Momento Economia

MTST bloqueia rodovias em 8 estados por volta do auxílio emergencial a R$ 600

Publicados

em


source
Guilherme Boulos afirma que o movimento está retomando o ativismo social
Lorena Amaro

Guilherme Boulos afirma que o movimento está retomando o ativismo social

O Movimento dos Trabalhadores Sem Teto ( MTST ) realiza um ato nesta sexta-feira (7) pedindo o retorno do auxílio emergencial ao valor de R$ 600 . O grupo bloqueou rodovias em oito estados , e também pede a volta dos investimentos em moradia popular que foram cortados no orçamento deste ano, além da suspensão imediata dos despejos durante a pandemia .

De acordo com Leonardo Sakamoto, do UOL, os bloqueios acontecem em:

  • São Paulo (na avenida Tiradentes, na ponte Eusébio Matoso e na ligação da rodovia Anchieta com avenida das Juntas Provisórias);
  • Porto Alegre (avenida Sertório);
  • Aracaju (avenida Heráclito Rollemberg);
  • Maceió (avenida Menino Marcelo);
  • Recife (BR-101);
  • Diamantina (no centro);
  • Goiânia (cruzamento da avenida Anhanguera com a avenida Goiás).
  • Rio de Janeiro, em local a confirmar.

“Ninguém aguenta mais. Chegou o limite. Tem gente desempregada passando fome porque reduziram o auxílio emergencial. Tem gente sendo despejada por não conseguir pagar o aluguel”, afirmou Guilherme Boulos, coordenador nacional do movimento, ao colunista. 

“Esse novo auxílio pago pelo governo não dá nem para comprar uma cesta básica. A inflação está lá em cima, com o arroz, o feijão, o óleo de soja muito caros. O brasileiro não come mais mistura, nem consegue botijão de gás – tem gente que voltou a cozinhar a lenha”, diz. “Estamos nessa manifestação, que é pacífica, por que não dá mais para ficar parado”, completou Débora Lima, coordenadora estadual do MTST em São Paulo, que está no bloqueio da avenida Tiradentes.

O grupo também contesta a decisão orçamentária de cortar 98% das verbas destinadas às moradias populares. Do R$ 1,5 bilhão previsto, sobraram R$ 27 milhões para o programa Minha Casa Minha Vida, rebatizado de Casa Verde Amarela. 

Guilherme Boulos disse que as manifestações de hoje são o início de um processo de retomada de luta do movimento social.

Leia Também:  Homem furta moto de empresa para ressarcir indenização não recebida; entenda

Propaganda

Momento Economia

Bolsonaro marca almoço com empresários do Rio de Janeiro; saiba mais

Publicados

em


source
Encontro contou com participação de 40 empresárias, ministros e do presidente Jair Bolsonaro
Alan Santos/Presidência da República

Encontro contou com participação de 40 empresárias, ministros e do presidente Jair Bolsonaro


O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) participará, nesta quinta-feira (17), de um almoço com empresários em um hotel na Barra da Tijuca, Zona Oeste da cidade do Rio de Janeiro . O estado é o berço e base eleitoral da família Bolsonaro. Em maio, ele jantou com representantes do setor em São Paulo que pediram que o governo federal se esforçasse para comprar vacinas contra a Covid-19 .

A  reunião do RJ está sendo organizada pela Associação dos Supermercados do Estado (Asserj). Entre os confirmados estão José Isaac Peres, dono da Multiplan; Carlos Fernando de Carvalho, proprietário da construtora Carvalho Hosken; e o presidente do Flamengo, Rodolfo Landim, conforme apurado pela revista Veja. O presidente da Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado (Fecomércio), Alexandre Queiroz, entre outros, também devem aparecer.


Bolsonaro fará um balanço das conquistas do governo para os empresários. “A campanha eleitoral já começou. Esses empresários querem ouvir o que o presidente tem para falar e saber as perspectivas para o futuro”, disse um aliado à reportagem da Veja. 

Bolsonaro é pré-candidato à reeleição em 2022 e tem viajado o Brasil participando de eventos com simpatizantes ao governo.

Continue lendo

MOMENTO POLICIAL

MOMENTO DESTAQUE

MOMENTO MULHER

MOMENTO PET

MAIS LIDAS DA SEMANA