o lançamento da campanha que leva o mesmo nome, será realizado na terça-feira (10.08), a partir das 14h. O objetivo é alertar a população sobre a relevância do tema, e principalmente no combate e prevenção à violência contra mulheres.

A transmissão do evento pelo canal da APDM-MT no YouTube com transmissão simultânea no canal Setasc Comunica. A abertura do Webinário contará com a participação da secretária da Setasc, Rosamaria Carvalho, e da presidente da APDM, Scheila Pedroso.

Dentre várias convidadas, o evento contará com a participação da desembargadora Maria Erotildes Kneip, da Coordenadoria Estadual da Mulher (CEMULHER), e de Sandra Raquel, da Associação de Mulheres do Estado de Mato Grosso.

Entre os temas abordados estão: A importância do Poder Judiciário no fortalecimento da Rede contra a Violência Doméstica; O papel do Núcleo de Defesa da Mulher da Defensoria Pública na proteção às mulheres e Relatos de superação – Antes e depois da Violência Doméstica.

Leia Também:  Secretaria de Estado de Assistência Social e Cidadania realiza webinário para discutir ações de enfrentamento no combate à violência contra a mulher

Dados

O balanço divulgado pelo Ministério dos Direitos Humanos (MDH) mostra que, por meio do Ligue 180, canal para denúncias de violência contra a mulher, foram recebidas 72.839 notificações somente no primeiro semestre de 2021. A violência física foi o crime mais registrado no período, com 34 mil casos, seguido da violência psicológica, com 24.378, e da violência sexual, totalizando a 5.978 casos.

O “Agosto Lilás” é uma campanha de conscientização pelo fim da violência contra a mulher e foi criada em referência à sanção da Lei Maria da Penha (Lei Federal nº 11.340/ 2006), assinada no dia 7 de agosto e que está completando 15 anos.

Continue lendo

MOMENTO POLICIAL

MOMENTO DESTAQUE

MOMENTO MULHER

MOMENTO PET

MAIS LIDAS DA SEMANA