Momento Economia

Imposto de Renda 2022: restituição terá correção de 1% em junho

Publicados

em

source
Imposto de Renda 2022: restituição terá correção de 1% em junho
Agência Brasil

Imposto de Renda 2022: restituição terá correção de 1% em junho

O segundo lote de restituição do Imposto de Renda 2022, que será pago pela Receita Federal em 30 de junho, terá correção de 1% com base na Selic (taxa básica de juros da economia). A Selic subiu 12,75% no início deste mês. Isso significa que aqueles que têm restituição a receber terão ganhos maiores.

Entre no  canal do Brasil Econômico no Telegram e fique por dentro de todas as notícias do dia. Siga também o  perfil geral do Portal iG

Na próxima terça-feira (31), último dia para entrega da declaração, a Receita pagará o primeiro lote de restituição do IR 2022 a cerca de 3,4 milhões de contribuintes com prioridade legal que já entregaram a declaração e não caíram na malha fina, totalizando R$ 6,3 bilhões. Nesse caso, o valor não será corrigido pela Selic.

Têm prioridade legal e, portanto, recebem a restituição no primeiro lote:

  • 226.934 contribuintes idosos acima de 80 anos;
  • 2.305.412 contribuintes entre 60 e 79 anos;
  • 149.016 contribuintes com alguma deficiência física ou mental ou moléstia grave;
  • 702.607 contribuintes cuja maior fonte de renda seja o magistério.
Leia Também:  Pedro Guimarães: Caixa admite ter recebido denúncias de assédio sexual

Segundo o Fisco, os demais lotes de restituição do Imposto de Renda também obedecem as prioridades legais, mas pagam contribuintes que não são prioritários.

Como consultar?

A consulta de valores é liberada uma semana antes do pagamento. Para saber se a restituição está disponível, o cidadão deve acessar o site da Receita Federal ( www.gov.br/receitafederal ), clicar em “Meu Imposto de Renda” e, em seguida, em “Consultar a Restituição”.

O pagamento é realizado diretamente na conta bancária informada na declaração do Imposto de Renda. 

Se, por algum motivo, o crédito não for realizado (por exemplo, a conta informada foi desativada), os valores ficarão disponíveis para resgate por até um ano no Banco do Brasil. 

Neste caso, o cidadão poderá reagendar o crédito dos valores no endereço  https://www.bb.com.br/irpf ou na central de relacionamento do banco por meio dos telefones 4004-0001 (capitais), 0800-729-0001 (demais localidades) e 0800-729-0088 (telefone especial exclusivo para pessoas com deficiência auditiva).

Leia Também:  Empresa transforma desafios da inclusão digital em soluções inovadoras

Veja o calendário de restituição do IR 2022:

1º lote: 31 de maio; 2º lote: 30 de junho; 3º lote: 29 de julho; 4º lote: 31 de agosto; 5º lote e último lote: 30 de setembro.

Propaganda

Momento Economia

Pedro Guimarães: Caixa admite ter recebido denúncias de assédio sexual

Publicados

em

Pedro Guimarães deixou o comando da Caixa nesta quarta-feira (29)
Isac Nóbrega/Presidência

Pedro Guimarães deixou o comando da Caixa nesta quarta-feira (29)

Horas depois de Pedro Guimarães deixar o comando da Caixa Econômica Federal , o banco admitiu pela primeira vez que recebeu “relato” de assédio sexual dentro da instituição pelo canal de denúncias. Segundo a nota divulgada na noite desta quarta-feira, há uma investigação sigilosa em andamento na Corregedoria.

No início da noite, o governo federal confirmou a demissão de Pedro Guimarães por acusações de assédio sexual por funcionárias do banco estatal. Ao mesmo tempo, confirmou o nome de Daniella Marques, atual secretária de Produtividade e Competitividade do Ministério da Economia, como substituta de Guimarães. A troca foi publicada em edição extra do Diário Oficial da União.

A Caixa destacou que a investigação interna está em andamento desde maio de 2022 e que entrou em contato com “o/a denunciante”. Disse ainda que realizou diligências internas. Ainda nesta quarta-feira, o Ministério Público do Trabalho do Distrito Federal notificou a Caixa para que entregue a relação de denúncias feitas contra o ex-presidente da estatal.

Leia Também:  Airbnb bane festas em todas as propriedades da plataforma

Como mostrou a colunista do GLOBO, Bela Megale, Pedro Guimarães se encontrou com o Bolsonaro durante a tarde. Na reunião, ele oficializou o pedido de demissão da presidência da Caixa Econômica Federal.


Em carta entregue ao presidente e dirigida aos brasileiros e aos colaboradores do banco, Guimarães afirma que não teve tempo para se defender é que é alvo de uma “situação cruel, injusta, desigual e que será corrigida na hora certa com a força da verdade”. No Diário Oficial, a exoneração consta como “a pedido”.

Os relatos contra Guimarães caíram como uma bomba no núcleo político da campanha de reeleição de Bolsonaro. Uma reportagem sobre o tema, acompanhada por vídeos com depoimentos de cinco vítimas de Guimarães, foi publicada na terça-feira pelo site “Metrópoles”.

As funcionárias, cujas identidades foram preservadas, relataram comportamentos inapropriados, como convites, frases constrangedoras e toques em partes do corpo delas.

Leia Também:  Golpistas miram acordos para recuperar perdas com planos econômicos

Entre no  canal do Brasil Econômico no Telegram e fique por dentro de todas as notícias do dia. Siga também o  perfil geral do Portal iG

Fonte: IG ECONOMIA

Continue lendo

MOMENTO POLICIAL

MOMENTO DESTAQUE

MOMENTO MULHER

MOMENTO PET

MAIS LIDAS DA SEMANA

Botão WhatsApp - Canal TI
Botão WhatsApp - Canal TI