Momento Esportes

Atletismo: Joshua Cheptegei quebra recorde mundial dos 10 mil metros

Publicados

em


O corredor ugandense Joshua Cheptegei demoliu o recorde mundial da prova dos 10 mil metros nesta quarta-feira (7) em um evento especial de atletismo realizado em Valência (Espanha), cruzando a linha de chegada com o impressionante tempo de 26min11s02, baixando em 6 segundos a antiga marca, que durava 15 anos.

Cheptegei, de 24 anos, quebrou o recorde anterior de 26min17s53, estabelecido pelo queniano Kenenisa Bekele em 2005. Para isso ele correu diante de arquibancadas praticamente vazias no estádio Turia, com apenas 400 pessoas autorizadas a entrar, incluindo patrocinadores, jornalistas e equipe de apoio.

A conquista se soma a outras recentes de Cheptegei, que conquistou a medalha de ouro dos 10 mil metros no Mundial de Atletismo em Doha, no ano passado, enquanto em agosto quebrou o recorde de Bekele na prova dos 5 mil metros na etapa de Mônaco da Diamond League.

Em dezembro, também em Valência, Cheptegei quebrou o recorde dos 10 km em corrida de rua também por 6 segundos.

Leia Também:  Série D: em partida truncada, Brasiliense vence Villa Nova por 1 a 0

A marca de Cheptegei completou um evento perfeito na cidade espanhola, depois que a etíope Letesenbet Gidey quebrou o recorde feminino dos 5 mil metros em mais de 4 segundos, cruzando a linha de chegada em 14min6s62.

Gidey, de 22 anos, desbancou com folga a marca anterior, de 14min11s15 e obtida em 2008 por sua compatriota Tirunesh Dibaba.

Propaganda

Momento Esportes

Jogando na Espanha, Real Madrid perde de 3 a 2 para o Shakhtar

Publicados

em


O Shakhtar Donetsk (Ucrânia) conseguiu uma surpreendente vitória de 3 a 2 sobre o Real Madrid (Espanha) fora de casa em sua estreia no grupo B da Liga dos Campeões nesta quarta-feira (21), isto apesar de estar sem 10 jogadores por causa de lesões e de casos do novo coronavírus (covid-19).

O meio-campista brasileiro Tetê colocou o Shakhtar na frente dos merengues aos 29 minutos de um primeiro tempo turbulento. Ele chutou fora do alcance do goleiro Courtois após Viktor Korniyenko superar a defesa do Real.

Os visitantes alcançaram 2 a 0 quatro minutos depois, quando o zagueiro Raphael Varane chutou para dentro da própria meta ao tentar dominar a bola após Courtois defender parcialmente um chute. Já o meia-atacante israelense Manor Solomon deixou o dele um pouco antes do intervalo.

Leia Também:  Japão adotará medidas para proteger Olimpíada de ataques cibernéticos

O meia croata Luka Modric descontou para o time do técnico francês Zinedine Zidane no início do segundo tempo. E o atacante brasileiro Vinícius Júnior fez o segundo dos merengues.

O volante uruguaio Valverde poderia ter empatado nos acréscimos, mas o gol foi anulado por impedimento. Assim, a equipe ucranina, mesmo desfalcada, comemorou uma de suas vitórias mais memoráveis na competição europeia.

Continue lendo

MOMENTO POLICIAL

MOMENTO DESTAQUE

MOMENTO MULHER

MOMENTO PET

MAIS LIDAS DA SEMANA