Momento Esportes

Assoeva perde chances, e Pato vence pela Liga Nacional de Futsal

Publicados

em


“A bola pune”. O bordão que Muricy Ramalho popularizou quando técnico do São Paulo ajuda a entender a vitória do Pato sobre a Assoeva, neste domingo (4), pela 11ª rodada da Liga Nacional de Futsal (LNF). Os gaúchos abriram 2 a 0, perderam uma série de chances e viram os atuais bicampeões virarem para 5 a 2 no Ginásio Poliesportivo Parque do Chimarrão, em Venâncio Aires (RS). A partida teve transmissão ao vivo da TV Brasil.

O triunfo deu ao Pato a liderança temporária do Grupo C, com 14 pontos, superando pelo saldo de gols (sete a cinco) o Umuarama, que vai à quadra também neste domingo, às 19h (horário de Brasília), contra o Campo Mourão, fora de casa. A equipe de Venâncio Aires, que sofreu a primeira derrota em seus domínios, segue com sete pontos, na quarta posição da chave, a frente do Tubarão pelo número de gols marcados (13 a 6).

Leia Também:  São Paulo intensifica treino para enfrentar o Flamengo

O primeiro tempo teve domínio da Assoeva, que, com quatro minutos de jogo, abriu dois gols de vantagem. Primeiro em chute forte do ala Torres, da intermediária. Depois em um golaço de voleio do também ala Vini Scola. O time gaúcho criou várias oportunidades, mas pecou na finalização. A segundos do intervalo, o ala Neguinho, com uma bomba de perna esquerda, descontou para o Pato.

Na etapa final, os gaúchos perderam Torres, expulso, e os paranaenses consolidaram a reação. Aos 11 minutos, o pivô Rodriguinho deixou dois marcadores no chão e empatou. Três minutos depois, o também pivô Tiago Selbach escapou do carrinho do fixo Saraiva e bateu no canto. A Assoeva se lançou ao ataque, adotando a estratégia do goleiro linha, mas cedeu espaços e o Pato aproveitou, definindo a vitória com dois gols nos dois minutos finais, ambos em contra-ataques do ala Joãozinho.

Rodada movimentada

No último sábado (3), cinco jogos movimentaram a LNF. Dono da melhor campanha da competição, o Magnus Sorocaba chegou à oitava vitória em oito jogos pelo Grupo A ao fazer 3 a 1 na casa do Praia Clube. A franquia de Uberlândia (MG) é a sexta, com quatro pontos. Na mesma chave, o São José foi a Dracena (SP) e derrotou a Intelli Tempersul por 4 a 1. Os times somam 11 pontos, empatados no segundo lugar, com a Intelli à frente graças ao saldo de gols (zero a -1).

Leia Também:  Moledo zagueiro do Inter é reavaliado e segue como desfalque contra o Corinthians

Pelo Grupo B, o Joinville atropelou o Carlos Barbosa por 4 a 0 e impediu que os gaúchos (que acumulam 14 pontos) assumissem a liderança, atualmente com o Atlântico (15 pontos). A equipe de Santa Catarina, que atuou em casa, foi a 11 pontos, na quarta posição. Quem também perdeu a chance de ficar em primeiro foi o Cascavel, que foi a 14 pontos com o empate por 2 a 2, em Blumenau (SC), com a equipe local, lanterna da chave com quatro pontos.

Por fim, no Grupo C, Jaraguá (quatro pontos) e Joaçaba (três) não saíram do zero e seguem nas duas últimas posições. Ainda pela chave, na sexta-feira (2), o Tubarão surpreendeu o líder Umuarama e venceu por 2 a 1, em Tubarão (SC).

Confira a classificação da Liga Nacional de Futsal.

Edição: Fábio Lisboa

Propaganda

Momento Esportes

Mancini busca por time ideal, mesmo depois de usar 25 jogadores em quatro jogos

Publicados

em


Dos jogadores de linha à disposição, apenas quatro não foram escalados pelo treinador:

  • Michel Macedo, lateral-direito, que ficou no banco em todas as partidas;
  • Roni, volante, reserva nos três últimos jogos;
  • Ángelo Araos, meia, relacionado pela primeira vez no duelo contra o América;
  • Matheus Davó, atacante, que sequer foi relacionado.

Até agora, apenas três atletas foram titulares em todos os duelos com Vagner Mancini: o lateral-direito Fagner, o volante Xavier e o meia Mateus Vital.

– Todos estão nos planos. Na minha chegada, disse que a primeira função do treinador é recuperar todos os jogadores. É muito fácil chegar e pedir jogadores. Você vai onerar uma conta que já existe e colocar em xeque quem está no clube. Já fui atleta e passei por tudo isso. Uma das primeiras funções é recuperar jogador. Em duas semanas, vi evolução nos atletas dentro da maneira que eu quero – disse Mancini na última terça-feira.

  Com um jogador a menos Ceará vence o Corinthians de 2 a 1

Leia Também:  São Paulo intensifica treino para enfrentar o Flamengo

Ainda sem ter repetido escalação, o treinador corintiano planejava, depois da vitória contra o Vasco, começar a fixar uma equipe. Porém, o mau desempenho na derrota para o América-MG deve provocar mudanças no time para enfrentar o Internacional, neste sábado, às 19h, na Neo Química Arena.

Para o confronto contra o líder do Brasileirão, Mancini contará com as voltas de Fábio Santos, Otero e Gustavo Mosquito, que não podem defender o Timão na Copa do Brasil.

Veja os jogadores utilizados por Mancini e quantos minutos cada um deles atuou com o técnico:

Goleiros

  • Cássio – 270
  • Walter – 90

Laterais

  • Fagner – 360
  • Lucas Piton – 252
  • Fábio Santos – 90
  • Sidcley – 18

Zagueiros

  • Gil – 360
  • Bruno Méndez – 76
  • Marllon – 281

Volantes

  • Xavier – 360
  • Éderson – 205
  • Camacho – 112
  • Cantillo – 18
  • Gabriel – 16

Meias

  • Mateus Vital – 296
  • Cazares – 222
  • Ramiro – 205
  • Gustavo Mantuan – 106
  • Otero – 55
  • Luan – 52

  Corinthians é derrotado pelo Sport na abertura da 12ª rodada do Brasilleirão

Leia Também:  Kayzer e Jorginho ficam à disposição no Athletico para enfrentar o Sport

Atacantes

  • Everaldo – 209
  • Boselli – 112
  • Léo Natel – 87
  • Jô – 60
  • Gustavo Mosquito – 34

 

COMENTE ABAIXO:

Continue lendo

MOMENTO POLICIAL

MOMENTO DESTAQUE

MOMENTO MULHER

MOMENTO PET

MAIS LIDAS DA SEMANA