Momento Entretenimento

Acusado de desviar dinheiro de fiéis, Padre Robson é vetado da TV

Publicados

em


source

Investigado por  desviar mais de R$ 120 milhões das doações feitas por fiéis, Padre Robson está proibido de aparecer na televisão ou em qualquer transmissão feita pela rádio ou pela internet até pelo menos dia 23 de janeiro de 2021. Ele tinha um programa diário na Rede Vida chamado “Divino Pai Eterno”, no qual trazia reflexões sobre textos bíblicos.

Padre Robson
Reprodução

Padre Robson não pode mais aparecer na televisão

Padre Robson teria usado dinheiro da igreja para comprar imóveis que não tem relação com a instituição religiosa em que participa. “A denúncia está causando escândalo entre os fiéis, está prejudicando a vida pastoral do Santuário do Divino Pai Eterno, a comunhão eclesial e a boa reputação do próprio sacerdote”, foi escrito em um trecho da limitação do exercício ministerial expedida pela Arquidiocese de Goiânia, segundo divulgado pelo jornal Extra.

“Para evitar escândalos e encorajar o clérigo a retomar sua boa fama, decreto: O Revmo. Pe. Robson de Oliveira Pereira está proibido de participar, realizar e protagonizar programas de televisão, rádio ou internet. Isso inclui conceder qualquer entrevista jornalística ou de natureza semelhante”, foi explicado em outra parte.


O programa que era apresentado pelo religioso ainda não tem um novo apresentador oficial e a Rede Vida tem feito um rodízio entre os padres do canal. Após o escândalo, o próprio Padre Robson pediu afastamento das suas funções e, além de não aparecer na TV, ele também não rezará missas e não precisará usar as vestimentas de padre em público.

Fora a lavagem de dinheiro,  Padre Robson ainda pode estar envolvido em outros crimes, incluindo falsificação de documentos, sonegação fiscal e associação criminosa. O Ministério Público iniciou a investigação após o pároco ser vítima de extorsão, que o levou a gastar R$ 2,9 milhões vindos da Associação Filhos do Pai Eterno (Afipe), que administra o Santuário Basílica de Trindade. Além isso,  um dos hackers que chantageou o padre pode ter vivido um affair com o religioso.

Fonte: IG GENTE

Propaganda

Momento Entretenimento

Fãs do BTS arrecadam dinheiro para financiar combate às queimadas no Pantanal

Publicados

em


source
BTS
Reprodução/Instagram

BTS

Os fãs do grupo  BTS , conhecidos como Armys , resolveram fazer uma campanha para ajudar o combate aos incêndios na região do Pantanal . A fanbase brasileira lançou o projeto de financiamento coletivo pela site Benfeitoria.

Até o momento desta publicação, a vaquinha online já atingiu R$ 27 mil. Segundo os fãs, o dinheiro será destinado ao Instituto Homem Pantaneiro (IHP), uma organização sem fins lucrativos, responsável por proteger o Pantanal no sul-mato-grossense.

Os focos de incêndio iniciados em nove fazendas do Pantanal já destruíram 141.773 hectares de vegetação. Quatro dessas fazendas foram identificadas pela Polícia Federal (PF), na Operação Matáá, que investiga queimadas ilegais no Pantanal de Mato Grosso do Sul.

O grupo de fãs Army Help The Planet é organizado por brasileiros e conta com mais de 20 mil seguidores no Twitter . A iniciativa dos admiradores é unir a paixão pela banda com ações sociais. Esta, portanto, não é a primeira vez que os “armys” se envolvem em uma causa.

Leia Também:  Documento pode provar união estável de Rose Miriam com Gugu

Neste ano, eles entraram em protestos nas mídias sociais contra o racismo e a brutalidade policial nos Estados Unidos. Os fãs do BTS igualaram a doação de US$ 1 milhão (cerca de R$ 5,1 milhões) da banda ao movimento Black Lives Matter .

Fonte: IG GENTE

Continue lendo

MOMENTO POLICIAL

MOMENTO DESTAQUE

MOMENTO MULHER

MOMENTO PET

MAIS LIDAS DA SEMANA