Momento Economia

ONU projeta recuperação do PIB da América Latina apenas em 2023

Publicados

em


source

Brasil Econômico

Dados da ONU apontam recuperação de 3,8% no PIB da América Latina em 2021
Marcello Casal Jr/Agência Brasil

Dados da ONU apontam recuperação de 3,8% no PIB da América Latina em 2021

A Organização Mundial das Nações Unidas (ONU) acredita que a América Latina deve retomar os níveis econômicos registrados antes da pandemia apenas em 2023. Os dados da organização foram divulgados nesta segunda-feira (25), no relatório sobre a Situação e Perspectivas da Economia Mundial .

Para a ONU, as medidas de restrição para evitar a proliferação da Covid-19 –  como os lockdows prolongados – a queda de exportação de mercadorias e colapso no setor de turismo provocaram o recuo na expectativa da economia latino-americana . A organização ainda lembrou que houve um aumento considerável no número de pobres em países latinos.

Você viu?

“A América Latina e Caribe sofreram consequências devastadoras da pandemia”, diz o relatório lembrando, também, a crise sanitária em grandes proporções.

O levantamento ainda afirma que a economia da América Latina vai continuar frágil, desigual e com grandes riscos políticos. De acordo com a ONU, o Produto Interno Bruto (PIB) dos países latinos deve crescer 3,8 em 2021 e 2,7 em 2022, ante a queda de 8% registrada no ano passado.

Quanto ao Brasil , a organização prevê crescimento de 3,2% e 2,2% nos próximos dois anos respectivamente, em relação a 2020, quando o país obteve recuo de 5,3% na economia, segundo o relatório da entidade.

Propaganda

Momento Economia

Prorrogada MP que isenta consumidores do Amapá do pagamento de energia

Publicados

em


A medida provisória que isenta os consumidores dos municípios do Amapá, abrangidos pelo estado de calamidade pública, do pagamento da energia elétrica foi prorrogada por mais 60 dias. O ato, assinado pelo presidente do Congresso, senador Rodrigo Pacheco (DEM- MG) está publicado no Diário Oficial da União desta quinta-feira (25) .

Em novembro de 2020, o Acre enfrentou o primeiro apagão e uma crise no fornecimento de energia elétrica, depois que um incêndio atingiu a principal subestação de energia do estado. À época pelo menos 13 dos 16 municípios amapaenses, incluindo Macapá, registraram falta de energia. 

Edição: Denise Griesinger

Leia Também:  Arrecadação de impostos em janeiro somou R$ 180,221 bilhões
Continue lendo

MOMENTO POLICIAL

MOMENTO DESTAQUE

MOMENTO MULHER

MOMENTO PET

MAIS LIDAS DA SEMANA